fbpx

Sem Ferraz, suspenso, briga deve ficar entre Luccas Claro e Digão

O empate por 0 a 0 contra o Macaé na última quinta-feira (02) deixou um grande problema nas mãos do técnico Odair Hellmann: a perda do zagueiro Matheus Ferraz, suspenso por levar o terceiro cartão amarelo.

Sem o zagueiro que vinha mantendo a titularidade ao lado do Nino, a briga pela vaga deve se concentrar entre Digão e Luccas Claro.

Por um lado, o treinador conta com a experiência e espírito de liderança de Digão, que por muitas vezes vestiu a braçadeira de capitão do time. Em contrapartida, o zagueiro tem sofrido duras críticas da torcida, o que pode pesar a favor de Claro, que não tem essa pressão dos torcedores, além de viver um ano artilheiro, tendo marcado três gols em oito partidas disputadas ao longo do ano.

O treinador deve definir o time no treino a ser realizado no sábado (4) um vez que o time se reapresenta nesta sexta-feira (3) apenas para um regenerativo.

Em vídeo, Digão convoca a torcida Tricolor

Em virtude ao novo coronavírus e a impossibilidade de frequentar os estádios, o Fluminense está promovendo uma venda simbólica de ingressos – o objetivo do dinheiro é em prol dos funcionários do clube. O jogo será reprisado pela TV Globo, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, na vitória de 3 a 2 sobre o Palmeiras, em Presidente Prudente.

Os jogadores do Tetra estão convocando a torcida para aderir a ação do clube, dessa vez foi o zagueiro Digão que mandou o recado.

Confira o post no Twitter Oficial do Fluminense:

Foto Reprodução: Lucas Merçon/FFC

Fluminense parabeniza Digão por aniversário

O zagueiro Digão está comemorando mais um dia de vida nesta quinta-feira (7). E por meio de suas redes sociais, o Fluminense parabenizou o zagueiro, que completa 32 anos.

Foto em destaque: Divulgação/FFC

Trio está recuperado de lesão

Fora de combate antes mesmo da paralisação das competições por causa da pandemia de coronavírus, o zagueiro Digão, o lateral-direito Gilberto e o meia Miguel, estão recuperados de lesão. Os três tiveram problemas musculares.

Sendo assim a única baixa do plantel Tricolor continua sendo o zagueiro Frazan, que passou por uma cirurgia no joelho direito, em fevereiro, e ainda não tem previsão para retornar aos gramados. O tempo estimado de recuperação é de 6 a 8 meses.

Fonte: NetFlu / Victor Lessa – Rádio Globo
Foto: Lucas Merçon – FFC

Depois de passarem em branco, Nino e Ferraz devem reeditar dupla de zaga

O Fluminense venceu o Resende por 4 a 0 na noite do último domingo. Dupla de zaga aclamado pelos torcedores, Nino e Matheus Ferraz passaram em branco na partida junto com o sistema defensivo do Flu que não foi vazado.

A dupla inclusive deve voltar a atuar na partida da noite desta quarta-feira (11) contra o Figueirense, pela Copa do Brasil, uma vez, que o até então titular, Digão, sequer viajou para Florianópolis.

Com edema na coxa esquerda, Digão ficou no Rio para tratar da lesão, mas ainda não tem previsão de retorno aos gramados. Outro zagueiro relacionado, Luccas Claro deve começar a partida como opção no banco de reservas.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Ainda com problema na coxa, Digão deve seguir de fora do time titular

Desfalque no último domingo (9) quando o Fluminense venceu o Resende por 4 a 0 pela segunda rodada da Taça Rio, o zagueiro Digão deve seguir de fora da equipe no jogo desta quarta-feira (11) pela terceira fase da Copa do Brasil, ante o Figueirense, em Santa Catarina.

O zagueiro que foi diagnosticado com um edema na coxa esquerda na última semana, na vitória de 2 a 0 sobre o Botafogo-PB não participou da atividade desta segunda-feira (9), e deve ser desfalque mais uma vez.

Com isso, Matheus Ferraz que era um pedido da torcida deve ter outra oportunidade ao lado de Nino. O experiente zagueiro que já substituirá Digão contra o Resende, mostrou segurança na partida e não comprometida ao longo dos 90 minutos.

Fluminense e Figueirense iniciam o duelo da terceira fase da Copa do Brasil nesta quarta-feira (11) quando o tricolor viaja até Florianópolis para o primeiro jogo. Na outra semana a decisão é no Maracanã.

Digão tem lesão confirmada e deve desfalcar o Fluminense

O zagueiro Digão, que deixou o campo sentindo dores na coxa esquerda teve um edema detectado no local em exame realizado na tarde desta quinta-feira (05).

O clube ainda não deu um prazo para volta do jogador que fica de fora por tempo indeterminado. Matheus Ferraz, que entrou em seu lugar na vitória de 2 a 0 sobre o Botafogo-PB deve herdar a vaga deixada pelo capitão.

O próximo desafio do Fluzão é no próximo domingo (8), quando enfrenta o Resende pela segunda rodada da Taça Rio, no Maracanã, às 18h.

Foto em destaque: Divulgação/FFC

Após Digão sair machucado de última partida, Matheus Ferraz pode ser opção

Capitão sai machucado na vitória sobre o Botafogo-PB e vira dúvida para partida contra o Resende domingo, enquanto companheiro de posição se recupera de incômodo no joelho

O Fluminense fez 2 a 0 sobre o Botafogo-PB na noite de quarta-feira no Maracanã, pela Copa do Brasil (veja os melhores momentos no vídeo acima), e voltou a vencer sem sofrer gols. Mas terminou a partida com outro tipo de preocupação na defesa: Digão reclamou de dores na coxa esquerda, pediu para ser substituído no fim do jogo e virou dúvida para a partida contra o Resende domingo, de novo no Maracanã, pela segunda rodada da Taça Rio.

O zagueiro e capitão do time sentiu o músculo posterior da coxa e passará por exames para constatar a gravidade do problema. Ele será reavaliado na reapresentação do elenco na tarde desta quinta-feira, no CT Carlos Castilho. Na saída do Maracanã, Digão ainda se mostrou esperançoso para não virar desfalque e contou que pediu para sair para não correr o risco de agravar uma possível lesão:

– Deu uma embolada na posterior, em um lance que toquei a bola, mas preferi sair para não ser uma coisa mais grave. Vamos ver o que o doutor vai examinar para saber se vai dar para domingo.

Caso Digão seja vetado pelo departamento médico, o favorito para assumir a vaga é Matheus Ferraz. O zagueiro foi quem entrou no lugar do capitão nos minutos finais contra o Botafogo-PB e voltou a jogar depois de um mês. Nesse período, ele havia sentido um incômodo no joelho direito, operado após a lesão de ligamento em 2019, e vinha fazendo alguns trabalhos físicos à parte para fortalecer o local.

O desconforto ficou para trás, e Matheus Ferraz está novamente 100% e à disposição do técnico Odair Hellmann. Na saída do Maracanã, ele foi questionado sobre seu estado físico e garantiu não sentir mais nenhum problema no joelho. Sobre a concorrência por uma vaga de titular na equipe, reconheceu que seus companheiros estão bem e mostrou paciência para reconquistar seu espaço:

– Já (estou) sem dor nenhuma. É questão de momento do companheiro, a gente sabe respeitar o momento da equipe também, que vem bem. Mas eu estou me sentindo muito bem, cada dia melhor, é esperar o momento certo e me preparar. Tive a oportunidade hoje, se tiver no próximo jogo vou me preparar para ajudar a equipe.

FOTO: LUCAS MERÇON/ FLUMINENSE F.C.

Fonte: Globo Esporte

“Tem que valorizar sim essa classificação”, – Digão comenta sobre vitória contra Botafogo PB

Após vitória de 2 a 0 contra Botafogo- PB no Maracanã, nesta última quarta-feira (5), Digão comentou sobre a partida e classificação do Flu após a eliminação da Sul-Americana, confira:

De acordo com o Globo Esporte, o zagueiro e capitão do time sentiu o músculo posterior da coxa e passará por exames para constatar a gravidade do problema. Ele será reavaliado na reapresentação do elenco na tarde desta quinta-feira (5), no CT Carlos Castilho. 

Caso Digão seja vetado pelo departamento médico, o favorito para assumir a vaga é Matheus Ferraz. O zagueiro foi quem entrou no lugar do capitão nos minutos finais contra o Botafogo-PB e voltou a jogar depois de um mês. Nesse período, ele havia sentido um incômodo no joelho direito, operado após a lesão de ligamento em 2019, e vinha fazendo alguns trabalhos físicos à parte para fortalecer o local.

Pendurados, Digão e Yago Felipe podem ser poupados no clássico vovô

O Fluminense entra em campo na tarde deste domingo (09) para enfrentar o Botafogo pela última rodada da Taça Guanabara.

Já classificado, o Tricolor deve entrar com força máxima, exceto Digão e Yago, pendurados com dois cartões amarelos.

Em contra partida, o técnico Odair Hellmann pode contar com o reforço dos recém chegados Wellington Silva e Fernando Pacheco, que foram regularizados a tempo para disputarem o clássico. Wellington Silva inclusive, é cotado para começar entra os titulares.

Ganso, que está a disposição pela primeira vez em 2020, deve começar no banco de reservas. Com isso, o Fluzão deve entrar em campo com a seguinte escalação: Muriel, Gilberto, Luccas Claro Matheus Ferraz e Egídio; Yuri, Henrique e Nenê; Wellington Silva, Marcos Paulo e Evanilson.

Vale destacar que caso entrem em campo e tomem o terceiro amarelo, Digão e Yago não poderão atuar na semifinal. Hudson, com o terceiro amarelo, cumpre suspensão hoje.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Top