Com apenas uma temporada de clube, Cano aparece entre os principais artilheiros do Fluminense no século XXI

Com 44 gols na temporada, Germán Cano bateu diversos recordes na temporada. Um deles é de figurar entre os principais artilheiros do clube no século XXI.

Quem mais balançou as redes com a camisa Tricolor, foi Fred, que anotou 199 gols. Logo na sequência vem Magno Alves com 63 e Conca, com 56.

Veja a lista completa, inclusive com os principais artilheiros dos outros grandes do Rio:

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Após empatar com Fred, Cano pode superar mais dois artilheiros do Flu em uma única temporada

Com o gol marcado contra o Juventude, na última quarta-feira (28), o argentino Germán Cano igualou Fred em números de gols em uma só temporada, com 34 gols.

Cano no entanto ainda tem mais 10 jogos pela frente e pode superar a marca de outros dois goleadores que vestiram a camisa do Flu: Magno Alves e Washington, que marcaram 39 e 37 gols, em 2002 e 2008, respectivamente.

Veja como está a lista de maiores goleadores em uma única temporada pelo Fluminense neste século:

Magno Alves (39 gols – 2002)
Washington (37 gols – 2008)
Germán Cano (34 gols – 2022)
Fred (34 gols – 2011)
Tuta (33 gols – 2005)

Foto em destaque: Marcelo Gonçalves/FFC

Cano quebra jejum e retoma artilharia do Brasileirão

https://www.betnacional.com?p=canalflunews

O Fluminense entrou em campo nesta sábado (10) para enfrentar o Fortaleza pela 26° rodada do Campeonato Brasileiro, e após duas rodadas sem vencer, voltou a conquistar os três pontos.

Destaque da partida, o argentino Germán Cano também encerrou uma “seca” de gols que já duravam quatro jogos, que por coincidência, foi contra o próprio Fortaleza, no jogo de volta das quartas de finais da Copa do Brasil.

O atacante não só encerrou a seca de gols, como marcou os dois da vitória do Flu por 2 a 1. Com isso, cano chegou aos 15 gols e retomou a artilharia do Campeonato, que estava com Pedro Raul, do Goiás, com 14 gols.

Foto em destaque: Marcelo Gonçalves/FFC

Pedro Raul marca duas vezes e ultrapassa Cano na artilharia do Brasileirão

Vivendo seu maior jejum de gols, somando quatro jogos sem marcar, o argentino Germán Cano foi ultrapassado na tabela de artilharia do Campeonato Brasileiro por Pedro Raul, atacante do Goiás.

O artilheiro do Esmeraldino entrou em campo nesta segunda-feira (05) e marcou duas vezes na vitória do Goiás por 2 a 1 sobre o Santos, somando 14 gols na competição, contra 13 de Cano.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Cano elege fase no Flu como a melhor da carreira

Artilheiro do mundo na temporada, com 30 gols, o argentino Germán Cano caiu de vez nas graças da torcida do Fluminense com o instinto goleador. O atacante elegeu inclusive, a fase vivida no Tricolor como a melhor da carreira:

Quando cheguei no Fluminense não esperava tudo isso que estou vivendo aqui. Acho que é o momento de minha carreira mais legal para desfrutar do campo com mais confiança e cada dia dar tudo pelo time. Agora é continuar fazendo o L, continuar trabalhando que vai acontecer muito coisa no final do ano – afirmou Cano.

Vale destacar inclusive, que apesar dos ótimos números, essa não é a temporada com maior número de gols do atacante, ficando atrás de suas duas últimas temporadas na Colômbia, quando anotou 34 gols em 2018 e 41 gols em 2019, ambas atuando pelo Independiente Medellín.

Faz o L! Germán Cano pode quebrar marca histórica de 50 anos no Brasileirão

Maior goleador tricolor na temporada e peça fundamental no time de Fernando Diniz, o atacante Germán Cano pode quebrar uma marca histórica de 50 anos e se tornar o primeiro jogador estrangeiro a ser o artilheiro do Campeonato Brasileiro desde 1972.

Com 12 gols na competição até aqui, o argentino é o artilheiro isolado do Brasileirão, seguido de perto do também argentino Calleri, do São Paulo, e Pedro Raúl, do Goiás, com 10 gols cada.

O último, e único, estrangeiro a terminar o campeonato como artilheiro foi o uruguaio Pedro Rocha, que marcou 17 gols defendendo o São Paulo e dividiu a artilharia com Dadá Maravilha, do Atlético-MG, em 1972.

Vamos seguir fazendo de tudo para ganhar os jogos e, consequentemente, marcar mais gols e seguir na parte de cima da artilharia. Já passou muito tempo desde que o último estrangeiro conquistou esse prêmio. Quero seguir fazendo história aqui.- disse Germán Cano.

Fonte: CBF

Foto: Maílson Santana/ FFC

Mais que uma fase goleadora: somando os últimos quatro anos, Cano tem mais gols que diversos astros europeus

A fase goleadora de Germán Cano vem surpreendendo a muita gente, inclusive ao torcedor do Fluminense que tem nem tem sentido a falta do artilheiro Fred, que se aposentou desde o último dia 9.

Porém, engana-se quem pensa que o instinto artilheiro do atacante é apenas uma boa fase. Somando os últimos quatro anos, antes mesmo de sua chegada ao Brasil, Cano tem mais gols que diversos astros que atuam na Europa, como Lukaku, Suarez, Mané, Neymar, Ibrahimovic, Cavani e seu compatriota Lautaro Martínez, titular da seleção argentina.

Reprodução: Jornal O Globo

Cano tem 146 gols dividindo a sua fase artilheira com três equipes diferentes. No Independiente Medellín, onde é o maior artilheiro da história do clube, tendo anotado 74 vezes desde 2018. No Vasco, onde foram 43 gols marcados e atualmente no Fluminense, onde já balançou as redes por 29 vezes.

Cano é superado por pouco por outros nomes, como: Erling Haaland, contratado pelo Manchester City recentemente, tem apenas cinco gols a mais (151 no total). Casos parecidos com os franceses Kylian Mbappé e Karim Benzema, e o inglês Harry Kane. Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Robert Lewandowski que são os líderes desta estatística.

Foto em destaque: Marcelo Brasil/FFC

Fonte: O Globo

Cano fala da disputa com Calleri e chance de quebrar tabu que já dura mais de 50 anos

Artilheiro do Brasil na temporada com 29 gols, Germán Cano também é o maior goleador do Campeonato Brasileiro, com 12 gols, dois a mais do que Jonathan Calleri, compatriota do camisa 14 do Flu.

Com os dois argentinos no topo da lista, aumentam as chances da quebra de um tabu que já dura mais de 50 anos, quando um estrangeiro não termina a principal competição do país como artilheiro. O último foi o uruguaio Pedro Rocha, que anotou 17 gols com a camisa do São Paulo e dividiu o prêmio com Dadá Maravilha, do Atlético-MG no Brasileirão de 1972

Em ótima fase, Cano falou sobre a possibilidade de terminar como artilheiro e da disputa com Calleri:

O Calleri é um jogador muito importante para o São Paulo, também vem fazendo muitos gols e com a confiança alta, se dedicando ao grupo. Vamos seguir fazendo de tudo para ganhar os jogos e, consequentemente, marcar mais gols e seguir na parte de cima da artilharia. Já passou muito tempo desde que o último estrangeiro conquistou esse prêmio. Quero seguir fazendo história aqui – declarou o atacante Tricolor.

Foto em destaque: Divulgação/FFC

Cano ressalta vontade de permanecer no Flu: “Cabeça comprometida com o Fluminense”

Artilheiro do Brasil na temporada, o centro avante Germán Cano declarou sua vontade em seguir no Fluminense e conquistar títulos com a camisa Tricolor:

Embora tenha contrato até dezembro de 2023, o jogador já recebeu algumas sondagens de clubes do mundo Árabe, mas destacou a vontade de seguir no Flu:

– Sim, 100% (desejo ficar no Fluminense). Minha cabeça está aqui comprometida com o Fluminense e agora é poder conquistar essas duas taças – disse o artilheiro em entrevista ao portal Lance!, se referindo a Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Foto em destaque: Marcelo Gonçalves/FFC

Artilheiro do Brasil, Cano fica próximo de entrar em seleto grupo do Flu

Maior artilheiro do Brasil na temporada, com 28 gols, Germán Cano está próximo de entrar em seleto grupo do Fluminense, em que apenas cinco jogadores estão: com 30 ou mais gols na temporada.

Entre os nomes estão: Magno Alves, em 2002, quando marcou 39 vezes; Tuta, em 2005, quando fez 33 gols; Washington, em 2008, que balançou as redes em 37 oportunidades. Fred, em 2011 e 2012, quando fez 34 e 30 gols em cada temporada, respectivamente; e Henrique Dourado, em 2017, quando fez 32 gols.

Cano chegou aos 28 gols com 46 jogos disputados – 40 deles como titular. Para alcançar o grupo seleto dos 30 gols em uma mesma temporada, o argentino terá pelo menos mais 22 jogos pela frente, somando Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil – vale lembrar que o número pode aumentar caso o Flu avance nas quartas de final da competição.

Caso alcance a marca dos 30 gols, Cano também vai igualar a segunda melhor temporada artilheira de Fred pelo Fluminense, que aconteceu em 2012.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fonte: GE