Rescisão de zagueiro Digão é publicada no BID

Após acertar sua transferência para o Buriram United, da Tailândia, o zagueiro Digão teve a rescisão de seu contrato com Fluminense publicada no BID (Boletim Informativo Diário).

Para liberar o zagueiro de 32 anos que tinha contrato com o clube até dezembro de 2022, o Fluminense recebeu uma compensação financeira do clube tailandês.

Oficial: Fluminense confirma saída do zagueiro Digão

Agora é oficial: através de uma nota enviada a imprensa o Fluminense confirmou a saída do zagueiro Digão, que deixa o clube rumo ao Buriram United, da Tailândia.

O clube que é treinado pelo brasileiro Alexandre Gama, pagou uma quantia financeira de valor não revelado para o Fluminense, para que o clube das Laranjeiras liberasse o zagueiro de 32 anos.

Através da nota o Fluminense relembrou alguns números do jogador e desejou sorte no prosseguimento da carreira do zagueiro.

Confira a nota na íntegra:

O zagueiro Digão não é mais jogador do Fluminense. O jogador recebeu uma proposta do exterior e comunicou à diretoria o desejo de deixar o clube para abraçar essa nova oportunidade. Para a saída do atleta o Fluminense exigiu compensação financeira que foi cumprida pela o atleta de forma integral dentro do pedido do clube.

Formado em Xerém, Digão fez sua estreia como profissional em 2009. O jogador foi importante na arrancada contra o rebaixamento naquele ano e, em sua primeira passagem, ainda acumulou dois títulos brasileiros (2010 e 2012) e um carioca (2012). Retornou ao clube em 2018 e foi uma das lideranças do clube, sendo um dos capitães da equipe. Ao todo, o zagueiro fez 183 jogos pelo Tricolor, com 11 gols marcados.

O Fluminense deseja sucesso ao atleta no prosseguimento da carreira.

Digão acerta últimos detalhes da saída e não deve mais atuar pelo Flu

O zagueiro Digão deve ser mesmo o próximo nome a deixar o Fluminense. Após o Tricolor perder Odair Hellmann, que aceitou uma proposta do Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, o zagueiro, de 32 anos recebeu uma oferta do Buriram United, da Tailândia, treinado pelo brasileiro Alexandre Gama.

O zagueiro que tem contrato com o Fluminense até o final de 2022, considerou a proposta irrecusável e já pediu liberação do clube das Laranjeiras, que não deve dificultar a saída do zagueiro, que ainda tem salários em aberto por receber, e acerta os últimos detalhes da negociação. O Flu por sua vez deve receber ainda uma compensação financeira por liberar o zagueiro.

Embora a janela de transferências na Tailândia só abra no próximo dia 23, o defensor não deve ficar à disposição do técnico Marcão, que já assumi o clube nós treinamentos a partir desta terça-feira (8).

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fonte: GE