fbpx

Tá no ar! Fluminense lança loja online com mais de 150 produtos

A dois meses de lançar a segunda linha da parceria com a Under Armour, o Fluminense abriu, finalmente, sua loja online, que atenderá todo o Brasil. A entrada no mundo do e-commerce aconteceu nesta sexta-feira, com, segundo o clube, cerca de 150 produtos, entre itens de vestuário, material esportivo, livros, papelaria e itens colecionáveis. Os sócios-torcedores, como nas lojas físicas (em Laranjeiras, Nova Iguaçu e Brasília), têm 10% de desconto.

– O e-commerce é um serviço importantíssimo para quem tem consumidores espalhados pelo mundo. Além de proporcionar a qualquer um a possibilidade de adquirir produtos licenciados do Fluminense, tem a questão do conforto e comodidade de a compra chegar na sua casa – destaca Lawrence Magrath, diretor-executivo de Marketing.

A ideia é, ao longo do tempo, disponibilizar maior variedade de mercadorias, oferecendo, por exemplo, chinelos e capas para celulares. Os pagamentos podem ser efetuados via boleto e, em até seis parcelas, no cartão de crédito. Na primeira compra, o torcedor tem 5% de desconto. A partir de R$ 299, o frete é grátis.

Antes, o parceiro era a Meltex, que nunca conseguiu viabilizar a loja online. Agora, o Fluminense se uniu à mesma empresa que cuida do Espaço Rubro-Negro, do Flamengo. Nas vendas pela internet, diz a Flusócio, em post, o clube ganha uma porcentagem de royalties. Acesse este endereço para conferir a novidade: loja.fluminense.com.br

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Loja online? Uniforme? Fluminense cria suspense em post e torcedores levantam hipóteses

Uma simples imagem, publicada neste domingo, provocou suspense nas redes sociais do Fluminense. A postagem dá indícios de que a loja online, planejada há anos, está perto de se tornar realidade. Mas há quem veja o post como um indicador do lançamento dos novos uniformes, que serão votados, provavelmente, nesta terça-feira, dia 31, no Conselho Deliberativo.

Em janeiro, Marcus Vinícius Freire, ex-CEO do clube, revelou que a Under Armour apresentou a coleção de 2019/2020 ainda nos Estados Unidos, durante a pré-temporada. Além de estar à par do andamento deste processo, o profissional, demitido há mais de dois meses, impulsionou a ideia de, enfim, levar o Fluminense para o mundo do e-commerce.

– E-commerce é uma das fontes de receita dos clubes do mundo inteiro e está dentro dos nossos planos. Os jogadores experimentaram as peças novas para 2019 nos Estados Unidos, uma coleção completamente diferente e que pode ser vendida no mundo inteiro – afirmou, à época.

Em breve contato com a reportagem do Canal FluNews, Marcus Vinícius, que está fora do Rio, prefere, pelo menos por enquanto, o silêncio quanto a assuntos relacionados ao Tricolor.

– Não gostaria de comentar os atuais problemas do Flu. Acho que quem está lá agora é que deve responder. Enquanto fui CEO, dei todas as entrevistas pedidas – justificou.


Veja a publicação e algumas suposições:

https://twitter.com/Arifigueiredof/status/1023675562651516931

https://twitter.com/dybalaffc/status/1023674847774351361


Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

 

Top