Ex Flu, Ibañez, deve mudar de time na Itália


Depois de receber ofertas de Flamengo, Inter e Athletico-PR, Atalanta está próxima de negociar zagueiro ex-Fluminense na Europa. Bologna e Roma aparecem como principais candidatos.

Revelado pelo Fluminense e atualmente na Atalanta, da Itália, Ibañez tem grandes chances de trocar de ares. No radar de diversos times brasileiros, o zagueiro de 21 anos está próximo de se transferir de clube, mas dentro da Itália. A Atalanta analisa propostas do Bologna e da Roma. As ofertas giram em torno de 8 a 10 milhões de euros. 

Ibañez tem tido poucas oportunidades na Atalanta e busca um clube onde possa jogar com mais frequência. Apesar do pouco espaço, o clube italiano acabou vetando a ida do zagueiro para o Pré-Olímpico com a seleção Sub-23, neste começo de ano. 

Ibañez chegou à base do Fluminense em 2017 após passagens por PRS e Sergipe. Ele subiu aos profissionais no ano seguinte e foi vendido para a Atalanta por 4 milhões de euros no começo de 2019.

Fonte: globo esporte

De saída para Fiorentina, Pedro viaja à Itália neste domingo

O avião que levará Pedro à Itália deve decolar às 14h35 deste domingo, no Aeroporto do Galeão. Aos 22 anos, o centroavante trocou o Fluminense pela Fiorentina, que desembolsou 15 milhões de euros (R$ 68,4 milhões) na compra, consumada em reunião no sábado. A janela de transferências para a Europa fecha na segunda-feira.

Pedro passará por exames médicos e, se aprovado, assinará contrato. A fim de agilizar o processo, a equipe que administra a carreira do camisa 9, segundo o GloboEsporte.com, queria fazê-lo embarcar ainda sábado, mas não conseguiu voos. O jogador vai viajar ao lado do pai e do empresário Márcio Giugni.

De acordo com o UOL, Mário Bittencourt pediu 12 milhões de euros (R$ 54,9 milhões) e 25% em futura transação. O passe de Pedro é dividido igualmente entre o Tricolor e o Artsul, clube-empresa de Nova Iguaçu, que topou ficar com o restante do montante – ou seja, 3 milhões de euros (R$ 13,6 milhões).

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.