Série “Herdeiros de Chico Guanabara” tem seu último episódio já disponível

https://www.betnacional.com?p=canalflunews

Com o último episódio lançado em 20 de outubro, a série documental “Herdeiros de Chico Guanabara”, produção original da FluTV, chegou ao fim depois de um ano. Desde a estreia, no feriado da Consciência Negra, em 20 de novembro de 2021, em todo dia 20 de cada mês, um episódio trouxe ao público temas pertinentes de cunho étnico-racial envoltos na história de paixão do Fluminense por meio da figura emblemática do personagem Chico Guanabara, o primeiro torcedor do Brasil.


Durante este ano de projeto, a FluTV assumiu o importante papel de defesa institucional para informar e desmistificar inverdades atreladas ao Fluminense Football Club ao longo de seus 120 anos. Com direção, produção e roteiro da dupla Leandro Carvalho e Dhaniel Cohen, em cada capítulo da série, o espectador tem acesso a inúmeros relatos de personalidades do mundo acadêmico e do universo do futebol. De estudiosos reconhecidos a torcedores apaixonados, os entrevistados expressam o legado de Chico Guanabara para a sociedade.


Temas abordados:

Episódio 1

“O Pioneiro”

(https://www.youtube.com/watch?v=–3PjOIPrK0)
Começamos por conhecer o negro capoeirista apaixonado pelo Fluminense e pioneiro torcedor de arquibancada do Brasil.

Episódio 2

“Pó de Arroz”

(https://www.youtube.com/watch?v=udLMsTvUSxw)
Neste episódio, já partimos a combater as narrativas atribuídas ao clube durante décadas e como o pó de arroz foi apropriado pela mítica dos tricolores.

Episódio 3

“O Profissionalismo”

(https://www.youtube.com/watch?v=FWUNnVMrgNg)
Aqui é levantado o papel pioneiro do Fluminense no início da profissionalização dos atletas no futebol.

Episódio 4

“Cultura Popular”

(https://www.youtube.com/watch?v=7CwakzP-JWA)
O episódio em questão expõe a importância do clube também como espaço físico para manifestação de cultura popular além dos estádios.

Episódio 5

“A Vilanização”

(https://www.youtube.com/watch?v=wbn3Kjug7Eo)
É através deste episódio que entendemos como a narrativa de vilania e preconceito foi associada ao Fluminense na sociedade brasileira.

Episódio 6

“O Casal 20”

(https://www.youtube.com/watch?v=f0Xi5qmSYyM)
Dois dos homens negros mais importantes da história do time, Assis e Washington, são celebrados por suas conquistas e como ídolos na identificação dos torcedores.

Episódio 7

“Estereótipos”

(https://www.youtube.com/watch?v=tq1ynP5Qr64)
Em coesão à temática principal da Série, os torcedores negros expõem como é a experiência de torcer para o Fluminense dentro da realidade étnico-racial brasileira.

Episódio 8

“Torcidas Organizadas”

(https://www.youtube.com/watch?v=bt9Vu2xAi0Y)
Chico Guanabara e outros torcedores famosos da história do time servem como exemplo para resumir todas as formas de expressão apaixonada das torcidas organizadas.

Episódio 9

“Racismo Estrutural”

(https://www.youtube.com/watch?v=AS-UfuCJu4o)
Aqui é necessário que o debate sobre o racismo de toda a sociedade seja exposto para enunciar como ele se manifesta no ambiente do futebol dentro e fora de campo.

Episódio 10

“Representatividade Negra”

(https://www.youtube.com/watch?v=Kcz2Nl4geyA)
Este é um outro momento emotivo e saudoso para recordar grandes craques negros da história do Fluminense.

Episódio 11

“Tricolor em Toda Terra”

(https://www.youtube.com/watch?v=TvcwoJwdJ7I)
Este episódio é uma grande celebração da onipresença de tricolores espalhados por todas as regiões do Brasil e vários lugares do planeta.

Episódio 12

“Time de Todos”

(https://www.youtube.com/watch?v=whSERLOPP9k)
A nota final da Série reitera o compromisso que o Fluminense tem em promover a inclusão social e usar o time para impactar a vida das pessoas.

Texto: Comunicação FFC

Foto: Divulgação