fbpx

Na onda de jogos marcantes, Fla-Flu de 95 será reprisado neste domingo

O torcedor Tricolor pode acompanhar na tarde do último sábado (21) o título inédito do Fluzão em cima do Figueirense, que garantiu a única Copa do Brasil ao Tricolor das Laranjeiras.

E a sequência de partidas histórica prossegue neste domingo (22), com a transmissão da Fla-Flu de 1995, conquistado pelo Fluminense, com um gol de barriga de Renato Gaúcho, nos minutos finais da partida.

O jogo será transmitido pelo canal fechado da Bandeirantes, o BandSports, que a partir das 16hrs, jogos históricos do Cariocão.

Caso o Campeonato Carioca não volte, regulamento prevê Fluminense campeão, entenda

Por conta da pandemia do coronavírus, o estadual 2020 está, à princípio,
paralisado pelas próximas duas semanas, mas existe o risco de ele ser encerrado de vez. Isso porque, não se tem uma previsão exata de quanto serão retomadas as partidas. Caso isso ocorra, fica uma dúvida, haverá campeão? Se sim, quem seria?

Mesmo o Flamengo tendo conquistado a Taça Guanabara (1° turno), ao observar o regulamento, conclui-se que, confirmada a interrupção do Estadual, o Fluminense é quem seria declarado o campeão

Isso porque, segundo determina o artigo 43 do Regulamento do Campeonato Carioca, se, por quaisquer motivos, não houver as partidas finais, será declarado o campeão aquele que estiver, no momento da interrupção, somando o maior número de pontos. Complementa ainda, o artigo 44 que diz que “os pontos das partidas (…) das semifinais e final da Taça Guanabara, das semifinais e final da Taça Rio e da final do campeonato, não serão computados para a apuração da classificação geral. Por tanto, s pontos nas vitórias sobre Flu (3×2) e Boa Vista (3×1), na semi-final e final do 1° turno não serão computados para o time da Gávea.

Sendo assim, neste momento o Tricolor é o líder geral da competição com 24 pontos, seguido do rubro-negro que soma 22 pontos.

Após este período de duas semanas, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) irá promover uma reunião para definir o futuro do Carioca 2020. Se haverá uma extensão da paralisação, reinicio do estadual ou até mesmo o fim antecipado.

Fonte: Revista Esportiva
Foto: Divulgação

Em seu blog PVC destaca “Palmeiras, Botafogo e Fluminense foram os líderes do bom senso”

O jornalista Paulo Vinicius Coelho destacou as posições de liderança das equipes para que houvesse a paralisação dos estaduais de Rio e São Paulo, diante da pandemia que afeta não apenas o esporte, mas todas as esferas da sociedade no âmbito mundial.

Após as rodadas do último final de semana dos campeonatos estaduais, as federações, que tinham a autonomia por parte da CBF para decidir o futuro de suas competições, optaram pela suspensão dos jogos.

Nesta segunda-feira, a Federação Paulista de Futebol (FPF) anunciou pela manhã a paralisação do Paulistão. Já a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ), após três horas de reunião, seguiu o mesmo caminho.

Entretanto algo que teoria parecia ser apenas uma reunião para bater o martelo e determinar os cancelamentos das partidas, se tornou uma polêmica. Isso porque, houve quem divergisse e fosse favorável a continuação dos torneios, o que gerou motivos de criticas e até mesmo indignação por parte da mídia jornalistica.

Clubes como Santos, São Paulo, Flamengo e Corinthians (que só mudou de opinião após ter seu jogador Luan submetido a exames para saber se portava o corona vírus) foram contrários a paralisação do Paulistão e do Carioca. Enquanto Fluminense, Botafogo e Palmeiras insistiram na suspensão por tempo indeterminado das competições.

A sugestão para a continuação seria a antecipação das últimas rodadas das fases de grupos do Campeonato Paulista e Taça Rio, restando apenas o mata-mata. Para os clubes pequenos, o principal argumento era em relação aos contratos dos jogadores, pois, a ideia era liberar os atletas cujos contratos terminam no final do estadual. E a paralisação obriga a uma renovação mesmo sem haver calendário, para algumas equipes, no segundo semestre

PVC destaca ainda que “as posições de liderança de Palmeiras, Botafogo e Fluminense foram decisivas para os campeonatos de São Paulo e Rio de Janeiro não passarem pelo ridículo de não serem paralisados”

Fonte: globoesporte.com

Coronavírus: reunião entre clubes e FERJ determina paralisação do Campeonato Carioca

A reunião de mais de três horas entre clubes e FERJ, na manhã desta segunda-feira, determinou a paralisação por 15 dias do Campeonato Carioca e das demais competições organizadas pela entidade. Convidado para o encontro, o infectologista Celso Ferreira Ramos Filho avisou que não há a garantia de melhora do cenário nas próximas semanas.

Entre os clubes grandes, o Flamengo, num primeiro momento, se colocou contra a suspensão, mas acabou votando a favor. Houve unanimidade na decisão tomada em prevenção à pandemia do coronavírus.

De acordo com o GloboEsporte.com, o presidente Mário Bittencourt se posicionou contrário à disputa de jogos com portões fechados, como no clássico com o Vasco, domingo, no Maracanã, e revelou ter conversado com um jogador que expôs a opinião do elenco do Fluminense. O receio dos atletas é com a saúde da família.

Publicado por: Nicholas Rodrigues.

Ferj espera orientação do Ministério da Saúde em relação ao Campeonato Carioca

Foto: Divulgação

A situação com o Coronavírus está afetando diversos eventos pelo Mundo afora, com cancelamentos e adiamento de jogos e outros para novas datas.

No Brasil a situação não é diferente, alguns eventos já foram cancelados e outros foram adiados, com o futebol sendo um dos poucos que ainda estão rolando sem problemas. No Rio a Federação de Futebol Carioca estudava a possibilidade de adiar a competição por um tempo até que as coisas se acalma-se.

Agora de acordo com a Rádio Tupi, o presidente da Ferj, Rubens Lopes, aguarda uma orientação do Ministério da Saúde em relação a possível parada da competição. Se a ordem não vier, os jogos continuaram a acontecer com os portões fechados, como é o caso da atual rodada.

Vale a liderança! Uma vitória no clássico e o Tricolor retomará primeira colocação geral do Carioca

Após a vitória do Flamengo, neste sábado, diante da Portuguesa, por 1 a 0, no Maracanã, o Tricolor viu o rival assumir a liderança geral do Carioca, com 22 pontos, um a mais que o Flu, que tem 21.

Por tanto a partida deste domingo (15), contra Vasco, às 18h, também no Estádio Mario Filho, se torna ainda mais importante, isso porque, além de poder quebrar um tabu que já dura três anos, sem vencer o rival, com a vitória o Fluminense retomará o primeiro lugar geral do Carioca, chegando á 24 pontos, voltando a abrir 2 pontos de diferença para o time da Gávea.

Foto: Divulgação

Fluminense tem o melhor ataque do Carioca


FOTO DE MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

O Fluminense tem mostrado uma enorme potência ofensiva neste inicio de temporada. Além de ter a liderança do Campeonato Carioca, o tricolor também possui o melhor ataque da competição.

Em nove partidas, o tricolor já marcou 23 gols, 2 a mais do que o Flamengo que fez 21 gols em 10 partidas.

Nenê é o vice-artilheiro do campeonato, tendo 6 gols, enquanto Gabriel Barbosa está em primeiro com 8 gols.

Passeio e despedida: Fluminense goleia Resende em partida que marcou a despedida do uniforme azul.

Fluminense e Resende fecharam a segunda rodada da Taça Rio na noite deste domingo (8). Melhor para o Tricolor, que no jogo que marcou a despedido do uniforme azul, aplicou uma goleada de 4 a 0 sem dar chance ao Resende.

Com gols de Wellington Silva, Marcos Paulo, Nenê e Gilberto, o Fluzão não só goleou como também voltou a assumir a ponta do grupo B, que estava nas mãos do Volta Redonda, que chegou aos 4 pontos com o empate diante do Vasco. Além disso o Flu voltou a assumir a ponta também da classificação geral com 21 pontos, dois a mais que o Flamengo, segundo colocado com 19.

A partida marcou também a despedida do uniforme azul, fenômeno de vendas, mas que vai deixar o clube junto com a Under Armour, que será substituída pela Umbro, que deve fazer a estreia dos novos uniformes no dia 22, contra o Volta Redonda, no Maracanã.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Igor Julião comenta sobre a vitória do Fluminense


FOTO: LUCAS MERÇON/ FLUMINENSE F.C.

O Fluminense venceu o duelo contra o Madureira com uma boa goleada de 5×1 contra o time suburbano. O lateral direito Igor Julião comentou sobre a partida, especialmente a recuperação que o tricolor teve após começar a partida perdendo.

— Foi uma infelicidade ali no inicio com a bola parada, mas que bom que a gente manteve a calma e conseguimos o resultado. Esse jogo para a gente tem muita importância, sabemos qual é o regulamento do campeonato, e entramos para ganhar todas as competições que jogamos, também sabemos como uma derrota pode afetar o trabalho do treinador então é bom que conseguimos a vitória e trouxemos essa aliviada para o torcedor.

Muriel pede que time esteja atento contra o Madureira e cita a boa campanha do rival na Taça Guanabara


FOTO DE MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

Neste domingo, o Fluminense estreará pela Taça Rio em partida contra o Madureira no Maracanã. Apesar da vantagem de jogar em casa e ter a torcida ao seu lado, o goleiro Muriel prega que o time precisa ficar de olhos bem abertos em relação ao adversário, que terminou em primeiro lugar no grupo B da Taça Guanabara

— É muito importante a gente virar a chave e começar bem na Taça Rio, que muda o regulamento e enfrentamos as equipes dentro da nossa chave. O Madureira fez uma boa campanha no primeiro turno, sabemos que vai ser um jogo difícil. O time que o Odair escalar está preparado, vamos dar o nosso máximo para continuar com uma sequência de vitórias.

Top