Newcastle encaminha acerto com João Pedro, ex Fluminense

https://www.betnacional.com?p=canalflunews

O atacante João Pedro, revelado nas categorias de base do Fluminense e que atualmente defende o Watford, da Inglaterra, está muito perto de trocar de clube.

Segundo informações do jornalista Fabrizio Romano, o Newcastle encaminhou a contratação do atacante por cerca de 25 milhões de libras fixados, mais 5 milhões de bônus complementares.

Neste novo negócio, o Fluminense lucraria mais R$ 10 milhões de mais valia, que é a diferença entre o valor que foi vendido e o da nova venda destinado ao clube formador do atleta.

Watford recursa proposta do Newcastle por João Pedro e Fluminense deixa de ganhar mais de R$ 6 milhões

O Watford, atual clube de João Pedro, recusou uma proposta de 20 milhões de libras (mais de R$ 120 milhões) do Newcastle pelo atacante. Com essa decisão do clube inglês, o Flu deixou de receber mais de R$ 6 milhões.

Por ser o clube formador do atleta, o Fluminense teria direito a um percentual da negociação. Segundo informações do portal de notícias da ESPN, o valor recebido pelo Tricolor seria cerca de 10% da diferença entre o que o Watford receberia do Newcastle e o que pagou ao Flu na época em que comprou o jogador.

O Tricolor vendeu o atleta para o Watford por 11,5 milhões de euros (cerca de R$ 60 milhões na cotação atual). Com isso, a diferença entre as vendas seria de mais de R$ 60 milhões, ou seja, o Fluminense receberia mais de R$ 6 milhões.

Foto em destaque: Lucas Merçon / FFC

Watford estipula valor por João Pedro, na mira de gigantes europeus

Apesar de ter sido rebaixado com o Watford na Premier League, João Pedro, revelado nas categorias de base do Fluminense, em Xerém, viveu um bom ano na primeira divisão inglesa e entrou na mira de grandes clubes do continente.

Na própria Premier League, Liverpool e Tottenham monitoram o atacante, que teve valor fixado pelo Watford entre entre 30 e 40 milhões de euros (R$ 151 e 202 milhões) no jovem de 20 anos.

Caso se confirme a negociação com o atacante, o negócio se torna vantajoso também para o Fluminense, que vendeu o atleta ao clube inglês por 11,5 milhões de euros (incluindo bonificações). Em contrato, o Tricolor tem direito a 10% da mais-valia (diferença entre o valor da compra e da revenda) numa futura transferência do jogador.

Foto em destaque: Divulgação

À lá Kuririn: João Pedro repete ato de Marcos Júnior e doa cestas básicas para funcionários do Fluminense

Na última quinta-feira (30) foi divulgado uma grande ação do ex atacante do Fluminense, Marcos Júnior, que doou um caminhão de cestas básicas para funcionários mais “humildes” do Fluminense.

E, seguindo o exemplo, João Pedro, que está de quarentena na Inglaterra, o de defende o Watford, repetiu a ação e, atendeu cerca de 58 famílias de trabalhadores do clube, de Xerém.

 A ação foi motivada depois que o jogador se emocionou ao assistir a um vídeo em que um funcionário pedia para ex-jogadores do clube não esquecerem suas raízes neste momento de dificuldade e providenciou com urgência a doação.

Para realizar a entrega, João Pedro contou com o auxílio de uma assistente social para comprar e organizar as doações que foram feitas por um caminhão durante a semana. 

Vale destacar que mesmo sem treinos na quarentena, há funcionários trabalhando em Xerém e, o próprio clube já havia organizado uma doação de cestas básicas e produtos de limpeza para atendê-los.

Foto em destaque: Arquivo pessoal

Fonte: Globoeaporte.com

Ex-Flu, João Pedro ressalta gratidão com ao Tricolor “Entrei criança e saí homem”

Atualmente no Watford, da Inglaterra, o atacante, de 18 anos, não esconde sua gratidão pelo Fluminense, clube que o revelou para o futebol. Em entrevista ao jornal “Lance!”, o jogador ressaltou que o Tricolor teve papel importante em sua formação como pessoa. O atleta ainda contou que segue acompanhando seu ex-time.

– Aqui em casa, tanto eu como todos, acompanhamos o Fluminense, afinal de contas foi o clube que entrei criança e saí um homem – disse o jogador.

João Pedro revelou também que vem mantendo contato com seus ex-companheiros e que sente saudade das resenhas.

– Falo sempre com o Marcos Paulo e também com o Miguel e Nenê. Eles são com quem eu mais falo. Falamos que sentimos falta da resenha, de dançar, de rir e de jogar juntos.

Com a paralisação das atividades futebolísticas na Europa, devido a pandemia de coronavírus, o atacante falou com tem sido para manter a forma física, e com o isolamento social, o que tem feiro para se livrar do tédio.

– Tenho treinado forte, jogo futevôlei, Fortnite (jogo eletrônico), sinuca e rede social, pois na rotina do dia tenho pouco tempo pra isso. Assisto também muitas séries e filmes. Tudo que posso, dentro de casa e com a minha família.

João Pedro se destacou nas categorias de base do Fluminense e subiu para os profissionais em 2019, já vendido para o Watford. Pelo tricolor atuou em 37 partidas, marcando 10 gols.

Fonte: Explosão Tricolor / Lance
Foto: Lucas Merçon/Fluminense

Ex Flu, João Pedro marca seu primeiro gol com a camisa do Watford

Se em sua chegada ao Fluminense o atacante João Pedro se destacou marcando gols em sequência, na Inglaterra, a história foi bem diferente.

O atacante que chegou aí novo clube em janeiro de 2020, levou pouco mais de um mês para balançar as redes pela primeira vez em solo inglês, e o tento foi atuando pela equipe sub-23.

Após o jogo, contra o Ispwich Town, que disputa a liga inglesa sub-23, o técnico do Watford da categoria, Richard Thomas, elogiou o moleque de Xerém:

É improvável que ele vá enfrentar ambientes mais difíceis do que este em termos de condições. Ele persistiu, trabalhou arduamente e se saiu bem. Ele teve uma boa atitude – disse Thomas.

Vale destacar que a jogada para o gol do brasileiro foi do argentino Pussetto, que briga por uma vaga no ataque do time principal com João Pedro.

Foto em destaque: Divulgação/Watford

Pé quente: Watford ganha do United em partida que marcou a apresentação de João Pedro

O atacante João Pedro, ex Fluminense já havia sido comprado pelo Watford desde o final do ano passado, porém, sua apresentação oficial no clube inglês aconteceu somente neste domingo (22), na partida contra o Manchester United.

Antes do jogo o atacante entrou no gramado segurando a camisa de número 17, na qual vai atuar no clube inglês, diferente da numeração que jogou pelo Flu, quando vestia a camisa 23.

E o brasileiro pode ser considerado pé quente, pois após a sua apresentação o Watford venceu a partida por 2 a 0. Resultado difícil de acreditar não só pelo adversário, como também pela bola que o Watford vinha jogando, fazendo com que ocupasse inclusive a lanterna da Premier League.

Foto em destaque: Arquivo Pessoal

“Tive boas atuações, foi um ano produtivo” declarou João Pedro sobre seu desempenho em 2019 no Flu

João Pedro, que está de saída para o Watford, para disputar a Premier League, o ano foi ‘acima do esperado’.

Confira o que o jogador declarou:

“Foi uma boa temporada, minhas atuações foram além do que eu esperava. Futebol é momento. Infelizmente, cheguei a ficar alguns jogos na reserva porque eu não vinha fazendo gols pelo Fluminense. Mas, mesmo assim, tive boas atuações. Foi um ano produtivo, terminei a temporada como vice-artilheiro”, disse João Pedro.

“Quero agradecer ao carinho da torcida, que ela sempre teve comigo. Passei metade da minha vida aqui e sempre terei carinho enorme pelo clube”, completou.

Agora, o atacante vai ao futebol inglês jogar no Watford, que ocupa a lanterna da Premier League. Mesmo assim, quer repetir os passos de outro ex-atacante tricolor na Inglaterra, Richarlison, que esteve no clube e hoje joga no Everton.

“Estou muito motivado. Sempre tive o desejo de jogar na Inglaterra e espero ajudar o time a sair dessa situação”, declarou.

Fonte: torcedores

Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

Fluminense possui nomes que lideram estatísticas

Com 46 pontos, o Fluminense terminou o Campeonato Brasileiro em 14º lugar e vai receber de premiação, R$ 12,8 milhões. Apesar de ter ficado na parte de baixo da tabela, assegurou uma vaga para a Copa Sul-Americana de 2020. Mesmo sem brilhar coletivamente, o Tricolor teve alguns destaques individuais, ocupando posições importantes em vários fundamentos.

A começar em gols marcados por jogadores sub-20. Os atacantes Marcos Paulo e João Pedro, ambos com 18 anos, fizeram quatro cada um, ficando atrás apenas de Reinier, do Flamengo, que marcou seis gols na competição.

Em assistências, o Fluminense não possui nenhum jogador no topo, porém quatro aparecem no Top-20 em passes para finalizações. Caio Henrique foi o 14º jogador nesse fundamento com 50 contribuições, enquanto Ganso (18º), Nenê (19º) e Daniel (20º), deram 45, 43 e 42 passes respectivamente.

Por conta do estilo de jogo que valorizou a posse de bola, o Fluminense conta com três jogadores entre os cinco primeiros que mais trocaram passes. Em quantidade, Caio Henrique lidera com 2079, seguido por Allan, com 2049. Daniel aparece em quinto, com 1736. No entanto, o volante ultrapassa o lateral-esquerdo em passes certos: 1938 contra 1929. O meia mantém a posição contando apenas os acertos, com 1609.

Em desarmes, Caio Henrique volta a se destacar, aparecendo em oitavo lugar, com 78 certos em 81 duelos, liderando o quesito quando o assunto é aproveitamento, com 96,3%, levando em consideração jogadores com grande número de jogos. Marcos Rocha, do Palmeiras, e Gregore, do Bahia, são os únicos que passaram dos 100 desarmes, mas possuem um aproveitamento de 81,7% e 83,6% respectivamente.

Quando o assunto é interceptações, a zaga tricolor se destacou, sendo a única a ter dois representantes no Top-20. Nino ficou na nona posição, com 20 acertos em 21 tentativas. Digão aparece em 13º, acertando 16 interceptações, em 19 vezes que tentou.

Salvador em diversas oportunidades, garantindo pontos preciosos para o Fluminense, o goleiro Muriel é o 18º em defesas simples, com 59 intervenções em 21 jogos. Em defesas difíceis, Muriel sobe para a 11ª posição, com 27 “milagres”. O detalhe é que todos os goleiros que estão em sua frente nesses fundamentos, disputaram mais jogos.

Fonte: Lance!

Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC