fbpx

Fora há seis meses, Gilberto pode retornar contra o Bangu

Foto: Lucas Merçon / FFC

Além da estreia de Ganso, partida desta sexta (22) pode marcar o retorno do lateral-direito

Um dos destaques do Fluminense na temporada passada, Gilberto não entra em campo oficialmente há seis meses. Desde a derrota por 2 a 1 para o Cruzeiro – jogo que também marcou a lesão do atacante Pedro -, o lateral-direito viveu dias ruins no Tricolor carioca. Com um edema ósseo no joelho esquerdo, o atleta sofreu com as dores e ficou de fora da segunda metade de 2018, além desse início de 2019.

Porém, a recuperação segue firme e forte. Livre das incômodas dores, Gilberto voltou a treinar com bola há duas semanas e já encontra-se apto para atuar. O lateral-direito retornará como o dono da posição, tendo em vista que Ezequiel – contratado nessa janela -, não vem agradando a torcida tricolor. De acordo com o treinador Fernando Diniz, o jogador de 25 anos pode ser relacionado e até entrar em campo na partida contra o Bangu, nesta sexta-feira (22), às 21h (de Brasília), no Maracanã. O duelo será válido pela 1ª rodada da Taça Rio.

Livre de dores, Gilberto volta a treinar normalmente e retorno pode estar próximo

Foto: Lucas Merçon / FFC

Lateral-direito atuou pela última vez no fim de agosto do ano passado, na derrota para o Cruzeiro, no Minerão

O Fluminense pode ter em breve o retorno de um dos principais destaques do elenco no ano passado. Gilberto, que não joga desde o final de agosto de 2018, na derrota para o Cruzeiro – mesmo jogo onde Pedro se lesionou -, voltou a treinar normalmente com bola e está livre das dores no joelho esquerdo. O edema ósseo, que gerava o incômodo na região, não o atrapalha mais. Colecionando boas atuações durante a última temporada, o lateral-direito teve seu empréstimo renovado com o Tricolor após acordo com a Fiorentina-ITA.

Apesar da expectativa positiva em torno do atleta, não há uma data concreta para seu retorno aos gramados. Ainda não se sabe se Gilberto será relacionado para o clássico contra o Flamengo, válido pela semifinais da Taça Guanabara. A partida acontecerá nesta quinta-feira (14), no Maracanã. Caso o lateral-direito não retorne no Fla-Flu, o titular da posição continuará sendo Ezequiel, enquanto Igor Julião é o reserva imediato.

Gilberto volta a sentir dores no joelho esquerdo e está fora da estreia do Flu

foto: Lucas Merçon / FFC

O lateral direito Gilberto voltou a sentir dores no joelho esquerdo e será desfalque na estreia do Fluminense pelo Campeonato Carioca no próximo sábado (19) às 19hrs contra o Volta Redonda, no Maracanã.

O lateral que ficou por quase seis meses devido a um edema ósseo no mesmo joelho, chegou a participar de alguns treinamentos com bola, voltou a sentir a região e com isso teve sua presença descartada para a partida.

A informação divulgada inicialmente pela Rádio Globo e Globoesporte.com e confirmada pela reportagem do Canal Flunews, dá conta que o jogador participou dos treinamentos até a manhã da última segunda-feira (14).

Com isso, Ezequiel, recentemente contratado junto ao Cruzeiro, deve ganhar uma oportunidade entre os titulares. Igor Julião que terminou o ano de 2018 como titular é outra opção.

Mesmo participando de treinos com bola, Gilberto não tem presença garantida na estreia

foto: Lucas Merçon / FFC

Longe dos gramados desde agosto do ano passado, devido a um edema ósseo no joelho esquerdo, o lateral direito Gilberto participou das atividades com bola no campo do CTPA (Centro de Treinamento Pedro Antônio) na última quinta (10) e nesta sexta-feira (11).

Contudo, o presença do lateral no jogo de estreia do Tricolor no Campeonato Carioca, contra o Volta Redonda no dia 19 no Maracanã ainda segue incerta. O jogador deverá passar por novas avaliações antes de ter a presença confirmada na partida.

A cautela do Fluminense se deve ao tempo de recuperação da contusão do atleta, que durou quase seis meses.

Fluminense anuncia renovação de contrato de Gilberto

No segundo dia do ano, o Fluminense confirmou a renovação de contrato de Gilberto, que passa férias nas Bahamas. Anunciado na manhã desta quarta-feira, o acordo junto à Fiorentina-ITA ocorreu no fim de dezembro. Ele assina por mais uma temporada nas Laranjeiras, com opção de compra fixada.

Gilberto se destacou durante o primeiro semestre, com seis gols em 36 jogos, mas teve a boa fase atrapalhada por um edema ósseo no joelho direito, sofrido em agosto e que o tirou de combate.

Aliás, o jogador trabalhou no CT, na busca pela cura da lesão, até o dia 20 do mês passado, quando os companheiros já haviam entrado em recesso. No entanto, se reapresentará junto aos demais, em 3 de janeiro, uma quinta-feira.

Especulado no mercado brasileiro e com um “quase acerto” com o Atlético-PR, o camisa 2 vinha negociando a prorrogação do vínculo por todo o segundo semestre e, por um momento, a permanência pareceu improvável. A negociação chegou ao fim quando a Fiorentina-ITA enviou documentos necessários para a conclusão do processo. Veja o anúncio: 

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fluminense desbanca concorrência e garante Gilberto em 2019

Paralelamente às negociações para chegadas, o Fluminense vinha resolvendo a permanência de jogadores importantes para a próxima temporada. Assim, o elenco, que terá o comando de Fernando Diniz, vai ganhando forma. Gilberto, por exemplo, teve o empréstimo renovado por mais um ano, com opção de compra fixada.

A permanência, que, num momento, pareceu improvável, foi garantida nesta sexta-feira, quando a Fiorentina-ITA, ao qual o jogador está vinculado, enviou o documento necessária para a conclusão do acordo. Gilberto e o Fluminense, porém, já haviam chegado a um consenso no início da semana.

Após um bom primeiro semestre, Gilberto sofreu uma lesão e, desde agosto, vem tratando de um edema ósseo no joelho direito. Aliás, ele continuou frequentando o Centro de Treinamento, mesmo com os companheiros em férias, para curar o problema.

Com as conversas pela renovação se arrastando por meses, alguns clubes, como o Atlético-PR, campeão da Sul-Americana, sondaram o camisa 2, que sempre deu prioridade ao Tricolor. No ano, ele marcou seis gols em 36 jogos.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Fluminense e Gilberto se acertam e jogador deve assinar no vínculo

Tricolor deve fechar mais um ano de empréstimo com valor do passe fixado.

O Fluminense encaminhou um novo acordo de empréstimo com o lateral direito Gilberto, de 25 anos, um dos destaques da equipe nessa temporada de 2018.

O jogador que vinha sendo pretendido por diversas equipes da Série A do Brasileirão deve assinar um novo acordo de mais um ano de empréstimo com valor do passe fixado ao final do vínculo.

De acordo com o diretor executivo de futebol do Flu, Paulo Angioni, falta apenas a liberação de um documento da Fiorentina, clube que detém os direitos do jogador, para ser concretizado o negócio:

– Falta um detalhe, um documento da Fiorentina. Pode ser que chegue ainda nesta quarta – disse Angioni.

 

foto: Lucas Merçon

fonte: Globoesporte.com

Sem acordo com o Flu, Gilberto pode assinar com o Cruzeiro

Contrato do jogador com o Flu se encerra no próximo dia 31.

O lateral direito Gilberto está cada vez mais distante do Fluminense. Com o contrato de empréstimo se encerrando no próximo do 31, o jogador, Fluminense e a Fiorentina, clube que detém os direitos do atleta não chegaram a um acordo e um novo empréstimo não deve ser concretizado. Isso porque, o Fluminense planejava uma renovação nos mesmos moldes que o contrato atual: empréstimo com a Fiorentina pagando parte dos vencimentos do atleta. Contudo, apesar do clube italiano aceitar um novo empréstimo do jogador, eles não estariam dispostos em arcar com parte dos vencimentos do lateral, o que deixa Gilberto com o salário acima do teto estabelecido pela diretoria tricolor.

Diante da indefinição com o Fluminense, o Cruzeiro se mostrou interessado em contar com o futebol do jogador e, de acordo com informações do jornal mineiro Hoje em Dia, o lateral já é aguardo em Belo Horizonte para realização dos exames médicos e se aprovado assinar com o clube celeste.

A parte física pode no entanto ser um empecilho na negociação, uma vez que o jogador está sem atuar pelo Fluminense desde o dia 25 de agosto, devido a um edema ósseo no joelho esquerdo.

 

foto: Lucas Merçon / FFC

Reunião na segunda-feira definirá o futuro de Gilberto

Um dos principais jogadores do Fluminense no primeiro semestre, Gilberto se reunirá com seu empresário, Alan Espinosa, e Paulo Angioni, segunda-feira, para conversar sobre a renovação. Ele pertence à Fiorentina, da Itália, e, assim como a diretoria carioca, deseja a permanência. A pretensão de comprá-lo não existe mais, em razão da delicada condição financeira do clube.

– O problema do Gilberto é que tem um impasse de não ser direto. É via Fiorentina. Tenho que tratar com eles. Vamos nos reunir na próxima segunda-feira. Tem a questão financeira. Acho que o Flu não paga todo o salário hoje, tem que ver como vai ser. E o contrato dele com a Fiorentina pode ter algum aumento previsto para 2019 – revelou, em entrevista ao Globoesporte.com, Paulo Angioni.

Com um edema ósseo no joelho esquerdo desde agosto, o lateral-direito continuará frequentando o Centro de Treinamento, mesmo nas férias, até que cure a lesão. Nesta temporada, o jogador marcou seis gols em 36 jogos.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Machucado, Gilberto depende de novo empréstimo para defender o Fluminense em 2019

Um edema ósseo no joelho esquerdo, detectado em agosto, provocou um fim de ano melancólico para Gilberto. Ele não joga desde a lesão e, por exigência da Fiorentina, ao qual está vinculado até junho de 2020, precisa se recuperar para negociar seu futuro em 2019. Mesmo em período de férias, frequentará, diariamente, o Centro de Treinamento, a fim de concluir o tratamento.

Gilberto vem evoluindo no processo de recuperação. Não sente dores ao realizar exercícios na academia, mas ainda acusa algum incômodo quando corre. Ainda assim, o retorno aos gramados não tem previsão.

Como o contrato com o Fluminense termina em dezembro, a permanência de Gilberto, desejada por ele e pela diretoria, depende de mais um empréstimo, o que envolveria a necessidade de acordo com a equipe italiana. A possibilidade de comprá-lo não é mais considerada, dada a delicada condição financeira do clube de Laranjeiras.

Segundo o jornalista Victor Mendes, da Rede Mais Esportes, alguns times procuram a Fiorentina e outros sondam o empresário, Alan Espinoza, que garante prioridade ao Tricolor. No entanto, reconhece não ser uma missão das mas fáceis.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Top