fbpx

“Rebaixado” a aspirante, Caique se incomoda e Fluminense desfaz pré-contrato

Fluminense e Caique, que jogou no Guarani em 2018, negociavam desde novembro, quando, inclusive, firmaram um pré-contrato. A diretoria, porém, avaliou que deveria desfazer o acordo.

Caique conviveu com uma lesão no púbis durante o ano passado, o que comprometeu sua condição física e pôs o Fluminense com um “pé atrás”. Isso, na ocasião, quase impediu que a negociação se desenvolvesse.

Caique era pretendido para compor time de aspirantes. (Foto: Rafael Fernandes / Guarani Press)

Paulo Angioni confessou o interesse no centroavante, mas revelou que a contratação seria para o time de aspirantes, um projeto que esperava ganhar forma nas Laranjeiras.

Dessa maneira, o jogador não integraria o elenco comandado por Fernando Diniz. Algo que não o deixou contente. Além disso, as obras no terceiro campo do CT, que serviria aos aspirantes, seriam encerradas apenas em abril, configurando mais uma razão para o desacerto.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Fluminense inclui Caique, ex-Guarani, em projeto de aspirantes

No ano que vem, o Fluminense deve inaugurar um projeto para maturação de jogadores, encabeçado por Paulo Angioni. Trata-se de um time de aspirantes, onde jogariam aqueles que deixaram o juniores e ainda brigam por espaço no profissional. Aliás, é pensando nessa ideia que o clube assinou, em novembro, um pré-contrato com o centroavante Caique, ex-Guarani. Sua vinda, porém, é incerta, principalmente por conta da condição física – ele sofria de pubalgia.

– A questão do Caique sempre foi pensando no time de aspirantes. Nunca para o profissional. Caique entraria nesse processo. Mas, lamentavelmente, as coisas vazam e prejudicam tudo porque não foi esclarecido antes. Aí está o erro. Haveria uma outra compreensão do caso e as críticas seriam menores, diferente de ”ele não joga nada” e ”era reserva do Guarani” – disse Angioni.

Aos 25 anos, Caique não deslanchou na carreira e, na temporada passada, foi reserva. Mesmo assim, agradou ao departamento de scout do clube. Ricardo Corrêa, chefe do setor, foi quem o indicou.

– Às vezes, tem um jogador assim, que o monitoramento acredita demais. Aí trazemos para essa equipe de transição, não para o profissional, porque precisa ser visto maturando mais um pouco, apesar da idade. O nosso scout acredita muito no Caique, um jogador de uma posição (camisa 9) carente no mercado.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

 

Caique assina pré-contrato, mas pubalgia ameaça conclusão do acordo com o Fluminense

Embora esteja encaminhado, o acordo com o centroavante Caique, do Guarani, ainda não pode ser considerado como fechado. Aos 25 anos, ele teve uma lesão no púbis que, mesmo curada, ameaça a conclusão do negócio, que chegou ao estágio de pré-contrato, assinado em 14 de novembro. Além de exames médicos, o acerto depende, ainda, da assinatura em definitivo.

As cláusulas postas em um primeiro documento preveem contrato de dois anos (1/1/2019 a 31/12/2020) e até bônus a Caique. Por exemplo, se ele disputar 10 jogos no ano, o salário seria reajustado em 16%. Mais sete jogos na conta e o valor sobe em mais 14%. Caso esteja em campo em 50% ou mais das partidas na temporada, o Fluminense poderá prorrogar o vínculo por um ano, desde que aumente os vencimentos em 40%.

Liberado pelo Guarani, ao qual está vinculado até 5 de dezembro, Caique entrou de férias nesta terça-feira, o que torna a negociação sem custos para o Fluminense, exceto de salários. Pouco defendeu seu time em 2018, uma vez que ficou no departamento médico tratando da pubalgia.

Visto como uma aposta para 2019, o jogador teve o nome indicado pelo chefe do departamento de scout do clube de Laranjeiras, Ricardo Correa. Por meio de nota, o Fluminense detalha o caso:

“O Fluminense FC informa que existe uma minuta de um pré-contrato do jogador Caique com o clube, rubricada pelo Departamento Jurídico concordando com os termos do documento. Este documento, entretanto, não está assinado pelo presidente, o que seria necessário para validar uma possível negociação com o atleta”. 

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

 

Fluminense tem primeiro reforço para 2019

 

Saudações Tricolores,

Segundo o site Globoesporte.com, o Fluminense já tem o primeiro reforço para 2019: se trata do atacante Caique de 25 anos que está atualmente no Guarani de Campinas. Ele vai chegar sem custos ao clube, já que seu compromisso com o clube campineiro termina no dia 05 de dezembro. Ele chega indicado por Ricardo Corrêa, chefe do departamento de scout do Fluminense.

Caique fez apenas 3 gols em 22 partidas em 2018, mas sua temporada está prejudicada pelo fato do atacante ter tido lesão no púbis, o que afastou por quatro meses dos gramados.

Caique vai assinar por uma temporada, podendo prorrogar por mais uma temporada.

Foto: twitter oficial do Guarani

Por Thiago Caruso

Top