Análise: Fluminense faz jogo seguro e vence o América/MG no Maracanã com gols de Luiz Henrique e Fred

Em um jogo seguro taticamente, com mais posse de bola, determinação e superioridade, o Fluminense venceu o confronto direto contra o América/MG e chegou a 7ª colocação do Brasileirão.

Com a volta de Luiz Henrique e Fred ao ataque, o Fluminense iniciou o jogo no 1-4-3-3, na organização ofensiva, já na organização defensiva ficava no 1-4-4-2 com Caio Paulista fazendo uma dupla de ataque com Fred, iniciando a marcação em bloco médio, o Fluminense tem muito repertório, como mostramos no vídeo do Tática Didática. Caio e Luiz Henrique trocaram em muitos momentos do jogo de lado. O tricolor também jogou com seus laterais em bastante amplitude, fazendo com que o adversário abrisse o meio de campo para infiltração dos volantes do Fluminense, foi visto durante o jogo Yago, André e Martinelli chegando na área.

O gol tricolor marcado por Luiz Henrique saiu de uma falta cobrada dentro da área e um erro defensivo do América/MG, realizando uma linha de impedimento errada, o atacante tricolor ficou livre na área e aproveitou o passe de Nino para marcar com o gol livre, o VAR conferiu se havia impedimento no lance mas foi validado.

Na segunda etapa o Fluminense mesmo em vantagem marcava no último terço do campo pressionando a saída de bola do adversário. Vencendo por 1 a 0, o Fluminense passou a marcar no 1-4-1-4-1, com André de 1º homem de meio campo e Fred como o único jogador à frente. Árias entrou no lugar de Luiz Henrique, cansado, e jogou aberto pela extrema esquerda, realizando boas jogadas, nesse momento o tricolor jogava de forma bem ofensiva e com vontade de matar o jogo.

Fred voltou a marcar de pênalti após jogada em profundidade de Cazares para Árias. O equatoriano bateu a falta rápido, criando o espaço com um passe em ruptura nas costas da defesa e encontrou Árias, que foi derrubado na área.

O Fluminense fez um jogo muito seguro e venceu o confronto direto na briga por uma vaga na Libertadores, sem dúvida dá uma esperança ao torcedor do tricolor por dias melhores.

Análise: Um jogo em que o Fluminense foi mais uma vez pouco criativo, não marcou gols e perdeu a partida mesmo com um jogador a mais.

Com a volta de Nino a zaga tricolor o Fluminense rifou menos a bola, tentando construir desde sua área porém errava muitos passes e deixava o Ceará contra-atacar. O zagueiro do Fluminense participou também da segunda fase de construção, como já vimos no vídeo de análise aqui no Tática Didática.

Árias foi mais criativo na partida de hoje, buscando mais o jogo e tentando realizar as transições em velocidade, mas pecou muito nos erros de passe no último terço, facilitando a recuperação de bola do adversário. O colombiano parece estar fora de posição como observamos no jogo anterior, analisado aqui no Tática Didática.

O Fluminense encontrava espaços para jogar nas duas laterais do campo, principalmente após a expulsão de Gabriel Dias. Tanto Marlon pela esquerda quanto Samuel Xavier pela direita não exploravam esse espaço e os extremos não apareciam para o jogo nessa situação, o Fluminense rifava a bola na área mas sempre a perdia por estar em inferioridade numérica ou pelo cruzamento mal feito.

Com a entrada de Fred no segundo tempo e a permanência de Abel Hernadez no ataque, o Fluminense fixou uma linha de 4 na frente, como ocorreu no jogo contra o Santos, analisado aqui pelo Tática Didática. Como o tricolor era pouco criativo e suas linhas ofensivas estavam distantes, não conseguiu  ter sucesso com essa formação. Parece em alguns momentos que essa variação tática do Marcão é na verdade um desespero em tentar marcar um gol e empatar a partida.

Marcão insiste demais em Caio Paulista e tira a principal característica de Luiz Henrique, o 1×1 ofensivo, forçando um extremo fechar linhas e o desgastando quando vai ao ataque.

O Fluminense precisa ter algum tipo de reação se quiser buscar essa tão sonhada vaga na Libertadores do próximo ano, para isso o treinador tricolor terá que fazer “mágica” com os atletas que tem.

Após participar de treino, Caio Paulista faz postagem que indica retorno contra a Chape

Fora de combate desde o dia 24 de julho, quando se contundiu na partida contra o Palmeiras, o atacante Caio Paulista deve retornar ao time nesta terça-feira (07), quando o Fluminense enfrenta a Chapecoense, na Arena Condá, às 21h e 30, pela 19° rodada do Campeonato Brasileiro.

O atacante participou normalmente do treinamento, e posteriormente, fez uma postagem na rede social, que também indica o retorno:

Em seguida, Caio ainda compartilhou a postagem nos stories, que dá indícios ainda mais forte que o retorno do

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Caio Paulista volta aos treinos e pode reforçar o Flu contra o Juventude

Mesmo com o Campeonato Brasileiro paralisado por conta dos jogos da seleção nas eliminatórias, o Fluminense volta a campo nesta quinta-feira (02), quando enfrenta o Juventude em jogo atrasado da 14° rodada.

O técnico Marcão pode ganhar um reforço para o jogo: o atacante Caio Paulista, que retornou aos treinos na atividade de quarta-feira (01), e pode ficar a disposição para a partida.

A última partida de Caio foi contra o Palmeiras, em 24 de julho, quando se contundiu no segundo tempo da partida, com uma lesão muscular na coxa.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Caio Paulista volta a sentir e segue como desfalque no Fluminense

Ainda não será nesta segunda-feira (30) que o Fluminense contará com o retorno de Caio Paulista. Com uma lesão de grau três em sua coxa direita, o atacante continuará fora do confronto contra o Bahia, que acontecerá às 19h no Maracanã, em jogo válido pela 18° rodada do Brasileirão.

Essa será sua décima partida fora de combate, desde que sofreu a lesão, em 24 de julho, quando o Flu perdeu de 1 a 0 para o Palmeiras.

Com lesão considerada grave e prevista para recuperação em um mês, o atacante voltou aos treinos no último dia 21, mas, devido a dores, regrediu em seu tratamento e ficou alguns dias sem ir ao gramado.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fonte: UOL Esportes

Caio Paulista retorna aos treinos, mas ainda não tem presença garantida contra o Galo

O atacante Caio Paulista, que se recuperou de uma lesão na coxa direita, retornou aos treinos neste sábado (21), porém, ainda não tem presença garantida na partida contra o Atlético-MG, segunda-feira (23), pela 17° rodada do Campeonato Brasileiro.

O jogador será reavaliado e sua volta, segundo o portal GE, dependerá do novo técnico, Marcão, efetivado após demissão de Roger Machado.

Ainda de acordo com o GE, Caio ainda precisa recuperar o condicionamento físico devido ao longo tempo longe dos gramados, é possível que o retorno seja apenas no jogo de quinta-feira, contra o mesmo Atlético-MG, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil. Ele sofreu uma lesão de grau 3 contra o Palmeiras no dia 24 de agosto.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Fluminense faz esforço para ter Caio Paulista de volta na partida do Equador

Depois do empate amargo com o Barcelona no Maracanã, o Fluminense aposta todas as fichas no jogo de volta no Equador, o mais importante da temporada até aqui. O Tricolor corre contra o tempo para ter o atacante Caio Paulista de volta.

Fora de combate desde o dia 24 de julho, após sentir um desconforto na coxa no duelo contra o Palmeiras, o atacante está em fase de transição.

Segundo o técnico Roger Machado, o planejamento do clube é contar com a atleta para a “decisão” em Guayaquil.

– Estamos trabalhando para que o Caio esteja presente. Não temos condições de precisar essa questão porque ele ainda está na fase de transição – disse o treinador na coletiva de imprensa pós-jogo.

O Fluminense volta a campo pelo Campeonato Brasileiro contra o Internacional no domingo antes do jogo decisivo na Libertadores, às 20:30, no Estádio Beira-rio.

Foto: Maílson Santana/FFC

Caio Paulista deve desfalcar o Flu por pelo menos mais dois jogos

Fora de combate desde a derrota por 1 a 0 para o Palmeiras, no último sábado (24), o atacante Caio Paulista deve seguir desfalcando o Fluminense nos próximos jogos.

Depois de realizar exames que detectaram a lesão no músculo adutor da coxa da direita, a expectativa era de que o atacante tivesse condições de retornar ao time no jogo de volta das oitavas de finais da Libertadores contra o Cerro Porteño, nesta terça-feira (03), porém, Caio só deve ter condições de jogo numa eventual quartas de finais, caso confirme a classificação contra os paraguaios.

Assim, Caio Paulista desfalcaria o Flu em mais dois jogos: Cerro Porteño (Libertadores) e América-MG (Brasileirão), na próxima terça-feira (03) e domingo (08), respectivamente.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Caio Paulista tem lesão detectada e para por tempo indeterminado

Após deixar o campo durante a derrota de 1 a 0 para o Palmeiras de maca, o atacante Caio Paulista retornou ao Rio de Janeiro para realização de exame teve a lesão detectada.

O jogador foi submetido a exame de imagem, sendo detectada uma lesão no músculo adutor da coxa direita do atleta. Assim, Caio já desfalca a equipe no jogo desta terça-feira (27), contra o Criciúma, pelas oitavas de finais da Copa do Brasil.

Além disso, o Departamento Médico do clube não estabeleceu prazo para o retorno do atleta, que vinha sendo um dos titulares da equipe de Roger Machado.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Caio Paulista retorna ao Rio para realizar exames e não deve enfrentar o Criciúma

A delegação do Fluminense seguiu em São Paulo após a derrota de 1 a 0 para o Palmeiras no último sábado (24), porém, o atacante Caio Paulista que deixou o campo no segundo tempo, retornou ao Rio de Janeiro para realização de exames.

Com isso, o atacante não deve enfrentar o Criciúma, pelas oitavas de finais da Copa do Brasil, na próxima terça-feira (27).

Segundo informações do site St.com, o atacante passará por exames nesta segunda-feira (26), e não enfrenta o Criciúma. O restante da delegação seguiu a programação em São Paulo, e viaja nesta segunda-feira para Santa Catarina.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC