fbpx

Nenê e João Pedro celebram parceria, e meia elogia: “Time se entregou o jogo inteiro”

Abraçados, Nenê e João Pedro falaram à imprensa após o fim do jogo contra o Corinthians, derrotado por 1 a 0 no Mané Garrincha. A dupla celebrou a parceria em campo e destacou a “força do grupo” como elemento crucial na briga contra o rebaixamento. O Fluminense, ainda em busca de maior tranquilidade no Brasileirão, ocupa a 16ª colocação, com 18 pontos.

— Fiquei satisfeito com o resultado, o time se entregou o tempo inteiro. João Pedro era o centroavante e ajudou várias vezes lá atrás. O time está junto, a intensidade melhorou. O time mereceu. Fico feliz de ajudar esse moleque e ele me ajudar – disse o meia.

— Nenê é um excelente jogador, então jogar ao lado dele deixa tudo mais fácil. É a força do grupo. Mostramos mais uma vez que, jogando juntos, vamos conquistar os resultados, o mais importante para a gente sair dessa situação – afirmou o centroavante.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

João Pedro crava permanência na Série A: “Medo nenhum do rebaixamento”

Em São Paulo para enfrentar o Palmeiras, na Arena, em jogo adiado da 16ª rodada do Brasileirão, João Pedro garante que, apesar da 17ª colocação, o “fantasma” do rebaixamento não preocupa. Com 15 pontos, o Fluminense, se vencer, iguala a pontuação do Cruzeiro, primeiro acima do Z-4, e o ultrapassa pelo maior número de vitórias.

— Nosso grupo está sem medo nenhum do rebaixamento. Sabemos da nossa força. É entrar em campo e dar nosso melhor. Trabalhando e dando nosso melhor, o Fluminense não vai cair.

Foi de JP o gol que aliviou a pressão de Oswaldo de Oliveira, recém-contratado, no comando do Time de Guerreiros. O jovem de 17 anos explicou a diferença entre o estilo de jogo do técnico veterano e de seu antecessor, Fernando Diniz, demitido após derrota por 1 a 0 para o CSA, no Maracanã, em meados de agosto.

— Oswaldo e Diniz são um pouco diferentes. Oswaldo pede para a gente ser mais agressivo. Com essa mudança, a gente pensou mais em finalizar do que em manter a posse de bola. O resultado também não vinha e a gente tinha que ser mais agressivo para fazer gols.

Tricolor e Alviverde, embora distantes entre si na classificação, têm semelhanças: a fase ruim e os triunfos longe de seus domínios no fim de semana. João Pedro, inclusive, não vê equipe em vantagem no duelo de amanhã, marcado para 21h.

— É um grande time. Sabemos da grandeza do Palmeiras, mas acho que o Fluminense é também uma grande equipe e é jogo de igual para igual. Os dois times vêm de momentos ruins, mas, quando a bola rola, dentro de campo vence quem estiver melhor.

O elenco, que sequer passou no Rio depois de vencer o Fortaleza no Castelão, encerrou a preparação nessa tarde, no CT da Barra Funda, onde treina o São Paulo.


CONFIRA MAIS FALAS DE JOÃO PEDRO:

Busca por gols: “No jogo contra o CSA, a gente finalizou absurdamente, e a bola não entrou. A bola começou a entrar e viemos para São Paulo em busca dos três pontos. Consegui fazer com que o gol saísse e a gente tem que concentrar para saírem os gols. A gente tem que fazer nosso trabalho”.

Momento do Fluminense: “A gente trabalha para conquistar coisas boas. Infelizmente, o momento não é tão bom, mas é trabalhar para conseguir sair dessa situação”.

Saída de Pedro: “Atrapalha um pouco porque o grupo já estava acostumado com ele. Mas a gente tem jogadores excelentes que vão recompor a saída dele e ajudar o grupo”.


Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

João Pedro encerra jejum de três meses com gol dedicado a Mel Maia e avisa: “Tiraremos o Fluminense dessa”

Sem balançar as redes desde a eliminação na Copa do Brasil, nos pênaltis, para o Cruzeiro, em 05 de junho, João Pedro encerrou o jejum marcando, aos 40′ do segundo tempo, o gol que garantiu ao Fluminense triunfo sobre o Fortaleza, por 1 a 0, sábado, no Castelão. Ele chegou a fazer mais um gol, nos acréscimos, mas o juiz anulou por suposto impedimento.

— Agradeço primeiramente a Deus. Precisávamos dos três pontos para dar uma respirada. Na próxima rodada teremos um jogo muito difícil, contra o Palmeiras, mas a gente vai atrás do resultado. Acho que, com a força do grupo, vamos conquistar os pontos e tirar o Fluminense dessa situação em que ele não merece estar – disse, na saída do campo.

A atriz Mel Maia, que torce para o clube das Laranjeiras, comemorou nas redes sociais o gol marcado pelo namorado, que o dedicou à amada (ou “bunitchenha”, como se chamam). A cria de Xerém é o vice-artilheiro da equipe no Brasileirão, com quatro gols, atrás de Pedro, com cinco e vendido à Fiorentina-ITA.






Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

João Pedro ganha vaga de Pedro e Nem é testado entre os titulares; veja provável escalação do Flu

Fernando Diniz não poderá contar com Pedro, lesionado, nem com Nenê, expulso após o apito final na derrota para o Atlético-MG

Foto: Lucas Merçon / FFC

Nesta sexta-feira (16), o Fluminense deu sequência à preparação para o duelo contra o CSA, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. As equipes se enfrentam no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã. Para esta partida, o treinador Fernando Diniz terá dois desfalques. Pedro, lesionado, e Nenê, expulso após reclamar com o juiz depois do apito final na derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG.

A atividade no CTPA foi fechada para a imprensa, mas conforme noticiou o Globoesporte.com, o técnico comandou um treino tático e esboçou a equipe que começará o jogo do final de semana. Para o ataque, João Pedro ganhou a vaga de Pedro, mas as mudanças não pararam por aí. Evoluindo fisicamente, Wellington Nem foi testado entre os titulares no lugar de Marcos Paulo, que caiu de rendimento nas últimas partidas.

Foto: Lucas Merçon / FFC

Outro teste que Diniz fez durante a semana foi o de Caio Henrique no meio de campo e Mascarenhas na lateral-esquerda. Porém, é pouco provável que o treinador opte por esse esquema. O treino deste sábado irá definir a equipe e os relacionados para o embate com o CSA. Fica a expectativa em torno do atacante Lucão, recém-contratado pelo Tricolor. Treinando há duas semanas com o grupo, o jogador pode figurar na lista pela primeira vez.

Desta forma, a provável escalação do Fluminense é a seguinte: Muriel; Igor Julião, Nino, Digão, Caio Henrique; Allan, Daniel, Paulo Henrique Ganso; Marcos Paulo (Wellington Nem), Yony González e João Pedro.

João Pedro se recupera e volta a ser relacionado por Diniz

Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

Após desfalcar o Fluminense em quatro partidas por conta de dores no pé direito sofrida na partida contra o Vasco em partida válida pela 11ª rodada do Brasileirão, o atacante João Pedro se recupero das dores e voltará a equipe tricolor na partida contra o Atlético Mineiro, na noite do próximo sábado (10), no estádio Independência, Em Minas Gerais.

Contudo, o garoto de 17 anos que era titular quando se contundiu, deve iniciar a partida no banco de reservas.

Fora dos jogos contra São Paulo e Internacional, válidos pelo Campeonato Brasileiro, e contra o Peñarol, tanto no Uruguai, como no Rio, Joãa Pedro viu o amigo de base, Marcos Paulo assumir a vaga e corresponder a altura, sendo um dos principais jogadores no período.

Desta forma, o trio de ataque deve ser mantido com Marcos Paulo, Yony Gonzales e Pero, e além de João Pedro, Nenê e Welington Nem, sendo opções no banco de reservas.

De olho no Galo, Fluminense embarca para BH com João Pedro e Caio Henrique, recuperados de problemas físicos

A delegação do Fluminense acabou de embarcar para Belo Horizonte para enfrentar o Atlético-MG, sábado, no Independência, pela 14ª rodada do Brasileirão. As novidades são João Pedro e Caio Henrique, recuperados de problemas físicos. Apenas o segundo, porém, deve começar jogando.

Improvisado como lateral, o volante não treinou por três dias na semana em razão de dores na parte posterior da coxa esquerda, surgidas no triunfo por 2 a 1 sobre o Internacional. Após fazer trabalho de prevenção, ele retomou as atividades nesta sexta-feira, mas não atuou no rachão.

Finalmente curado de entorse no pé sofrida na derrota por 2 a 1 para o Vasco, em 20 de julho, JP reforça o banco de reservas, formado, entre outros, por Nenê e Wellington Nem. Mascarenhas, por sua vez, será preparado por mais uma semana para reintegrar a lista de relacionados. O jovem vem de artroscopia no joelho esquerdo e já treina com os demais companheiros.

Poupados do treino de terça-feira, Yony González e Allan estão garantidos na escalação, que não deve sofrer alterações se comparada à da última rodada.


Time provável: Muriel; Igor Julião, Nino, Digão e Caio Henrique; Allan, Daniel e Paulo Henrique Ganso; Marcos Paulo, Yony González e Pedro.


Em 16º lugar na classificação, o Time de Guerreiros, ainda ameaçado pelo Z-4, pode subir duas posições se, além de somar mais três pontos, chegando a 15, Vasco (15º) e Fortaleza (14º) não vencerem, respectivamente, Goiás (12º) e CSA (19º).

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Em fase final de recuperação, João Pedro e Mascarenhas ficam próximos de retornar

Jogadores trabalharam com bola normalmente junto do elenco e podem voltar ao time em breve

Foto: Lucas Merçon / FFC

A reapresentação do elenco nesta segunda-feira (5) rendeu ao Fluminense boas notícias. Desfalques nos últimos jogos, João Pedro e Mascarenhas treinaram com bola normalmente e podem voltar ao time em breve. Em fase final de recuperação de lesão, o atacante é quem tem melhor expectativa de retorno, podendo até ser relacionado para a partida contra o Atlético-MG, no próximo final de semana. O lateral, por sua vez, ainda precisa aprimorar a parte em física, já que precisou passar por cirurgia.

Vale lembrar que a dupla já havia treinado na última sexta, mas Mascarenhas participou somente do aquecimento e João Pedro em algumas partes, como no treino de finalização, conforme noticiou o globoesporte.com. Já nesta segunda, os dois, que estão em fase final de recuperação, estiveram o tempo inteiro na atividade.

Foto: Lucas Merçon / FFC

João Pedro se lesionou na derrota por 2 a 1 para o Vasco, quando sofreu um forte pisão no tornozelo direito. Desde então, o jovem atacante foi desfalque em quatro partidas. Já Mascarenhas precisou fazer uma cirurgia no joelho esquerdo após sofrer uma lesão no menisco, no início de julho. Com o empréstimo de Marlon, o lateral-esquerdo é o reserva imediato de Caio Henrique na posição.

João Pedro treina com bola, mas segue de fora; Nenê retorna contra o Internacional

Em fase final de recuperação após levar forte pisão na derrota para o Vasco, jovem atacante ainda não será relacionado

Foto: Lucas Merçon / FFC

Não vai ser neste sábado que João Pedro voltará a atuar pelo Fluminense. De fora desde o dia 20 de julho, quando levou um pisão no tornozelo direito na derrota por 2 a 1 para o Vasco, o atacante até voltou a treinar com bola, mas ainda se encontra em fase final de recuperação e será desfalque na partida contra o Internacional, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Maracanã. Desde a lesão, o jovem de 17 anos não participou dos jogos de ida e volta contra o Peñarol, pela Sul-Americana, e do duelo com o São Paulo, pelo Brasileirão.

Em contrapartida, o Tricolor terá o retorno de Nenê, que também não pôde estar em campo nessas três últimas partidas, tendo em vista que não está inscrito na Sula e, como previa seu acordo de rescisão com o São Paulo, não poderia jogar contra seu ex-clube. Depois de uma boa estreia contra o Vasco, onde participou bastante enquanto esteve em campo, o experiente meia terá a partir de agora mais oportunidades para brigar por uma vaga na equipe titular.

João Pedro segue de fora, mas Digão retorna contra o Peñarol; veja como o Flu deve ir a campo

Tricolor tem partida importante pelas oitavas da Copa Sul-Americana

Foto: Lucas Merçon / FFC

Nesta terça (30), o Fluminense encara o Peñarol pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. A bola rola às 21h30 (de Brasília), no Maracanã. Mais de 25 mil ingressos já foram vendidos. Como venceu por 2 a 1 o duelo de ida, no Uruguai, o Tricolor carioca pode até perder por 1 a 0 que se classifica para as quartas da competição. Para a partida, o treinador Fernando Diniz seguirá sem poder contar com João Pedro. O jovem atacante, fora desde que levou uma pancada no tornozelo direito contra o Vasco, ainda não está totalmente recuperado e novamente desfalcará a equipe.

Em contrapartida, o Flu terá o retorno do capitão Digão, que não atuou contra o São Paulo pelo Brasileirão por estar cumprindo suspensão. Diante deste cenário, Diniz deve manter Marcos Paulo no time titular e mandar a campo uma equipe praticamente igual a que triunfou em Montevidéu, com exceção do lateral-direito Gilberto, que livre de dores entra no lugar de Igor Julião, que teve boa atuação no duelo de ida.

Com isso, a provável escalação do Fluminense fica assim: Muriel; Gilberto, Digão, Nino, Caio Henrique; Allan, Daniel, Paulo Henrique Ganso; Marcos Paulo, Yony González e Pedro.

Gilberto treina sem dores, mas João Pedro segue como dúvida para duelo contra o São Paulo

Lateral-direito participou normalmente da atividade desta quinta, enquanto o atacante começou a fase de transição

Foto: Flickr FFC

O Fluminense treinou no CTPA nesta quinta-feira de olho na partida contra o São Paulo, no próximo sábado (27), às 19h (de Brasília), no Maracanã, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na 17ª posição com nove pontos conquistados, o Tricolor precisa de um bom resultado para respirar na competição e deixar o Z4. Para o embate com a equipe paulista, o treinador Fernando Diniz tem ao menos uma boa notícia.

Após começar no banco contra o Peñarol por conta de dores no joelho esquerdo, Gilberto treinou normalmente e tem muitas chances de estar à disposição do técnico. Em contrapartida, o atacante João Pedro, que sequer viajou para Montevidéu por causa de um pisão no tornozelo no clássico contra o Vasco, ainda segue como dúvida. O jovem de 17 anos foi liberado pelo departamento médico, mas ainda está na transição para começar as atividades físicas no gramado.

Foto: Lucas Merçon / FFC

Vale destacar que Diniz não poderá contar com Digão e Frazan, expulsos contra o Vasco. Com isso, precisará improvisar algum jogador na zaga, ao lado de Nino. Provavelmente, o volante Yuri será o escolhido, tendo em vista que já atuou dessa forma. O Fluminense treina pela última vez nesta sexta, onde os últimos detalhes devem ser acertados.

Top