fbpx

Após classificação, Argentina volta a treinar no CTPA antes de encarar o Brasil

Foto: Divulgação/AFA

A Argentina bateu a Venezuela por 2 a 0 na última sexta-feira (28) no Maracanã pelas quartas de finais da Copa América, e com isso granatiu classificação à semifinal, onde encara o Brasil na próxima terça-feira (2), no Mineirão.

Os Hermanos que fizeram toda a preparação para as quartas de finais no CTPA (Centro de Treinamento Pedro Antônio), localizado na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, voltou ao CT Tricolor neste sábado (29) para dar sequência nos treinamentos, visando dessa vez a seleção brasileira.

Com viajem marcada para Minas já neste domingo (30), os Hermanos ainda irão realizar outro treinamento no CTPA na manhã do próprio domingo (30) antes de partirem para BH, quando devem deixar o Rio por volta das 14h e 30.

Brasil e Argentina se enfrentam na próxima terça-feira (2), às 21h e 30, no Mineirão. Quem vencer passa para a grande final que será realizada no Maracanã. Caso haja um empate a decisão irá para a prorrogação e, persistindo o empate, o finalista será decidido nos pênaltis.

Thiago Silva brinca com ida de Messi ao CT do Fluminense: “Tranca ele aí”

Junto com a delegação da Argentina, Messi treina no Centro de Treinamento do Fluminense, na Barra da Tijuca, em preparação para o jogo das quartas-de-final da Copa América, contra a Venezuela, às 16h de sexta-feira, no Maracanã.

Os hermanos foram recebidos para o segundo treino no local, nesta quarta-feira, com camisas oficiais do Tricolor. Após o clube publicar imagens do craque do Barcelona com o uniforme, Thiago Silva, acostumado a marcar o camisa 10 da albiceleste, brincou: “Tranca ele aí”.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fluminense entrega camisas oficiais a Messi, Aguero e cia

Foi a vez da seleção argentina ser presenteada com camisas oficiais do Fluminense, cujo Centro de Treinamento, na Barra da Tijuca, vem sendo usado pelos hermanos desde terça-feira, visando às quartas-de-final da Copa América, contra a Venezuela, às 16h de sexta-feira. O Uruguai, que se despediu do Rio de Janeiro, já havia recebido os uniformes.

Os destaques nas redes sociais foram para Messi, Aguero e Dybala, que revelou simpatia pelo clube das Laranjeiras em entrevista no ano passado. Ao registrar o processo de personalização das camisas, o Tricolor brincou com o craque do Barcelona: “Nossa camisa 10 já foi de muitos craques de outro planeta. E ainda é”.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Messi no Fluminense: craque treina com seleção argentina no CT

A casa da seleção argentina no Rio de Janeiro é o Centro de Treinamento do Fluminense, a um trajeto de sete quilômetros e dez minutos do hotel que hospeda a delegação, na Barra da Tijuca. Classificados em segundo lugar no grupo B da Copa América, após triunfo por 2 a 0 sobre o Catar, os hermanos desembarcaram na Cidade Maravilhosa nesta segunda-feira e realizaram na tarde de hoje uma atividade fechada para a imprensa.

A equipe albiceleste chegou ao CT logo depois do Uruguai, cujos jogadores receberam camisas oficiais do clube das Laranjeiras. Os argentinos ficaram em um campo e o elenco tricolor, que voltou de recesso no início da semana, em outro.

Os torcedores do Fluminense vibraram com as imagens de Messi, Aguero e companhia no local. De olho nas quartas-de-final do torneio, as estrelas têm novo treino marcado para amanhã. O adversário será a Venezuela, no Maracanã, às 16h de sexta-feira.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Dybala elogia futebol brasileiro e destaca Fluminense: ‘Grande clube’

Gigantes do futebol, como o Fluminense, sempre são lembrados. Ao canal ‘Pilhado’, do YouTube, Dybala, craque da Argentina, se confessou fã de clubes do Brasil e reconheceu a grandeza do Tricolor, considerado por ele uma referência no esporte brasileiro. Jogador da Juventus, da Itália, o atacante lembrou, ainda, de mais três times: Santos, Grêmio e São Paulo.

– Quando era pequeno, eu assistia ao futebol brasileiro. Na Libertadores, o Brasil e a Argentina sempre chegavam com força. Os grandes clubes do Brasil, como São Paulo, Santos, Grêmio e Fluminense, sempre enfrentavam equipes argentinas. Eram partidas lindas de se ver. Há muitos times maravilhosos no Brasil. O futebol brasileiro é especial porque é jogado com alegria, as equipes só pensam em atacar, defendem pouco, é mais divertido – opinou.

Aos 24 anos, Dybala foi convocado para sua primeira Copa do Mundo, mesmo que esteja, por enquanto, ocupando o banco de reservas. Brilhando na Juve desde 2015, o argentino está valorizado e é especulado, por exemplo, no Real Madrid.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

FluFest 2018: clique aqui e garanta sua presença na festa de 116 anos do Fluminense!

Top