Ídolo do Flu, Branco visita Xerém e elogia estrutura da base

A base do Fluminense recebeu na tarde desta quinta-feira (18/08), a visita do Coordenador das categorias de base da Seleção Brasileira, ídolo e ex-dirigente de Xerém, Branco, e do observador técnico da base da CBF, o ex-treinador da base do Flu, Edgar Pereira. Os profissionais da entidade máxima do futebol brasileiro elogiaram o trabalho realizado pelo clube e as reformas na estrutura do CT Vale das Laranjeiras realizada nos últimos anos.

Minha presença aqui faz parte de um projeto nosso na CBF de aproximação com os clubes. O convite foi feito pelo presidente Mário Bittencourt, pelo vice-presidente Rui Reisinger e pelo diretor executivo de Xerém, Antônio Garcia, para ver as melhorias da base do Fluminense e fiquei muito feliz em poder voltar ao CT. O Fluminense está com uma estrutura espetacular, que melhorou muito nos últimos anos. Semana que vem vou estar em São Paulo e vou visitar os clubes da região“, disse o coordenador das categorias de base da Seleção Brasileira e ex-jogador Branco.

Tanto Branco quanto Edgar Pereira, enquanto visitavam as instalações de Xerém e acompanhavam os treinos, relembraram com carinho os tempos em que trabalharam e jogaram no Fluminense:

É sempre um prazer voltar aqui em Xerém. É um lugar que me traz muitas recordações, passa um filme na minha cabeça. Eu comecei a minha carreira como atleta aqui nestes gramados e tive uma passagem muito importante como dirigente também. Fiquei feliz em ser recebido pelo diretor Orlando Souza e pelo coordenador técnico Marcelo Veiga“, relembrou Branco.

O Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras possui uma área de mais de 120 mil m² e conta, ao todo, com sete campos, sendo um de grama artificial. Só nos últimos três anos foram criadas em Xerém a sala do novo Departamento de Captação, do CIAM (Centro de Informação e Apoio Metodológico), o espaço de Recovery e Suplementação, com cinco banheiras, a área  da Supervisão e Administração, a sala de jogos eletrônicos, a sala da diretoria e reuniões, uma área para exposição de troféus, o consultório de tratamento odontológico, em parceria com a Orthopride e o espaço de Recovery Avanutri. O antigo Campo 1 do CT foi transformado em estádio e agora pode receber jogos nacionais da CBF.

Texto: Comunicação FFC
Foto: Leonardo Brasil/FFC

Tetracampeão, Branco será homenageado com a medalha Tiradentes

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, em discussão única, nesta quarta-feira (19/05), o Projeto de Resolução 562/21, para conceder a Medalha Tiradentes, maior honraria da Casa, ao ex-jogador de futebol Claudio Ibrahim Vaz Leal, conhecido como Branco, que foi tetracampeão mundial pela seleção brasileira na Copa de 1994. A medida é de autoria do presidente do Parlamento Fluminense, deputado André Ceciliano (PT), além dos parlamentares Chico Machado (PSD), Delegado Carlos Augusto (PSD), Dionisio Lins (PP), Marcos Muller (SDD) e Val Ceasa (Patriota). O texto será promulgado por Ceciliano e publicado no Diário Oficial do Legislativo nos próximos dias.

Branco começou sua carreira em 1983, ainda com 18 anos, no Fluminense, tendo logo se destacado com seu futebol de técnica e garra para conquistar na sequência o tricampeonato carioca de 1983/1984/1985 e o Brasileiro de 1984. Branco é o terceiro lateral-esquerdo na história com maior número de partidas disputadas pela seleção, ficando atrás somente dos lendários Júnior e Nilton Santos.

Ele participou de três Copas do Mundo, sendo o autor do gol de falta que garantiu a vitória do Brasil por 3×2 contra a Holanda, levando o país às semifinais da Copa de 1994, quando foi conquistado o tetracampeonato mundial. Atualmente, Branco é coordenador da seleção brasileira masculina de base, na Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Em 2021, o jogador venceu a maior de suas disputas; a luta pela vida. Após vários dias internado em decorrência de complicações da covid-19, Branco chegou a ser intubado e conseguiu se recuperar, tendo recebido alta em 03 de abril passado após 14 dias de internação – relembrou Ceciliano.

Após superar a Covid-19, Branco recebe alta hospitalar

Ex-lateral e ex-dirigente do Fluminense, Branco deixou o Hospital na tarde deste sábado (03) após vencer a Covid-19.

Branco esteve internado no hospital Copa Star, onde ficou grande parte do tempo na UTI e até entubado por conta de complicações com a Covid-19. Agora, de alta, o ex-jogador e campeão do mundo com a seleção brasileira em 94, seguirá a recuperação em casa.

Foto em destaque: Divulgação