Tática Didática: O que esperar de Fluminense x Criciúma. Confira análise

A equipe catarinense vive uma fase bem ruim, amargando o rebaixamento no campeonato estadual pela primeira vez desde os anos 90.

Sem muitos recursos técnicos, o time enfrenta o Fluminense de Roger Machado, que vem cumprindo o esperado com as peças que tem até o momento.

A derrota para o Atlético Goianiense no recorte recente indica uma equipe que ainda possui uma oscilação no começo de trabalho, e é necessário ressaltar que o trabalho feito pela equipe de Goiânia é sólido e muito bem estruturado, desde a temporada passada.

Diante de todo o contexto, o Flu é bastante favorito. É necessário, porém, ficar alerta na competição que já derrubou gigantes do futebol brasileiro nessa temporada.

Foto divulgação

Emerson Sheik diz que é impossível Flu ser campeão da Libertadores e faz promessa: “Corro nu”

Se depender das expectativas do ex-atacante Emerson Sheik, o Fluminense não deve ir longe na Copa Libertadores. Comentarista do programa “Arena SBT”, Sheik avaliou a atuação tricolor nesta edição da Copa e palpitou que o clube não avança até a fase semifinal da competição. 

A equipe do Fluminense pode garantir a classificação para a fase mata-mata já no jogo de hoje.

Presente no programa do Benjamim, o tricampeão do Brasileirão por Flamengo, Fluminense e Corinthians, chegou a prometer correr nu na Avenida Paulista, em São Paulo, caso o time de Roger Machado garanta sua vaga na semifinal da competição.

– Não, sem chances. O Fluminense não vai ser surpresa (na Libertadores). Está jogando um futebol alegre… Estou sendo sincero e verdadeiro. Tem um equilíbrio entre jovens e veteranos, mas vão até a esquina e não passam mais. E todo mundo sabe disso. Não tem como o Fluminense ser campeão – comentou ele.

Fonte: Lance

Tem vaga? Empréstimo de Marlon chega ao fim e jogador volta ao Fluminense

Chegou ao fim a passagem de Marlon pelo Trabzonspor. O lateral-esquerdo estava emprestado pelo Fluminense e não foi adquirido em definitivo. 

No seu Instagram, fez um agradecimento ao clube turco.

Marlon passou a última temporada a serviço do Trabzonspor. 

Em princípio, terá de se reapresentar ao Fluminense.

Foto: Lucas Merçon/FFC

Michel Araújo faz seu último treino no CT e se despede de companheiros

A reapresentação do Fluminense neste domingo, após o empate em 1 a 1 com o Flamengo no Maracanã, pelo primeiro jogo da final do Campeonato Carioca, foi marcada por uma despedida.Michel Araújo realizou o seu último treino no CT Carlos Castilho e se despediu dos jogadores do elenco e dos funcionários.

Nos Emirados Árabes, Michel reencontrará o técnico Odair Hellmann, com quem trabalhou em 2020 e foi quem pediu sua contratação aos árabes. Como a janela de transferências internacionais do país só abre no meio do ano, o meia uruguaio de 24 anos vinha mantendo a forma no Fluminense, mas agora já vai planejar a viagem a organizar a mudança com a esposa e o filho que moram com ele no Rio.

O Flu receberá US$ 500 mil dólares (R$ 2,8 milhões) pelo empréstimo de um ano. Foi acordada uma opção de compra fixada em US$ 3 milhões de dólares (R$ 16,8 milhões) ao fim do período.

Comprado junto ao Racing, do Uruguai, no início de 2020, Michel Araújo tem contrato com o Fluminense até o fim de 2024. Na ocasião, o clube pagou R$ 3 milhões por 50% dos direitos econômicos do jogador. Pelo Tricolor, o meia disputou 45 jogos, marcou dois gols e deu uma assistência. Desde a chegada de Roger Machado, perdeu espaço e sequer foi inscrito na Libertadores.

Fonte: Ge

Foto: Reprodução Instagram 

Fred e Mário Bittencourt discutem com dirigentes do Flamengo: “ Te arrebento “

O primeiro Fla-Flu da final do Carioca terminou quente e empatado em 1 a 1, nesta noite de sábado no Maracanã – Gabigol abriu o placar de pênalti, na primeira etapa, e Abel Hernández deixou tudo igual, de cabeça, no segundo tempo.

Os dois times decidem o título do Campeonato Carioca de 2021 no próximo sábado, às 21h05, novamente no Maracanã.

Na saída de campo, o atacante Fred, do Fluminense, e o presidente Mario Bittencourt discutiram com o lado do Rubro-Negro. Desde a saída de campo até a entrada do vestiário, xingaram de volta e reagiram às ofensas do lado do Flamengo.

– Vem cá que te arrebento. Vem cá, seu bosta – gritava Fred.

– Aqui tem homem. Vai te f… – respondia Mario, próximo da entrada do vestiário.

Nas imagens da transmissão, não foi possível identificar para quem eram as respostas dos tricolores. O vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, acompanhou a cena.

Foto: Reprodução 

Primeiro jogo da final acaba empatado e deixa tudo em aberto para segundo jogo

O Flamengo foi mais dominante durante boa parte do jogo. Com o domínio das ações, conseguiu ameaçar em lance de Bruno Henrique, até que o juiz marcou pênalti em Gerson com o auxílio do VAR. Gabriel foi para a cobrança e, como de costume, converteu, deslocando Marcos Felipe para o outro lado. 

O Flamengo  continuou sendo o senhor do jogo e ameaçou ainda com Arrascaeta e o próprio Gabigol. Do lado Tricolor, a principal oportunidade foi com Kayky, que optou por encher o pé quando deveria ter tentado usar a técnica logo depois do gol do Flamengo.

O Fluminense voltou para o segundo tempo já com uma alteração: Cazares no lugar de Nenê. 

O time tricolor esteve melhor na etapa final e, com o passar do jogo, passou a ter as melhores chances. Apostando na bola aérea – que tem dado resultado no time de Roger Machado e azucrinado a equipe de Rogério Ceni – o Flu conseguiu chegar ao empate após boa bola levantada de Egídio para Luiz Henrique, que encontrou Abel Hernández livre para cabecear. 

O próprio Luiz Henrique ainda teve outra grande oportunidade, mas errou o chute cara a cara com Gabriel Batista.

Final de jogo empatado e tudo em aberto para o próximo final de semana.

Fluminense volta a campo agora no meio da semana pela Libertadores contra o Jr.Barranquilla.

Foto: Mailson SantanaFFC

Tática Didática: O que o Fluminense precisa corrigir para o primeiro jogo da final contra o Flamengo

O Fluminense venceu, mas encontrou problemas diante do Santa Fe.

A equipe de Roger ainda tem problemas de compactação e aproximação, deixando espaços mesmo quando tem superioridade numérica no setor defensivo. Isso aconteceu algumas vezes pelo último jogo da Libertadores, na quarta-feira.

Para o confronto contra o Flamengo, na primeira final do campeonato estadual, Roger não tem muito tempo de trabalho para grandes ajustes, e deve priorizar um melhor encaixe para que o conjunto funcione melhor em diferentes situações de jogo. Confira o vídeo

Miguel tem pedido de liminar negado e segue com vínculo no Flu

Miguel não obteve sucesso em sua primeira tentativa de se desligar do Fluminense na Justiça. Nesta quinta-feira, a juíza Daniela Valle da Rocha Muller, da 9ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro, indeferiu o pedido de liminar do jogador para se desligar do Tricolor.

No requerimento, o jovem alega débitos de seis meses de FGTS e mais um ano sem o aumento salarial prometido em contrato. O atleta revelado nas categorias de base Xerém terá agora mais 15 dias para apresentar mais fatos à sua petição inicial.

Enquanto a indefinição segue, certo mesmo é que Miguel não atuará mais com a camisa do Fluminense. Mesmo que não consiga se desligar do clube, não terá mais clima para jogar pelo Tricolor e sairá de graça ao fim do seu contrato, que expira em junho de 2022.

Fonte: NetFlu 

Fotos: Lucas Merçon/FFC

Tática Didática: Fluminense, o time que só rende no segundo tempo. Veja análise

No dia de ontem, 12, o Fluminense venceu o Santa Fé, pelo placar de 2×1, e encaminhou sua classificação para a segunda fase da Libertadores da América. Porém mesmo com a classificação, podemos afirmar que o time tricolor é um time que rende muito mais no segundo tempo.⠀

No jogo de ontem, o time do Roger Machado, iniciou a partida até que bem, porém com passar do tempo, o time foi regredindo, mostrando muitas falhas de movimentações, principalmente de transições defensivas, assim dando muito espaço para o adversário. Parece que o time só se liga após ter um revés no campo, foi assim contra o River Plate, Junior Barranquilla e ontem contra o Santa Fé.⠀

A equipe técnica tem que dar uma atenção para essas falhas de posicionamento e movimentação, buscando a solução o mais breve possível, pois se o Fluminense enfrentar um adversário mais qualificado ofensivamente, e der as brechas desses confrontos que foi citado, pode se complicar.

Confira a análise da vitória de ontem no video abaixo.

Após 14 dias de isolamento por Covid-19, John Kennedy será reavaliado nesta quinta-feira

Após duas semanas de isolamento por Covid-19, John Kennedy ainda não voltou aos treinos no Fluminense. Nesta quinta-feira, está programado para que o atacante de 18 anos seja reavaliado pelo departamento médico do clube, que liberará ou não o retorno imediato às atividades. 

O período de afastamento superior aos dez dias protocolares deveu-se ao fato do jogador ter tido sintomas um pouco mais fortes que os demais jogadores que também já foram infectados. 

John peassou o período de recuperação em casa.

John Kennedy começou a sentir sintomas de gripe próximo ao jogo contra o River Plate, no dia 22 de abril, pela estreia na Libertadores, e foi afastado preventivamente ficando fora, inclusive, da viagem para a Colômbia, na semana seguinte, para o jogo contra o Santa Fe, dia 28.

Os 14 dias de isolamento determinados pelo clube após o resultado positivo para Covid-19 se encerrou nesta terça-feira. Como o Fluminense joga nesta quarta pela Libertadores, contra o Santa Fe, no Maracanã, a reavaliação do jogador ficou para quinta-feira.

Fonte: Ge

Foto: Lucas Merçon/FFC