fbpx

Igor Julião paga inscrição de jovem da Maré em exame para universidade

Aos 22 anos, Pablo Marcelino procurava uma “boa alma” para pagar sua inscrição no primeiro exame de qualificação da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), que ocorrerá em junho. Encontrou Igor Julião, que respondeu ao apelo do jovem nas redes sociais e o ajudou a seguir alimentando o sonho de cursar Jornalismo. O valor é de R$ 60.

– Ele precisava de um exame pago e ajudei. Pedi os dados dele por mensagem e ele mandou. Ele agradeceu e falei que estou disposto a ajudar nos próximos. Falei que quero que mais Pablo’s ocupem as universidades públicas – disse o jogador.

Morador da Maré, Pablo é ator, roteirista e escreve no “Voz das Comunidades” para retratar a realidade da favela onde reside. Caso seja aprovado nesta primeira etapa, passará por mais duas avaliações, em setembro e dezembro. Agora desempregado, ele espera arrumar um emprego para custear possíveis novas inscrições.

– Recebi diversas mensagens oferecendo ajuda e uma delas foi a do Julião, que fez o depósito de imediato, e de uma aluna da própria UERJ, que ajudou com uma quantia para passagem e alimentação. Fico feliz em saber que, mesmo na situação caótica em que o nosso país se encontra, é possível encontrarmos pessoas boas e que estão dispostas ajudar o próximo – declarou Pablo. 

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: LANCE!

Torcedora que pretendia ir ao Fla-Flu vendendo brigadeiro é presenteada com um ingresso

foto: Arquivo Pessoal

A torcedora do Fluminense, Laryssa Rangel, postou em seu Twitter pessoal que pretendia comprar seu ingresso para o Fla-Flu do último domingo (24) com o dinheiro da venda de seus brigadeiros.

O que a torcedora não esperava era que seu twite fosse parar nas mãos de Carolina Souza, esposa do lateral direito Igor Julião.

Carolina não titubeou e ofereceu um ingresso que tinha sobrando para Laryssa e, ainda propôs ajudar a torcedora na divulgação dos brigadeiros.

Em entrevista ao jornal O Destak, Carolina comentou sobre a atitude:

Me comovi por saber que ela estava vendendo brigadeiro só pra poder assistir ao jogo. Eu ainda tinha um ingresso sobrando. É difícil sobrar porque sempre tem gente pra ir, ainda mais em clássico. Então acredito que esse estava destinado pra ela já – contou Carolina.

Fonte: Jornal O Destak

Recuperado de lesão, Igor Julião volta a ser opção na equipe Tricolor

foto: Lucas Merçon / FFC

Fora das duas últimas partidas por conta de um edema muscular na coxa direita,
sofrido logo após o empate contra o Volta Redonda pela estreia da equipe na Taça Guanabara, o lateral direito Igor Julião voltou a ser relacionado pelo comandante Tricolor e estará a disposição para enfrentar o Madureira pela quarta rodada da competição.

Julião que começou o ano como terceira opção, atrás de Gilberto e Ezequiel, fez sua estreia no primeiro jogo do Flu no ano, contra o Volta Redonda e participou ativamente da partida, sendo ele o responsável por toda jogada que originou o gol de empate do Tricolor na partida, marcado por Roger Ibanez, já negociado com o Atalanta da Itália.

Embora tenha tido um certo destaque na estreia e provável que Julião comece a partida entre os suplentes com Ezequiel mais uma vez entre os titulares.

Igor Julião garante “grupo motivado” para eliminar o Atlético-PR: “Nada impossível”

Ao “Segue o Baile”, canal do YouTube, Igor Julião demonstrou confiança numa possível vaga para a decisão da Sul-Americana e se apoia no histórico de grandes viradas consideradas improváveis. Para manter vivo o sonho da conquista, o Fluminense precisa, primeiro, conseguir mais uma delas e eliminar o Atlético-PR, que traz para o Maracanã uma vantagem de 2 a 0, construída na Arena da Baixada.

– A gente sabe que é difícil. O time do Atlético é um time difícil, mas, quando se trata de Fluminense, essas coisas ficam meio de lado. A gente tem, em um passado recente, (o exemplo de) uma Libertadores, uma LDU, em uma trajetória que a gente fez em uma própria fuga de rebaixamento com o Fluminense – relembrou.

Como é uma semana decisiva, que envolve semifinal da Sula e luta contra o rebaixamento no Brasileirão, a torcida resolveu deixar de lado, por alguns dias, os problemas que atrapalham o clube em 2018. Aliás, mais de 30 mil ingressos foram vendidos até a véspera do jogão de hoje.

– Com a força da torcida, a gente sabe que não é nada impossível, é muito provável, e é isso que gera confiança para a gente. O grupo está motivado. A gente trabalha todos os dias, conversa fazendo planos e essa sinergia boa está passando, está contaminando. Eu estou bem confiante – disse, completando:

– Recebemos mensagens diariamente de torcedores falando que confiam na gente, que esperam estar na final, e isso passa para a gente. No Fluminense temos um ambiente bom de jogadores. O nosso ambiente é excelente. Conversamos todos os dias. Acaba nos passando essa confiança do torcedor.

Colega de Julião em 2012, Samuel torce por triunfo do Fluzão

Atuando nos Emirados Árabes, Samuel, que teve sua importância no tetracampeonato brasileiro de 2012, assumiu torcida pelo Fluminense, que o revelou para o futebol, no confronto com os paranaenses.

– É um clube que tenho um carinho muito grande, foi onde começou a minha trajetória. Sempre acompanho. A equipe terá um jogo muito difícil diante do Atlético e precisa reverter a vantagem. Todos sabem da força do Fluminense em casa. Isso é um diferencial. Tomara que o grupo faça uma grande partida e consiga a vaga na final – declarou, ao Fox Sports.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Igor Julião torce para ver Fred no Fluminense de novo: “Ele precisa voltar”

Dono de uma linda história no Fluminense, Fred sempre estará nas lembranças da grande maioria da torcida pelos gols e conquistas em sete anos. Vinculado ao Cruzeiro, o centroavante teve, principalmente no começo do ano, seu nome especulado nas Laranjeiras. Mas a realidade financeira atua como um empecilho ao sonho de milhares de tricolores, inclusive de Igor Julião, que se mostrou fã do camisa 9.

– Toda vez que eu vejo uma matéria, eu penso: ‘Pelo amor de Deus, ele tem que voltar’. Fluminense é a cara do Fred. Todo mundo gosta dele, nosso maior ídolo recente. Espero que ele volte, fico feliz da vida quando vejo uma matéria dessa. Acho que, se ele voltar, a torcida vai abraçar, será muito bem-vindo – disse, em entrevista à jornalista Mariana Fontes, que comanda o canal “Segue o Baile” no YouTube.

– Para mim, está no mesmo patamar do Henry. Por futebol, por qualidade, por conquistas. Vou guardar para o resto da vida. O Fred é um fenômeno. Nunca vi ninguém tão inteligente dentro de campo, de noção de espaço, de finalização – completou.

Ainda que tenha rodado em empréstimos, Igor Julião subiu para o profissional bem cedo, em 2012, ano do tetracampeonato brasileiro. Na época, o elenco do clube era uma verdadeira constelação. Nesse mesmo bate-papo, o lateral-direito contou como se sentia ao lado de tantos grandes nomes do futebol nacional.

– Eu chegava para treinar e olhava para o Fred, para o Deco, para o Thiago Neves. Eu falava ‘que grupo é esse?’. Foi um momento marcante, acho que o mais marcante para mim (no Fluminense) – explicou.


Assista ao vídeo:


Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Flu oficializa mais duas trocas na Sula

Igor Julião e Cabezas entram na vaga de João Vitor e Pedro.

O Fluminense anunciou na manhã desta segunda-feira (05) mais duas mudanças na lista de inscritos da Copa Sul-Americana para a fase semifinal diante do Atlético Paranaense. Entram o lateral-direito Igor Julião e o atacante Cabezas nas vagas do lateral-esquerdo João Vitor e do centroavante Pedro, respectivamente.

Da dupla, Julião é o que mais vem recebendo oportunidades por Marcelo Oliveira, até mesmo pelo fato de Gilberto é Léo estarem contidos. Já Cabezas fez sua estréia no último dia 27 quando atuou por alguns minutos na derrota de 3 a 0 para o Santos.

 

foto: Lucas Merçon

Trio deixa a Eslováquia e vive expectativa de ser aproveitado por Abel Braga

No topo da tabela do Campeonato Brasileiro, o Fluminense entende a importância de um elenco mais encorpado para a disputa de um torneio tão longo. É baseado nesta necessidade do clube que Fernando Neto, Igor Julião e Matheus Pato vivem a expectativa de serem integrados ao elenco de Abel Braga. Com o fim da temporada europeia, o trio deixou o Samorin e, agora, curte as férias. Como têm mais de 20 anos, os jogadores podem ser avaliados pelo técnico do time. A tendência, no entanto, é que retornem à filial tricolor.

Nove atletas foram devolvidos pelo Samorin e, destes, seis têm idade para atuar no sub-20 do Fluminense. Inclusive, quatro já treinam para o início do Brasileirão da categoria. São eles Nascimento, Bernardo, Evanilson e Christian. Em breve, mais dois devem se juntar ao grupo: Saturnino e Gabriel Silveira.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

FluFest 2018: clique aqui e garanta sua presença na festa de 116 anos do Fluminense!

 

Top