fbpx

Dia D para Ganso: meia será julgado e pode pegar gancho pesado

Foto: Divulgação

Expulso na semifinal da Taça Rio, quando o Fluminense perdeu de 2 a 1 para o Flamengo com um pênalti marcado em favor do adversário nos últimos minutos do jogo, o meia Paulo Henrique Ganso será julgado em primeira instância nesta segunda-feira (08) pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ) e, pode pegar um gancho pesado.

Enquadrado nos artigos 254 (jogada violenta) e 258 (indisciplina e conduta antidesportiva), o jogador corre risco de pegar até 360 dias de suspensão.

Por ser denunciado duas vezes no artigo 254-A (por agressão), que, pelo agravante de ser direcionada a um integrante da arbitragem, a pena mínima é de 180 dias de suspensão (parágrafo 3) e outras duas vezes no artigo 258 parágrafo 2 (conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva), cuja a pena é de um a seis jogos de suspensão.

A denuncia afirma ainda que o jogador pode pegar até 12 jogos em competições estaduais ou ficar suspenso por até 360 dias em qualquer competição nacional.

Sessão do TJD-RJ é adiada e Bruno Silva pode atuar no Fla-Flu

Foto: Lucas Merçon/FFC

Previsão é que o julgamento aconteça na próxima semana.

A sessão do TJD-RJ que julgaria entre outros casos a cusparada de Bruno Silva em direção aos torcedores do Vasco no clássico disputado no dia 2 de fevereiro, foi adiada por conta do alerta de temporal na cidade e, dessa forma o jogador está apto para enfrentar o Flamengo em partida válida pela semifinal da Taça Guanabara.

Caso o Tricolor avance para a decisão, o jogador também poderá atuar, uma vez que a previsão é que a nova sessão aconteça só na próxima semana, com a tendência mais provável que ocorra na quarta-feira (20).

Vale destacar que o jogador corre o risco de desfalcar o Tricolor por até 18 jogos após ser denunciado nos seguintes artigos: 258 (ação contrário à ética desportiva) e 254-B (cuspir em outrem), conforme consta no Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

Top