fbpx

Após estrear no time profissional, Miguel assina primeiro contrato com o Fluminense

Aos 16 anos de idade, promessa tricolor acertou vínculo de três anos com o clube; multa deve passar dos R$ 100 milhões para o futebol estrangeiro

Foto: Mailson Santana / FFC

Poucos dias depois de fazer seu primeiro jogo com a camisa do Fluminense, o garoto Miguel, de apenas 16 anos, realizou um sonho compartilhado por muitos meninos da sua idade: assinar seu primeiro contrato profissional com o clube. O vínculo acertado entre o meia e o Tricolor é de três anos, com multa que beira mais de R$ 100 milhões para clubes do futebol europeu. Esse foi um dos últimos, se não o último, da gestão do mandatário Pedro Abad, que deixará a presidência do Flu no próximo domingo. Vale lembrar que neste sábado, nas Laranjeiras, acontecerão as eleições para presidente, que colocam na disputa os candidatos Mário Bittencourt e Ricardo Tenório.

Conforme informado pelo Globoesporte.com, a negociação entre o jogador, seus representantes e Pedro Abad se desenrolaram por um bom tempo. Isso porque Marcelo Teixeira, antigo responsável por Xerém, deixou o clube e fez com que a conversa tivesse de ser direta entre empresários e o presidente. Com um grande potencial, o meia despertou interesse de times estrangeiros.

Na última quarta, na eliminação para o Cruzeiro pela Copa do Brasil, Miguel entrou em campo no segundo tempo e se tornou o jogador mais jovem a atuar com a camisa do Fluminense. O recorde pertencia ao atacante Walmir e durava desde 1965. Escolhido por Diniz aos 44 da etapa final quando a equipe perdia por 2 a 1, o atleta de 16 anos iniciou a jogada que culminou no gol de bicicleta de João Pedro e levou a decisão para os pênaltis.

Foto: Lucas Merçon / FFC

Desde que foi integrado ao elenco profissional, em abril, o meia vem treinando e sendo relacionado pelo treinador tricolor, sem sequer ter passado pelo sub-20. Em entrevista ao site oficial do clube das Laranjeiras, Miguel comemorou o contrato assinado e fez diversos elogios e juras de amor ao Fluminense.

“Estou muito feliz, muito motivado. É o primeiro grande desafio da minha carreira. Espero que seja um sucesso, como sempre foi. O Fluminense é o clube que me abriu as portas, que acreditou no meu futebol. Eu sempre darei a vida por esse clube”.

Under Armour denuncia contrato com o Fluminense

Foto: Divulgação

Em informações obtidas com exclusividade pelo Canal Flunews, dá conta que a Under Armour já denunciou o contrato com o Fluminense, ou seja, avisou de forma formal ao Tricolor que não renovará o vínculo com o clube, que vence em junho de 2020.

A empresa Norte-americana no entanto assumiu cumprir com o fornecimento dos materiais até o final do contrato.

Vale destacar no entanto que a distribuição dos materiais vêm sendo o principal problema na parceria, com a Under Armour atrasando por diversas vezes o prazo estabelecido para a entrega do material.

Vale destacar ainda que o fim da parceria se deve também por conta da Under Armour decidir encerrar suas atividades com o futebol.

Fluminense e empresário discutem renovação de contrato de Gum

Na terça-feira, Gum deu o primeiro passo para renovar contrato com o Fluminense e completar, pelo menos, uma década nas Laranjeiras. O compromisso em vigor é válido até dezembro deste ano. Seu empresário, Jorge Moraes, foi ao Centro de Treinamento, na Barra, para as primeiras conversas com Paulo Angioni, diretor de futebol, sobre o assunto.

– Foi uma conversa agradável e vamos ver o prosseguimento dela, se chegamos a um consenso. Ainda está muito prematuro, mas foi um início das tratativas pela renovação – confirmou Angioni.

Aos 32 anos, Gum está perto de fazer seu jogo de número 400 pelo clube. No momento, ele é, ao lado de Marcão, com 397 partidas, o décimo profissional que mais representou as cores verde, branco e grená. Suspenso do duelo com o São Paulo, domingo, o zagueiro deve superar o ex-volante e subir no ranking em 16 de setembro, quando o time enfrenta o Atlético-PR, na Arena da Baixada. Nos bastidores, discute-se uma homenagem pela marca histórica.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Pablo Dyego acerta renovação de contrato com o Flu

Antigo vincuvíse encerraria dia 31 de dezembro deste ano.

O atacante Pablo Dyego acertou sua renovação de contrato com o Fluminense por mais uma temporada. O jogador que tinha contrato com o Tricolor até dezembro deste ano, acertou a renovação ainda a ser assinada, até 31 de dezembro de 2019.

O jogador que ganhou espaço no início da temporada, teve boas atuações nas mãos do técnico Abel Braga, contudo, nunca consegui se firmar como titular da equipe. Com a chegada de Marcelo Oliveira e os novos reforços: Júnior Dutra, Everaldo e Luciano, perdeu ainda mais espaço com o novo treinador.

Na temporada 2018, Pablo Dyego tem 20 jogos e três gols marcados. Dois no Brasileiro e um na Sul-Americana.

 

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Lucas Merçon

fonte: Globoesporte.com

Titular absoluto, Júlio César tem futuro indefinido no Flu

Contrato do goleiro com o Tricolor vai até dezembro deste ano.

Titular absoluto do gol Tricolor desde a saída de Diego Cavalieri no final do ano passado, o goleiro Júlio César afirmou não ter sido procurado pela direção do clube para uma renovação de contrato, onde o vínculo atual do jogador vai ate dezembro deste ano.

Ainda de acordo com o goleiro, mesmo com a indefinicindo seu futuro, ele está totalmente focado no Fluzão e com a cabeça voltada às competições em disputa (Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana).

Vale destacar que além de Júlio César, o Fluminense conta com mais três goleiros em seu elenco, De Amores, Rodolpho e Marcos Felipe.

 

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Lucas Merçon

fonte: Victor Mendes / Rede mais esportes

 

Top