fbpx

Fluminense decide não levar Allan para clássico com Vasco

Além de Paulo Henrique Ganso, suspenso, o meio-campo do Fluminense não terá Allan no clássico com o Vasco, sábado, em São Januário, pela 11ª rodada do Brasileirão. Visto que o novo contrato de empréstimo do volante apareceu no BID na terça-feira, o clube considera que o cumprimento de suspensão contra o Ceará, no dia anterior, poderia ser contestado. Assim, a ausência por expulsão na rodada passada deveria ocorrer só no jogo do fim de semana.

Allan, emprestado pelo Liverpool até o fim da temporada, demorou a ser regularizado devido ao atraso da Federação Inglesa de Futebol em repassar aos tricolores a documentação necessária.

A diretoria tomou a decisão depois de consulta à CBF, a fim de não correr risco de sofrer perda de pontos posteriormente. Allan deu lugar a Yuri no empate em 1 a 1 com o Vozão, no Maracanã.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

De volta após cumprir suspensão, Allan tem renovação de empréstimo publicada no BID

Contrato do volante estava sem validade desde o dia 1º de julho; além dele, Nenê também teve sua rescisão com o São Paulo oficializada

Foto: Lucas Merçon / FFC

Boa notícia para a torcida do Fluminense. Um dos destaques do time nesta temporada, o volante Allan teve sua renovação de empréstimo publicada no BID da CBF nesta segunda-feira (16). O vínculo, que estava sem validade desde o dia 1º de julho, foi prorrogado junto ao Liverpool-ING, garantindo a permanência do atleta até o fim deste ano. Peça-chave no esquema de Fernando Diniz no Tricolor carioca, o jovem jogador cumpriu suspensão contra o Ceará e irá retornar ao time no clássico do próximo sábado (20), contra o Vasco, às 11h (de Brasília), em São Januário, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Foto: Reprodução

Nenê pode ser regularizado

Além de Allan, outro jogador que teve seu nome constando no BID nesta segunda foi Nenê. Recém-contratado pelo Fluminense, o meia de 37 anos teve sua rescisão oficial com o São Paulo publicada e, consequentemente, já pode ser regularizado pelo Tricolor. O experiente atleta treinará com a equipe durante esta semana e, caso acerte a documentação e o treinador Fernando Diniz opte por ele, pode estrear justamente contra o Vasco, onde atuou por quase três anos. Nenê foi apresentado na noite de ontem, pouco antes do empate em 1 a 1 com o Ceará. Seu primeiro contato com a torcida no Maracanã foi marcado por uma grande manifestação de apoio por parte dos tricolores.

Foto: Reprodução

Allan comemora título de Firmino pela seleção brasileira no gramado do Maraca

Ex-companheiros de Liverpool, Allan e Roberto Firmino comemoraram a conquista da Copa América pela seleção brasileira, que venceu o Peru por 3 a 1 na final deste domingo, no Maracanã, onde o atacante jogou pela primeira vez. Após a cerimônia de entrega de medalhas, o volante do Fluminense postou foto ao lado do amigo no gramado.

Outros tricolores assistiram ao jogo diretamente do estádio, como Gilberto, Kelvin, Miguel e João Pedro. Além deles, Mário Bittencourt e Celso Barros estiveram no local e, inclusive, encontraram o goleiro Muriel, anunciado como novo reforço do clube na sexta-feira.

No Rio de Janeiro para acompanhar a decisão, o pai de Firmino, José Roberto, conheceu o Centro de Treinamento do Tricolor, seu time de coração, na quinta-feira e aproveitou para rever Allan, que treina de olho na volta do Campeonato Brasileiro, dia 15, contra o Ceará.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Após renovar com o Flu, Allan cogita seguir no Brasil

Foto: Lucas Merçon/FFC

O volante Allan anunciou no início desta semana a extensão do seu vínculo de empréstimo com o Fluminense, que iria até o mês de junho, por mais seis meses, garantindo sua permanência no Tricolor até no mínimo o final do ano.

Contudo, a intenção do atleta que pertence ao Liverpool, da Inglaterra, é seguir no país tupiniquim.

Aliás, para renovar com o Flu, Allan, jogou para janeiro uma opção de renovação com o clube inglês. Sendo, que seu contrato com os Reds, vai até a metade de 2020, com isso, em janeiro, o volante já poderá assinar um pré contrato com qualquer equipe, desde que o Liverpool não exerça sua prioridade de renovação.

Assumindo a condição de titular da equipe no lugar de Airton que vem sofrendo com seguidas lesões, Allan alcançou a maior sequência na carreira, chegando aos 23 jogos disputados em 2019, superando a marca da temporada 2017-2018, quando fez 22 jogos pelo Apollon Limassol, do Chipre. 

Diante dos números e da boa fase na carreira, o jogador revelou o desejo de seguir no Tricolor e criar um vínculo com o clube das Laranjeiras:

– Não é bom ficar mudando o tempo todo. Aconteceu comigo nesse início por conta do visto (para ficar na Inglaterra). Mas eu quero ficar no Fluminense e criar raízes – disse o volante.

Fonte: Globoesporte.com

Fluminense efetiva acordo com Liverpool e segura Allan até o fim do ano

Inicialmente emprestado até 30 de junho, o volante Allan ficará nas Laranjeiras por, pelo menos, mais seis meses. Havia um acordo verbal entre Fluminense e Liverpool que dependia só da regularização da documentação, ocorrida no começo do mês, para ser confirmado.

Embora pertença ao clube inglês, o jovem de 22 anos tinha sido cedido ao Eintracht Frankfurt, da Alemanha, até o fim de junho, prazo que seguiu valendo para o empréstimo ao Tricolor. Com o vínculo expirado, as partes negociaram a extensão.

Após começo na reserva, Allan tomou a posição de primeiro volante e já soma 23 jogos. Sem visto para atuar pelo Liverpool, ele vinha viajando a Europa para ganhar rodagem até voltar ao Brasil, onde começou a carreira no Internacional. Aliás, o jogador já confessou em diversas entrevistas o desejo de permanecer em seus país.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Allan descarta atrasos salariais como motivo das derrotas e se diz feliz no Fluminense

Acumulando boas atuações pelo Tricolor, volante comentou sobre os problemas financeiros e reafirmou a necessidade do grupo se fortalecer

Foto: Mailson Santana / FFC

Nesta sexta-feira (8), Allan concedeu entrevista coletiva antes do treinamento no CTPA. Como já era de se esperar, o volante não fugiu do assunto mais incômodo que vem cercando o clube das Laranjeiras nesses últimos tempos: os atrasos salariais. Apesar de ter quitado um mês atrasado da CLT, o Fluminense ainda deve três meses de salários e cinco de direitos de imagem. Entretanto, apesar de todos os problemas e insatisfações, o jogador de 22 anos negou que a situação financeira seja o motivo das derrotas da equipe. Além disso, frisou que é muito importante o grupo se fortalecer e seguir trabalhando para conquistas melhores resultados.

“Insatisfação todos têm, porque temos contas e família. Mais de três meses atrasado. Mas não é o motivo das derrotas. Temos que fortalecer ainda mais o grupo. Não tem outra maneira de sair desse momento. Se isso virar mais uma pedra no caminho, só vai piorar as coisas. Temos que trabalhar para voltar a vencer”.

Perguntado sobre o clássico contra o Flamengo, que acontece neste domingo (9), às 19h (de Brasília), no Maracanã, Allan destacou a necessidade de vitória – o Tricolor já acumula uma série de quatro jogos sem ganhar -, e revelou grande expectativa para mais um Fla-Flu.

“Vai ser um clássico bonito, de futebol bem jogado. Não vamos mudar muito a forma de jogar, só ajeitar algumas coisas. A estrutura não muda, mas precisamos entrar ligados. Eles têm um time muito bom na frente. Qualquer erro pode comprometer. É um jogo importantíssimo para a continuidade do trabalho. A gente sabe que precisa ganhar. Faz um tempo que a gente não ganha, e isso incomoda. O Fluminense é grande. Estamos consertando algumas coisas para ir bem no clássico”.

O volante assumiu que a equipe ainda está um pouco abatida pela eliminação na Copa do Brasil após perder nos pênaltis para o Cruzeiro. Porém, afirmou que é necessário virar a chave e focar totalmente no clássico contra o Flamengo. Questionado sobre os desfalques para a partida, o titular do meio-campo tricolor garantiu que quem entrar em campo irá dar conta do recado.

“Foi difícil, o gol no último minuto nos deu muitas esperanças. Merecíamos a classificação. Ainda estamos um pouco para baixo, mas temos que esquecer isso. Temos um jogo muito importante no domingo. Vai entrar um time com muita vontade de vencer, independentemente de quem seja. O departamento médico está tentando fortalecer os que estão lesionados, são jogadores importantes, que vêm de uma sequência boa. Mas quem entrar vai dar conta do recado”.

Colecionando boas atuações pelo Fluminense, Allan caiu nas graças da torcida e vem sendo bastante elogiado nas redes sociais. De acordo com ele, apesar do bom momento, é preciso que o time pare de oscilar tanto e siga trabalhando, pois o ano ainda está na metade.

“Procuro evitar olhar redes sociais, essas coisas. No momento bom virão os elogios. Nos momentos ruins, as críticas. Já passei por isso no próprio Fluminense. Prefiro evitar para não me iludir. Faltam muitos jogos na temporada, não estamos nem na metade do ano. O momento é delicado, difícil. O trabalho está sendo bom, mas a torcida espera o resultado. Em pouco mais de cinco meses fizemos um trabalho bom, passamos por etapas importantes. Só falta um detalhe para conseguir as vitórias. Temos que parar de oscilar tanto”.

Por fim, o atleta comentou sobre sua estadia no clube carioca. Emprestado pelo Liverpool-ING, que acabou de se sagrar campeão da Liga dos Campeões, o volante reiterou o desejo de jogar pelos ‘Reds’, mas disse que ainda está longe dos padrões exigidos para atuar no futebol europeu. O jogador de 22 anos ainda assumiu torcer por uma renovação com o Fluminense, que buscará mantê-lo até o final da temporada.

“Tenho o sonho de jogar no Liverpool, foi o clube que abriu as portas para mim no futebol profissional. Tenho esse sonho, mas preciso viver na realidade. Ainda não estou no nível e nem na experiência dos que estão lá. Aqui, estou bem e gosto de todos do clube. Não pretendo voltar para o Liverpool no momento. Quero que dê tudo certo na renovação”.

Destaque no Fluminense, Allan agradece confiança passada por Diniz: “Vem me ajudando bastante”

Volante afirmou que treinador é muito importante para o elenco e para que os jogadores consigam melhorar a cada dia mais

Foto: Lucas Merçon / FFC

Desde que chegou ao Fluminense, Allan foi conquistando seu espaço aos poucos, até que se tornou titular absoluto no meio de campo. Colecionando boas atuações, o volante é destaque jogo após jogo e caiu nas graças da torcida. Para o jogador de 22 anos, que pertence ao Liverpool-ING, Fernando Diniz tem uma importância enorme nesse bom momento que ele vem vivendo. De acordo com Allan, a relação do treinador com o elenco é essencial, já que o mesmo corrige os erros, dá dicas e passa confiança sempre que possível.

“O Fernando me deu total confiança, vem me ajudando bastante. O jogador precisa disso, de uma relação mais próxima com o treinador. E eu só estou tendo isso agora. Das outras vezes eu não sabia o que estava acontecendo. Às vezes fazia a coisa errada e ninguém avisava. Eu fazia pensando que era o certo, mas não estava e ninguém corrigia. Aqui é diferente. Ainda estou me ajustando, mas o Fernando está mostrando bem o caminho”.

Depois de ter ficado de fora na derrota por 3 a 2 para o Bahia por suspensão, o volante voltou contra o Atlético Nacional e, apesar de mais um revés, se destacou com um poder de marcação muito forte. Para o duelo com o Athletico-PR, neste domingo (02), pelo Brasileirão, Allan tem presença certa no time titular, que deve sofrer algumas alterações visando evitar o desgaste e possíveis lesões. Vale lembrar que na próxima quarta (05), o Fluminense tem um confronto decisivo pela Copa do Brasil, contra o Cruzeiro, no Mineirão. Na partida de ida, no Maracanã, as equipes empataram em 1 a 1.

Titular absoluto, Allan deve continuar no Flu até dezembro

Foto: FFC

Atual dono da posição de primeiro volante do Fluminense, Allan deve permanecer no tricolor pelo menos até o fim do ano. O jovem de 22 anos, que chegou do Liverpool – ING por empréstimo até 30 de junho deve ter seu contrato renovado por mais 6 meses, quem afirma é o diretor executivo de futebol do Fluminense, Paulo Angioni. “ O Allan tem acerto de renovação até dezembro. Ocorre que ele estava emprestado a um clube alemão (Eintracht Frankfurt) e os direitos econômicos e federativos são do Liverpool. Provavelmente vai acabar o prazo de empréstimo e o Liverpool vai fazer um novo para nós até dezembro.”

O meio-campista aproveitou as ausências de Airton e Bruno Silva no time (ambos lesionados) para encantar o torcedor e Fernando Diniz e parece ter conquistado sua vaga entre os titulares. O jogador tem sido o motorzinho do time, exibindo muita categoria e confiança na saída de bola e aproximação com os homens de frente e já soma 17 jogos com a camisa do Fluminense, sendo 11 como titular. 

ST,

Filipe Barros

Allan prega foco na Sul-Americana e destaca necessidade de vencer no Maracanã

Vivendo boa fase, volante analisou a importância de abrir o confronto diante do Atlético Nacional diante da torcida tricolor

Foto: Lucas Merçon / FFC

Um dos destaques do Fluminense nas últimas partidas, Allan vem se firmando no time titular e aos poucos mostra sua importância para a manutenção do estilo de jogo imposto por Fernando Diniz. Apesar de ter recebido o terceiro cartão amarelo e estar fora da próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o volante tem presença garantida na partida contra o Atlético Nacional-COL, na próxima quinta (23), às 21h30 (de Brasília), no Maracanã, pela Copa Sul-Americana.

Semifinalista no ano passado, o Tricolor vê com bons olhos a possibilidade de título da competição, que renderia uma vaga na Libertadores em 2020. Perguntado sobre o duelo contra os colombianos, Allan destacou a importância de conquistar um bom resultado dentro de casa, principalmente em competições desse porte.

“Em competições mata-mata, temos que fazer o resultado em casa. Acho que ajuda muito o primeiro jogo ser em casa. Podemos fazer um bom resultado diante do nosso torcedor para ir tranquilo para o jogo da volta lá na Colômbia. Sabemos que não termina aqui, mas um bom resultado é fundamental para avançarmos e sonharmos com o título”.

Emprestado pelo Liverpool-ING até o meio da temporada, o jovem volante pode ter seu vínculo com o clube das Laranjeiras estendido até o fim de 2019.

Allan defende Rodolfo de vaias e faz apelo aos torcedores: “Um pouco mais de paciência”

Volante comentou sobre o episódio após o empate em 1 a 1 com o Cruzeiro; além do goleiro, Luciano também foi vaiado

Foto: Lucas Merçon / FFC

Caindo nas graças da torcida a cada dia mais, Allan teve mais uma boa atuação no empate em 1 a 1 com o Cruzeiro, no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Após a partida, o volante tricolor concedeu entrevista e falou sobre as vaias da torcida direcionadas a Rodolfo logo após o gol dos mineiros. Para ele, é essencial que os tricolores tenham mais paciência com o goleiro.

“É uma situação chata ser vaiado pela torcida. Acho que a torcida deveria ter um pouco mais de paciência. Acho que o Rodolfo está tranquilo, a gente abraça ele e vai nos ajudar muito”.

O Fluminense volta à campo no próximo sábado (18), quando enfrenta novamente o Cruzeiro, no Maracanã, às 18h (de Brasília), em duelo válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Atualmente, o time de Fernando Diniz ocupa a 15ª posição, com uma vitória e três derrotas.

Top