Resultados do final de semana colocam pressão para Fluminense voltar ao topo da tabela

O Fluminense que iniciou a 23° rodada na quinta colocação, desceu para o sétimo lugar com o início dos jogos no último sábado (28), principalmente com as vitórias de Palmeiras e Santos, que ultrapassaram o Tricolor na tabela de classificação.

Porém, o empate do Internacional contra o Atlético-Go pode deixar o Flu na quarta posição caso vença seu jogo ante o RB Bragantino nesta noite. No entanto, em caso de derrota, pode ser ultrapassado pelo Grêmio, que enfrenta o Goiás nesta segunda-feira (30), em jogo adiado da sexta rodada.

Vale destacar que o jogo do clube gaúcho dessa 23° rodada, contra o Flamengo, teve que ser adiado por conta da alternância de datas com a Copa Libertadores.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Em caso de vitória, Flu pega o elevador e volta a encostar no G4

O jogo entre Inter e Fluminense, na noite deste domingo (22), pode fazer o Fluminense voltar a brigar na parte de cima da tabela. Isso porque, em caso de vitória, o Tricolor ultrapassa de imediato duas posições, Santos e Palmeiras, que já entraram em campo e perderam seus jogos.

O Tricolor ainda poderá ultrapassar o Grêmio, que joga contra o Corinthians, e só se manteria à frente, em caso de vitória. Caso o Grêmio também não vence, somando uma vitória do Flu, a equipe de Odair alcançaria a quinta posição, e mais, encostando novamente no G4.

A vitoria faz o Flu chegar aos 35 pontos, ficando um atrás do Inter e dependendo ainda dos jogos de São Paulo (36) e Atlético-MG (38), e enfrentam Vasco em São Paulo e Ceará, em Fortaleza respectivamente.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Quarto colocado, Fluminense tem a metade da folha entre os líderes do Brasileirão

Já conhecido por contrariar a lógica, o Fluminense vem surpreendendo mais uma vez nessa temporada. Atual quarto colocado no Brasileirão, o Tricolor tem a menor folha salarial entre os oito primeiros colocados, além disso, considerando só a remuneração do elenco, com CLT, direitos de imagem e encargos, o ge apurou que o custo mensal é de aproximadamente R$ 4,3 milhões, valor que seus concorrentes por título e G-4 gastam pelo menos o dobro.

As informações foram tiradas do balancete do clube referente ao segundo semestre, que aponta um gasto de R$ 37.242.561,00 com “salários, encargos e benefícios com funcionários” de janeiro a junho, o que dá um custo de R$ 6,2 milhões por mês de sua pasta do futebol profissional.

Comoarando com os balancetes dos líderes Inter e Flamengo, por exemplo, os custos são bem maiores que do Tricolor, com o Colorado tendo gastado R$ 120.873.266,00 de janeiro a agosto, o que dá R$ 15.109.158,00 por mês com toda a sua estrutura do futebol (não especificado apenas o elenco). Já o Rubro-Negro não discrimina os custos entre futebol e outros esportes na pasta “atividades sociais e esportivas”, cujos gastos foram de R$ 229.163.000,00 no balancete do terceiro trimestre, até setembro, uma média de 25,4 milhões. Ainda de acordo com apuração do GE, o gastos da dupla só com o elenco, seria acima dos R$ 12 milhões mensais, o que supera com folga o Flu.

Em sexto lugar com 30 pontos, o Santos divulgou em seu balancete do segundo trimestre uma despesa de R$ 67.326.662,00 com “remunerações de CLT, direitos de imagem, encargos e benefícios” do elenco, o que dá uma média de aproximadamente R$ 11 milhões mensais. Enquanto o Grêmio, oitavo colocado com 27 pontos, apresentou em seu balancete, também de janeiro a junho, um custo aproximado de R$ 54.881.000,00 com “remuneração de atletas profissionais, encargos e cessão de imagem”, equivalente a cerca de R$ 9 milhões por mês.

Atlético-MG, São Paulo e Palmeiras, divulgam balanços anuais, porém, se comparado ao divulgado ao final de 2019, também superam com o folga os números do Fluminense.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Fonte: GE.Globo

Fluminense mata mais um leão no Brasileirão e vence Fortaleza fora de casa

O Fluminense foi até o Ceará para enfrentar o Fortaleza pela última rodada do primeiro turno. Com uma invencibilidade de sete jogos, o time comandado por Odair Hellmann alcançou mais uma vitória e voltou a encostar nós líderes, chegando aos 32 pontos.

O primeiro tempo foi bem equilibrado com o Fluminense levando uma vantagem na imposição física com uma boa marcação, porém, pecou nas poucas oportunidades que chegou no ataque. O lance de mais perigo veio através de uma cabeçada de Michel Araujo, que culminou com uma boa defesa de Felipe Alves.

O Flu voltou melhor para o segundo tempo e ainda contou com a expulsão de Roger Carvalho, que no intendimento do árbitro, impediu uma clara e manifesta situação de gol. Com um a mais, o Fluminense ampliou seu domínio territorial e passou a encurralar ainda mais o Fortaleza próximo de sua área. Até que em uma jogada de sorte, Ganso tentou o passe a bola estorou na zaga, bateu no peito do camisa 10 e sobrou para Wellington Silva que ainda contou com um desvio antes de ver a gorduxa morrer no fundo das redes, abrindo o placar para o Fluminense.

O Tricolor quase fez o segundo na sequência. Ganso deu ótimo passe para Marcos Paulo, que cruzou e a bola cortou toda a área sobrando para Yago finalizar, porém a zaga do Fortaleza conseguiu afastar o perigo.

Final de jogo: Fortaleza 0 x 1 Fluminense.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fluminense vence o Santos no Maracanã e termina rodada no G4 do Brasileirão

O Fluminense recebeu o Santos na tarde deste domingo (25), no Maracanã, para um confronto que valia uma vaga no G4 do Brasileirão, e com gols de Luccas Claro, Nino e Marcos Paulo, o Tricolor bateu o Peixe por 3 a 1 e irá terminar a rodada entre os quatro melhores times do país.

O Fluminense começou o jogo se impondo, com uma marcação alta e, pressionando a saída de bola do Santos. O time chegou por diversas vezes com perigo real ao gol de João Paulo, porém, não conseguia abrir o placar. Até que aos 28 minutos, em mais uma recuperação na saída de bola do Santos, Danilo Barcelos levantou para a área, Fred desviou no primeiro pau e Luccas Claro entrou como um verdadeiro centro avante para abrir o placar.

em vantagem, o time baixou a guarda, e pouco depois, Marinho aproveitou cruzamento da direita, se antecipou a Nino e empatou o jogo, levando o placar de 1 a 1 para o intervalo.

Na volta, o Flu novamente iniciou melhor e voltou a frente do placar, com Nino. O Santos tentou pressionar em busca do empate, porém deixava espaços para o contrata ataque, desperdiçado por diversas vezes no último passe. Em um deles, Marcos Paulo deixou Fred cara a cara com João Paulo, mas o goleiro santista impediu o terceiro gol que veio pouco depois. Em uma.jogada de escanteio, a bola sobrou para Ganso que tentou a finalização, mais uma vez defendida pelo goleiro do Peixe, mas na sobra, o camisa 10 deu um passe açucarado para Marcos Paulo ampliar e pôr números finais no jogo.

Final no Maracanã, Fluminense 3 x Santos, resultado que deixou o Flu entre.os quatro melhores times da competição. Na próxima rodada o confronto será contra o Fortaleza, no Ceará, equipe que também briga na parte de cima da tabela.

Foto em destaque: Lucas Merçon//Fluminense FC

Empate diante do Atlético-Go tira Fluminense do G4

O empate por 1 a 1 do Fluminense contra o Atlético-Go na noite da última quarta-feira (02) não só quebrou uma boa sequência do Fluminense de três vitórias seguidas na temporada – duas pelo brasileiro e uma pela Copa do Brasil, como também tirou o Fluminense do G4 do Brasileirão.

O clube das Laranjeiras que chegou aos 11 pontos com o empate, foi ultrapassado pelo Atlético-MG, que venceu o São Paulo e foi aos 12 pontos, ultrapassando Fluminense e Vasco.

Ja na próxima rodada o Tricolor já poderá voltar a figurar entre os quatro melhores, uma vez que enfrenta o São Paulo, atualmente em segundo lugar com 13 pontos. Caso vença, o Fluzão chegaria aos 14 pontos, ultrapassando a equipe paulista.

Sao Paulo e Fluminense se enfrentam no próximo domingo (06), às 16h, no estádio do Morumbi, em São Paulo.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Vitória diante o Vasco garante o Fluminense no G4

A vitória do Fluminense diante o Vasco na noite deste sábado (29) no Maracanã, deixou o Tricolor de volta ao G4 do Campeonato Brasileiro, com 10 pontos ganhos.

O Tricolor alcançou a mesma posição queno próprio Vasco e São Paulo, que enfrenta o Corinthians neste domingo (30). O Vasco por sua vez tem um jogo a menos, partida da primeira rodada contra o Palmeiras.

O Fluminense deve não só dormir entre os quatro melhores, como se manter por lá ao fim da rodada, pois com o adiamento dos jogos de Atlético-MG e Grêmio, que jogariam contra Athletico-PR e Grêmio, o Flu só pode ser alcançado pelo Santos, que joga contra o Flamengo na rodada.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC