Em sua primeira temporada como profissional, Luiz Henrique comenta evolução e sonho de jogar Libertadores

Moleque de Xerém, atacante de 20 anos vive bom momento no Flu, virando titular em sua primeira temporada como profissional. Em entrevista coletiva realizada ontem no CT Carlos Castilho, Luiz Henrique comentou sobre sua evolução como jogador e a possiblidade de disputar a Libertadores da América.

Fico feliz. Aconteceu tudo muito rápido na minha vida. Mas venho sempre trabalhando firme no dia a dia para dar tudo certo. Agora é seguir assim para pegarmos essa vaga na Libertadores – disse o jovem.

Luiz Henrique tem 24 jogos na temporada como profissional, marcando dois gols, inclusive o da vitória por 1 a 0 na última partida, contra o Bahia.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Marcão comemora atuação da equipe contra o Bahia: “Esse Fluminense que a gente quer ver”

Depois da vitória por 1 a o contra o Bahia fora de casa, o técnico Marcão enalteceu a atuação da equipe na Fonte Nova. Para o treinador, o Fluminense fez um grande jogo coletivo.

Foi de acordo com o que a gente planejou. Eles entregaram como jogo decisivo. Entraram muito focados, sabiam que ia pegar um Bahia concentrado, buscando a vitória a todo momento, mas defensivamente fomos muito fortes, trabalhamos juntos, fomos premiados. Grande jogo, da entrega, unidade, da família Fluminense. Esse Fluminense que a gente quer ver dentro de campo.

Marcão também fez questão de elogiar a força do grupo após um espaço de tempo curto entre um jogo e outro.

Foi um grande jogo, a gente mais uma vez valoriza o grupo, a entrega de todos. Viemos de um jogo muito forte domingo, e 73h a próxima partida. Hoje precisamos mais uma vez contar com todos.

Novo compromisso Tricolor é contra o Atlético-MG na próxima quarta-feira, às 21:30, no Maracanã. Diferença de pontuação entre as equipes é de apenas 4 pontos.

Foto: Maílson Santana/FFC

Nino projeta duelo com o Goiás: “Fazer um grande jogo e conseguir mais um bom resultado”

Após vitória por 2 a 0 no clássico com o Botafogo, o Fluminense segue em busca da classificação para a Libertadores. Em coletiva realizada hoje de manhã no CT Carlos Castilho, o zagueiro Nino projetou o confronto da próxima rodada contra o Goiás.

– Vai ser um jogo muito difícil, não podemos nos iludir pela classificação do Goiás na tabela. Eles vêm de uma arrancada, três ótimos jogos recentemente, ganhou do Santos, é um time muito qualificado, organizado, com dois atacantes fortes que buscam o gol. Temos que estar atentos, sabendo que será um jogo muito difícil. Precisamos entrar com o mesmo empenho dos últimos jogos, a estratégia é traçada de acordo com o adversário. Temos trabalhado focados no Goiás para fazer um grande jogo e conseguir mais um bom resultado -comentou o zagueiro.

A bola rola no domingo (31/1), às 20:30, no Estádio Nilton Santos.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Marcão elogia atuação de John Kennedy na estreia como profissional: “Entrou bem e correspondeu”

Moleque de Xerém entrou no intervalo e precisou de apenas 13 minutos para marcar seu primeiro gol como profissional, no seu jogo de estreia, no empate por 3 a 3 com o Coritiba. Na coletiva pós-jogo, Marcão fez elogios ao jovem atacante de 18 anos.

– Entrou bem e correspondeu. Ele é novo, tem bastante talento e vai nos ajudar bastante. Vai estar conosco, e tenho certeza que ele vai ter um grande sucesso pela carreira. – disse Marcão.

Com Fred suspenso, John Kennedy pode ganhar oportunidade como titular no clássico contra o Botafogo, no Domingo (24/1), em São Januário.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Após empate, Marcão valoriza poder de reação da equipe: “Por pouco não conseguimos virar”

Depois do empate por 3 a 3 fora de casa com o Coritiba no Couto Pereira, o técnico Marcão comentou sobre o poder de reação da equipe após sair perdendo por 2 gols e buscar o empate, podendo até ter virado o placar nos minutos finais.

Lógico que a gente queria estar comemorando um grande resultado, tivemos o volume total do jogo. O Coritiba, nas chances que eles tiveram finalizaram com gols, e isso foi freando o ímpeto da nossa equipe. Quando tomamos o terceiro gol, foi onde ganharam mais 10 minutos de sobrevida, mas mesmo assim continuamos agredindo, atacando, continuamos infiltrando e criando situações de gol. Por pouco não conseguimos virar um resultado que seria de grande importância. Sentimento é de que buscamos um ponto que no final vai fazer diferença a nosso favor – disse Marcão.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Lucca comenta sobre pouco tempo de preparação entre temporadas: “Adaptar o mais rápido possível”

Em entrevista coletiva virtual realizada hoje de manhã no CT Carlos Castilho, o atacante Lucca comentou sobre o pouco tempo de preparação entre o final da temporada atual e o início da próxima.

– É uma parada totalmente diferente para a gente, o campeonato chega nessa reta final e tem vários jogos seguidos, o cansaço pode pegar. Não vamos ter os 15 dias que normalmente temos para descansar, é um ano diferente para todo mundo, então temos que nos adaptar o mais rápido possível pra conseguir os objetivos do clube e nossos objetivos individuais, é o mais importante. – disse o camisa 7 Tricolor.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Com o contrato perto do fim, Hudson manifesta deseja de ficar no Flu: “Gostaria de continuar”

Emprestado pelo São Paulo até fevereiro de 2021, o volante Hudson tem seu futuro no clube indefinido. Em coletiva realizada hoje pela manhã no CT Carlos Castilho, o jogador expressou a vontade de seguir no Flu.

Eu só tenho que agradecer ao Fluminense. O clube me abraçou de uma forma muito melhor do que eu esperava, os profissionais, jogadores. Está chegando o finalzinho do contrato. Se fosse uma escolha minha, eu gostaria de continuar. Esse ano de 2021 vai ser promissor e seria uma vontade minha, mas infelizmente não depende só de mim, nem do Fluminense, nem só do São Paulo, com o qual tenho contrato. É um conjunto de fatores que na hora certa todos vão sentar e escolher o melhor para todos – disse o camisa 25.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Zagueiro artilheiro, Luccas Claro comenta sobre boa fase: “Melhor momento da minha carreira”

Em coletiva de imprensa realizada hoje pela manhã no CT Carlos Castilho, o zagueiro Luccas Claro avaliou sua temporada até aqui, e afirmou viver o melhor momento de sua carreira.

– Eu acredito que sim, está sendo uma temporada incrível, mesmo com todas as dificuldades que tivemos. Consegui ganhar confiança interior, no clube, de todos os torcedores, ajudando fazendo gols também, tenho certeza que é a melhor temporada da minha carreira. Jogando em um clube como o Fluminense a repercussão é muito grande, temos mais 10 partidas, espero poder continuar fazendo meu melhor e ajudando o clube. – disse o camisa 4 tricolor.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Fred revela conversa com Marcos Paulo: “Fazer história e, depois, ser bem vendido”

Líder e referência dentro do grupo, Fred comentou em coletiva de imprensa realizada hoje que procura sempre orientar os jovens jogadores sobre suas carreiras. Assim como fez com Dodi e Miguel, o camisa 9 busca aconselhar Marcos Paulo, que a seis meses do término de seu vínculo com o Flu, já pode assinar com pré-contrato com outro clube. Para o centroavante, o ideal é que o jovem faça história dentro do campo para depois ser vendido por um alto valor.

– Minha orientação, minha conversa que eu tenho com eles é sempre: deem o melhor, façam gols, se der para ficar aqui, ótimo. Eles sabem também que o Fluminense quer resultado técnico, assim como em todos os clubes do Brasil, querem resultado técnico, mas também vão vendê-los. Seria ótimo para o jogador e para o clube que eles joguem, façam história e, depois, sejam bem vendidos porque todo mundo sai ganhando – disse em entrevista coletiva nesta terça-feira.

Foto: Lucas Merçon/ FFC

Fred comenta sobre importância de Fla-Flu: “Maior clássico do Rio”

Em entrevista coletiva realizada hoje no CT Carlos Castilho, o atacante Fred comentou sobre a importância de uma vitória no clássico amanhã contra o Flamengo, no Maracanã. Para o atacante, jogar Fla-Flu é sempre especial.

– O Fla-Flu para a gente aqui é o maior jogo, maior clássico nosso. Temos mais dois grandes adversários, o Botafogo e Vasco. Mas esse é o mais esperado, principalmente quando tinha torcida. Naturalmente, representa mais para o clube e para o torcedor. Eu classifico como o maior clássico do Rio de Janeiro. – disse o camisa 9.

Foto: Maílson Santana/ FFC