fbpx

Hudson enxerga de forma positiva a briga por posição no Flu e elogia o jovem André

O volante Hudson foi selecionado pelo Fluminense para participar da coletiva de imprensa na tarde desta sexta-feira (18). O volante que vem sendo titular nos últimos jogos comentou sobre a disputa por vaga dentro do elenco:

Acho que é uma disputa sadia e de suma importância pro Fluminense, porque essas disputas internas por briga de posições tem que haver para que não haja nenhum relaxamento ou comodismo dos atletas. Essa disputa faz com que os atletas subam de nível, se empenhe mais, se dedique mais, porque sabe que se não estiver bem vai ter outro companheiro que vai estar ocupando seu lugar – comentou o volante, que falou também sobre o jovem André, muito elogiado pelo desempenho na base e que fez sua estreia entre os profissionais entrando no segundo tempo da partida contra o Atlético-Go, na última quarta-feira (16):

Vejo o André como um jogador praticamente pronto, só precisando de minutos em campo para que possa amadurecer o que só vem com o tempo, mas é um jogador no meu ponto de vista pronto, um garoto que marca muito bem e sabe o que faz quando tem a bola, então eu acho que é mais uma cria de Xerém que em breve vai dar um retorno muito grande para o Fluminense – completou.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

“Precisamos manter a regularidade dos dois tempos”, declara Odair após derrota no Fla-Flu

O Fluminense foi derrotado por 2 a 1 para o Flamengo na noite desta quarta-feira (09) no Maracanã. Com um primeiro tempo completamente apático, o Tricolor foi para o intervalo perdendo por 2 a 0, melhorou no segundo tempo e no final conseguiu diminuir o placar.

Após o jogo, o técnico Odair Hellmann lamentou o primeiro tempo apático do time e lembrou ainda da derrota contra o São Paulo, lembrando os dois tempos distintos daquele jogo, ressaltando a necessidade de correção:

Acho que a gente precisa o mais rápido possível conseguir a regularidade dos tempos distintos que estamos fazendo. Em São Paulo, ótimo primeiro tempo, depois dois gols muito rápido, acaba nem entrando novamente na partida. Depois entra com placar adverso, acaba tendo que expor, gera facilidades para o adversário conseguir placar. Hoje, da mesma forma, logo no inicio tomou gol. Buscando ajustes de movimento, compactação ofensiva, leva gol e gera confiança ao adversário. Até restabeleceu um pouco até levar o segundo gol – declarou Odair.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Mário explica modo de contratação e tempo de contrato de Danilo Barcelos

Último contratado do Fluminense, o lateral Danilo Barcelos teve grande rejeição diante a torcida do Fluminense. O presidente no entanto, explicou sobre a contratação do jogador.

Segundo Mário, o jogador já estava apalavrado com o Cruzeiro, mas a vontade de Odair Hellmann em contar com o atleta no elenco do Fluminense, acabou seduzindo Danilo.

Entramos em contato com os empresários do jogador (Brustoline e Uram) que nos passou que ele já havia acertado com o Cruzeiro, mas que poderíamos entrar em contato direto com o atleta. O Angioni ligou para ele então e passou o nosso desejo, Odair também ligou e acabou convencendo o Danilo – disse Mário, que também explicou o motivo por fechar um contrato longo.

Fizemos uma proposta salarial exatamente idêntica a do Cruzeiro, e aqui não vou revelar valores, e o jogador falou que se fosse pra fechar pelo mesmo valor e tempo de contrato, ele daria preferência em atuar em Minas por estar perto da família e atuando no time do coração de seu pai. Por isso então oferecemos um contrato mais longo, até porque o salário dele é quatro vezes menor do que as outras opções que vínhamos mantendo conversas. Como ele é um jogador de 29 anos, não vimos problema de fechar um contrato um pouco mais longo. Quando não se tem dinheiro pra aumentar o valor do salário, a gente é obrigado a aumentar um pouco mais o tempo de contrato – completou o presidente.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Odair vê dois tempos destintos e desconcentração do Flu como principal fator pela derrota

Na coletiva pós jogo deste domingo (06), quando o Fluminense saiu derrotado de virada para o São Paulo, por 3 a 1, o técnico Odair Hellmann analisou analisou os principais pontos do jogo, que para o treinador, tiveram dois tempos bem distintos:

– O jogo foi bem claro. Dois tempos distintos. No primeiro tempo nós muito bem, abrimos o placar e ainda criamos mais duas oportunidades de gol e controlamos o São Paulo na fase defensiva, de marcação. Já no segundo tempo, principalmente nos primeiros minutos, a gente desconcentrou. Eles fizeram o primeiro de bola parada logo no início e criaram forças. Fizeram o segundo gol muito rápido. Esses primeiros 10 minutos não foram bons e nos custou a derrota – disse o treinador.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Sem poupar: Marcos Felipe indica time completou nos próximos jogos do Flu

O goleiro Marcos Felipe concedeu entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (04) na sala de imprensa do CTCC (Centro de Treinamento Carlos Castilho). Questionado sobre poupar algum dos jogadores por conta do ritmo intenso de jogos, o goleiro descartou a possibilidade:

Até agora o professor Odair não falou nada, todos estão apitos para estar jogando, então contra o São Paulo e contra o Flamengo não tem previsão nenhuma de poupar ninguém – disse o goleiro.

Lembrando que para o jogo contra o São Paulo, o Fluminense terá os desfalques de Evanilson e Hudson suspenso e Muriel que se recuperou de dores na perna esquerda ainda é dúvida.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Odair valoriza ponto conquistado, mas diz que sensação era de que poderia ter vencido

Jogando com um homem a menos desde o final do primeiro tempo, quando Hudson foi expulso, o Fluminense ficou no empate em 1 a 1 contra o Atlético-Go, atuando no estádio do Maracanã.

Apesar de boa parte da torcida demonstrar insatisfação com o resultado pelas redes sociais o técnico Odair Hellmann valorizou o ponto ganho, e mais, afirmou que a sensação era de que poderia ter vencido:

Claro que nós trabalhamos e nós queríamos a vitória. Era importante a manutenção dessa sequência de vitórias, mas é valorizar o que os jogadores fizeram para fazer a manutenção de um ponto. E a gente sai daqui com a sensação de que era para ter vencido a partida – declarou o treinador.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Titular ? Fred comenta sobre condição de atuar os 90 minutos

O atacante Fred que marcou seu primeiro gol pelo Fluminense após quase quatro anos afastado do clube, concedeu coletiva nesta terça-feira (01) e, dentre os diversos temas abordados, falou sobre sua condição física e possibilidade de atuar os 90 minutos.

Na visão do próprio jogador, ele ainda não tem condições de atuar uma partida completa. Fred ainda completou dizendo que não seria justo iniciar uma partida atualmente.

Conversei com o Papito (Odair Hellmann) para a gente ir começando gradativo. Nem se eu quisesse começar agora daria – comentoun o atacante que ainda completou dizendo que não seria justo trocar agora que o time encaixou:

O time encaixou, está tão bem, evoluindo em todos os setores, está bonito de ver. De fora eu vejo que as coisas acontecem naturalmente. Estou esperando a minha brecha. Tem a programação de ir devagar, mas estou me dedicando nos treinos quando pintar essa oportunidade dos 90, 70, 60 ou 40 minutos dar o meu melhor para ajudar o Fluzão – declarou Fred.

Fluminense anuncia coletiva com Fred para esta terça-feira

Autor do segundo gol da vitória do Fluminense ante o Vasco no último sábado (29), quando o Tricolor venceu a partida por 2 a 1, o camisa nove, Fred concederá entrevista coletiva na tarde desta terça-feira (01).

O jogador que marcou seu primeiro gol após o retorno ao Flu, até concedeu entrevistas ao final do jogo, mas por conta do protocolo da CBF para evitar a disseminação do novo Coronavírus (Covid-19), Fred só falou com o repórter da TV Globo (detentora dos direitos de transmissão) e para assessoria do Fluminense, através da FluTv.

Essa será a segunda vez que o atacante concederá coletiva de imprensa em sua volta ao Flu. A primeira havia sido na apresentação quando falou ao lado do presidente do clube, Mário Bittencourt.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

“Não está avançada mas já iniciamos conversas”, disse Luccas Claro sobre renovação com o Flu

Em coletiva de imprensa na tarde desta segunda-feira (24) o zagueiro Luccas Claro comentou sobre sua renovação com o Tricolor. O zagueiro que tem contrato até o final de 2020, confirmou que as conversas já foram iniciadas, no entanto ainda está no início.

Sendo bem sincero, ainda não está avançada. Tivemos uma breve conversa, mas ainda não evoluiu. Acredito que nos próximos dias o melhor vai se concretizar – disse o zagueiro que apesar disso garantiu foco total no Fluminense:

Meu pensamento é no Fluminense, até por isso tenho feito bons jogos. Estou 100% focado aqui dentro. Só penso no Fluminense, no Brasileiro. Se pensar em outras coisas externas, não consigo prestar tanta atenção no campo. O futuro a Deus pertence. Sempre foco em fazer o melhor e o que tiver de acontecer vai acontecer para melhor – completou Luccas Claro.

Titular no início do ano, o zagueiro se tornou quarta opção no setor, voltou a ser titular com as lesões de Digão e Matheus Ferraz e tem sido um dos destaques do time nos últimos jogos, tanto que mesmo com a volta da dupla que estava no DM, Claro segue como titular do time.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Luccas Claro prefere não estipular meta para o Brasileirão e vê partida contra o Figueirense como “jogo do ano”

O zagueiro Luccas Claro foi o escolhido para participar da coletiva de imprensa do Fluminense na tarde desta segunda-feira (24).

Dentre diversos pontos levantados, o zagueiro foi questionado sobre uma meta estipulada pelo grupo em relação à colocação da equipe no Campeonato Brasileiro.

– É difícil falar de meta porquê são muitos jogos, é difícil prever alguma coisa até o final do Campeonato. Nós temos que manter nossos pés no chão pensando jogo a jogo, e é isso que estamos fazendo. Começamos o Campeonato bem, embora pudesse estar melhor, mas acredito que começamos bem muito pelo nosso estilo de jogo, imposição dentro de campo. No futebol infelizmente nem todos os resultados são como a gente gostaria, mas se nos mantivermos com os pés no chão, podemos no final do Campeonato estar na parte de cima da tabela – disse o zagueiro.

O zagueiro também falou sobre a partida da próxima terça-feira (25) quando o Fluminense enfrenta o Figueirense no jogo de volta da Copa do Brasil. Para Luccas, a partida é o “jogo do ano” para o Fluminense:

O jogo contra o Figueirense é o mais importante, é eliminatório e já fomos eliminados na Copa Sul-Americana, então temos que fazer o nosso melhor para buscar essa classificação e, jogando em caso nós temos que impor nosso ritmo, fazer nosso jogo para passar a próxima fase – completou Luccas.

Vale destacar que para se classificar dentro dos 90 minutos, o Fluminense precisa de uma resultado com dois ou mais gols de diferença. Em caso de vitória do Flu por um gol de vantagem, o confronto será decidido nos pênaltis. Já o Figueirense joga pelo empate ou qualquer vitória. Em em relação aos gols, Luccas Claro falou qual será a estratégia do Flu:

Precisamos de um placar simples de 1 a 0, e é isso que nós temos que pensar, que vamos fazer um gol. Conquistando ele, aí sim, pensar em fazer o segundo para alcançarmos a classificação direta – completou.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Top