fbpx

Pedro deve ser operado ainda essa semana e por médico de fora do futebol

Nome do profissional no entanto é mantido em sigilo.

Na manhã da última terça-feira (18), o Fluminense divulgou a necessidade de uma intervenção cirúrgica no joelho direito do atacante Pedro, que sofreu um estiramento no último dia 25 de agosto na partida diante do Cruzeiro, no Mineirão.

Havia a possibilidade do jogador realizar a cirurgia com o médico do Atlético Mineiro e da seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, profissional que assim como o departamento médico tricolor, recomendou a operação após o próprio Pedro e seu staff consultar o médico.

Porém, embora ainda não haja uma confirmação nem por parte do staff do jogador e nem um pronunciamento oficial do Fluminense, o portal Globoesoorte.com divulgou que a operação deve ser realizada por um profissional de fora do futebol, que apesar de não trabalhar no meio ja realizou diversos procedimentos em jogadores. O nome do profissional no entanto é mantido em sigilo e a espectativa é que seja realizada ainda essa semana.

 

por: Douglas Wandekochen

foto: Pedro Vale/ Agif/ Estadão Conteúdo

Pedro passará por cirurgia e só retorna aos gramados em 2019

Atacante sofreu um estiramento no joelho direito.

O temor da torcida tricolor se confirmou: conforme noticiado pelo portal UOL, Pedro, artilheiro do time na temporada, terá de passar por uma intervenção cirúrgica no joelho direito e, tem retorno previsto só em 2019.

O atacante que sofreu um estiramento no ligamento do joelho direito há cerca de um mês chegou a fazer um tratamento conservador afim de evitar a cirurgia. Em princípio, o tratamento foi bem sucedido, mas houve o temor que a lesão pudesse se agravar e o próprio departamento médico do Tricolor achou por melhor realizar a cirurgia.

Contudo, sugundo informações do site Globoesporte.com, antes da decisão, o staff do jogado ainda procurou por uma segunda opinião, quando consultou o médico do Atlético Mineiro e da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, que também achou por melhor realizar a cirurgia. Lasmar inclusive, deve ser o responsável pela operação no atacante.

A previsão de retorno é de seis meses, ou seja, entre março e abril de 2019.

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Lucas Merçon

Top