fbpx

CBF define data para volta do Brasileirão feminino

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) definiu a data para o retorno do Campeonato Brasileiro Feminino, após mais de três meses de paralisação por conta da pandemia de coronavírus. A volta da Serie A1 será dia 26 de agosto com o conclusão da quinta rodada.

O Fluminense está na Serie A2, que ainda não tem data marcada, mas a previsão é que retorne em setembro.

A divisão de acesso foi interrompida com apenas uma rodada disputada, o Tricolor está na segunda colocação do grupo F, com 3 pontos. A equipe comandada por Thaissan Passos, venceu o Toledo-PR por 4 a 2 na estreia da competição.

Fonte: Globoesporte.com
Foto: Mailson Santana/ FFC

Elenco do feminino do Flu participa de reunião on-line com a CBF

A equipe de futebol feminino do Fluminense vem se reinventando durante esse período de pandemia. E uma das saídas além dos treinos virtuais, são as reuniões, também virtuais, que vem fazendo entre suas atletas e comissões técnicas.

O clube que já havia realizado a atividade com a comissão do Equador, teve nesta semana, uma reunião com a comissão da Seleção Brasileira Feminina Sub-20, o que na visão do clube, proporciona uma troca de ideias entre os profissionais, agregando conhecimento e crescimento para o futebol feminino.

O treinador Jonas Urias participou da ação com toda sua comissão técnica e compartilhou as experiências no comando da Seleção Brasileira Feminina Sub-20.

Além da equipe do futebol feminino, a reunião virtual contou ainda com a presença de integrantes da comissão técnica das categorias de base do futebol masculino do Fluminense, além de funcionários de Xerém.

Foto: Arquivo Pessoal/ Futebol Feminino FFC

Fluminense estenderá treino virtual ao elenco da base e do feminino

O presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, confirmou em sua entrevista ao site Globo Esporte que estenderá os treinos virtuais que já vem sendo realizados com os profissionais, para a base e também para o feminino do clube:

– É importante dizer que o juniores segue treinando com um programa de treinamento que receberam, mas vão evoluir para o mesmo sistema do profissional. A gente já vai conseguir que os meninos também treinem por vídeoconferência e o futebol feminino também já está aderindo ao mesmo programa, que foi passado pelo preparador físico do profissional, Marcos Seixas e pelo fisiologista Juliano. Eles fizeram essa pirâmide e desceram o treinamento para todas as categorias do Fluminense – confirmou Mário.

Vale destacar que na última segunda-feira (18) o clube emitiu uma nota à imprensa, onde confirmou a extensão dos treinos virtuais até o final de maio.

Foto em destaque: Reprodução/Vídeo

Técnica Thaissan Passos, traça objetivos do time feminino do Flu, após paralisação

A treinadora Tricolor falou sobre como tem sido esse período de paralisação, por conta da pandemia de coronavírus, e sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido pela comissão técnica para que as atletas mantenham a forma física.
E Já pensando no retorno das atividades Thaissan traçou o principal objetivo da equipe na temporada, que é “buscar o acesso para a Série A1”

O Campeonato Brasileiro Feminino A2 teve a realização de apenas uma partida antes da paralisação em combate ao COVID-19. Sem poder utilizar as instalações do clube para treinamento, as jogadoras estão realizando uma serie de atividades físicas, em suas casas, sob supervisão da comissão técnica.

confira o que disse a técnica Thaissan Passos

Fonte: Fluminense F.C << (clique aqui para ver entrevista na íntegra)
Foto: FFC

Fluminense divulga bastidores da estreia do time Feminino no Brasileirão A-2

O Fluminense estreiou no Campeonato Brasileiro feminino A-2 – equivalente à segunda divisão nacional, no último sábado (14) com vitória de 4 a 2 sobre o Toledo-PR, em Laranjeiras.

A partida que foi sem público por conta das determinações a fim de evitar um surto do Coronavírus, não ficou sem os bastidores, que foi divulgado pelo Youtube do próprio Fluminense. Acompanhe no vídeo abaixo:

Vice presidente Tricolor, Celso Barros presta homenagem as meninas do Flu

Afastado do futebol desde o final do ano passado, o vice presidente geral, Celso Barros, usou sua conta oficial do Instagram para homenagear as jogadoras do Fluminense.

Volante representará o Fluminense na seleção brasileira feminina sub-17

A volante Luiza Travassos representará o Fluminense na Seleção Brasileira Sub-17, que disputará um torneio preparatório em Portugal, visando o Campeonato Sul-Americano da categoria.

A jogadora viaja já nesta quarta-feira (12) para a cidade de Portimão, no Algarve, em Portugal, onde o Brasil enfrentará as seleções de Portugal e da Áustria em um triangular.

É uma felicidade muito grande ter sido convocada. É um sonho realizado poder disputar um torneio representando meu país, vestindo a Amarelinha, um sonho de todo mundo que joga futebol. E também, por representar o Fluminense, pois o clube foi fundamental para chegar aonde cheguei. As expectativas são altíssimas de fazer um bom trabalho e voltar com excelentes resultados – destacou Luíza.

Foto em destaque: Lais Patricio/FFC

Time feminino do Fluminense se reapresenta com direito a maquiagem e sessão de fotos

A equipe feminina principal do Fluminense se reapresentou na manhã desta quarta-feira (28) no salão nobre das Laranjeiras, com direito a maquiagens e sessão de fotos.

O foco das meninas nesse ano será a disputa do Campeonato Brasileiro A-2, onde o Fluminense se encontra no grupo F, que conta com além do Tricolor, o Napoli, de Santa Catarina, o Bahia, Náutico, Auto Esporte, da Paraíba, Cruzeiro, do Rio Grande do Norte, e Sport.

A competição começa no dia 15 de março e será dividida em duas fases. A primeira em sendo realizada em turno único, com as equipes se enfrentando dentro do próprio grupo.

Avançam para a segunda fase as duas melhores de cada grupo, mais as quatro melhores terceiras colocadas, quando se enfrentam em formato de mata-mata.

Foto: Amanda Storck/FFC

CBF divulga tabela do Campeonato Brasileiro feminino A-2

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) divulgou a tabela do Campeonato Brasileiro Feminino A-2, equivalente a segunda divisão da categoria.

Contando com a presença de 36 equipes dividas em seis grupos de seis times, o Fluminense caiu no grupo F, que conta com além do Tricolor, o Napoli, de Santa Catarina, o Bahia, Náutico, Auto Esporte, da Paraíba, Cruzeiro, do Rio Grande do Norte, e Sport.

O torneiro será disputado em dias fases, com a primeira sendo realizada em turno único, com as equipes se enfrentando dentro do próprio grupo.

Avançam para a segunda fase as duas melhores de cada grupo, mais as quatro melhores terceiras colocadas, quando se enfrentam em formato de mata-mata.

Esta que é a quarta edição do torneio está marcada para começar no dia 15 de março.

Foto em destaque: Lucas Figueiredo/CBF

Com jogadoras do Flu, portal divulga as 12 maiores promessas do Futebol Feminino no Brasil

O Futebol Feminino no Brasil segue a sua expansão em todo o território nacional. Após um primeiro ano de muito sucesso em âmbito nacional, a projeção é de aumentar ainda mais a audiência e tudo o que envolve o esporte.

Dito isso, o portal “O Gol” listou as 12 maiores promessas do futebol feminino no país. Dessas doze, duas jogadoras do Fluminense foram citadas. Confira:

TARCIANE

(Foto: Reprodução/O Gol)

Tarciane chegou ao Fluminense após uma parceria do clube com o projeto Daminhas da Bola. Aos 16 anos de idade e com 1,87 de altura, a zagueirona se tornou na grande líder do time sub-18. Forte nas jogadas de bola parada, seja cobrando faltas ou cabeceando, a zagueira se destaca pela veia goleadora. Foram oito tentos no brasileiro Feminino Sub-18.

LARA DANTAS

(Foto: Reprodução/ O Gol)

Lara Dantas, a mais jovem desta lista, tem apenas 14 anos de idade, mas já dá o que falar. A garota, que muitos dizem ser a “nova Marta”, se destacou no PSG Academy em torneios internacionais antes de chegar ao Fluminense. No time das Laranjeiras, a meia  vem jogando pelo sub-18, colecionando boas atuações e acumulando convocações para a seleção brasileira sub-17.

Texto retirado do portal “O Gol”.

Saudações Tricolores,

João Eduardo Gurgel

Top