De saída? Marlon recebe sondagens e pode deixar o Flu

Desprestigiado pelo técnico Fernando Diniz, o lateral esquerdo Marlon, pode estar de saída do Fluminense. Com sondagem do Ankaragücü (TUR), o jogador de 25 anos já demonstrou inclusive o interesse em deixar o clube das Laranjeiras.

Faltando pouco mais de seis meses para o fim do contrato, Marlon já manifestou o desejo de realizar a transferência por meio de uma rescisão amigável com o Tricolor, que pode manter um percentual baixo sobre o atleta.

Na última janela de transferências, Marlon já havia recebido proposta do Legia Warszawa (POL), mas as negociações não andaram porque o Flu priorizava vendê-lo na época. Atualmente, o Fluminense detém 50% dos direitos econômicos sobre o jogador.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fonte: Lance!

Amuleto: Fluminense venceu nove jogos seguidos no Maracanã com Marlon em campo

O Fluminense recebe o Internacional neste sábado, às 19h, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Invicto na competição, com um empate e uma vitória, o Tricolor pode ter um talismã na partida: o lateral esquerdo Marlon.

O jogador que busca uma oportunidade após dar assistência para o gol de cano na vitória contra o Vila Nova-GO, na última terça-feira, está com 100% de aproveitamento com a camisa Tricolor jogando no Maracanã, desde que voltou da Turquia. Tendo disputado ao todo nove jogos.

3 x 2 Vila Nova-GO
3 x 0 Chapecoense
1 x 0 Inter
2 x 0 América-MG
2 x 1 Palmeiras
1 x 0 Sport
3 x 1 Flamengo

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fonte: Enciclopédia Tricolor

Com contrato perto do fim, empresário de Marlon dispara: “O próprio clube acaba desvalorizando ele”

Com contrato por vencer no final do ano, o lateral esquerdo Marlon teve sua primeira oportunidade na temporada na partida de terça-feira (19) contra o Vila Nova-GO. E logo no seu primeiro toque na bola o jogador foi decisivo ao dar assistência para o gol do argentino German Cano.

Em entrevista ao portal GE, o empresário do jogador, Marcelo Karam, falou sobre o futuro de Marlon no clube:

– O Marlon jogou em duas ligas europeias, em Portugal e na Turquia, e foi muito bem nas duas. Praticamente jogou 90% das partidas nos dois clubes. Então ele tem um mercado interessante na Europa. A janela ainda está distante e não teve nada interessante, mas ele tem esse mercado. Claro que ele não jogando a vitrine diminui. Isso é uma situação que o próprio Fluminense acaba desvalorizando ele”, disse Karam.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Ex-Flu, Marlon grava vídeo com outros brasileiros pedindo ajuda do governo pra deixar a Ucrânia

Na madrugada desta quinta-feira (24) o exército russo iniciou uma série de ataques contra algumas cidades da Ucrânia. Com medo da situação, jogadores brasileiros que vivem no país, incluindo o zagueiro Marlon, ex-Fluminense, se reuniram com seus familiares em um hotel, de onde gravaram um vídeo pedindo ajuda do governo brasileiro.

Contabilizando jogadores e familiares, o número chega a cerca de 20 brasileiros que estão no hotel localizado na cidade de Kiev, na Ucrânia.

Entre os atletas estão: Marlon, David Neres, Júnior Moraes, Dodo, Tete, Pedrinho, Maycon, Vitão, Marcos Antônio, Vinicius Tobias, Ismaily, Fernando, Alan Patrick e Vitinho.

Foto em destaque: Reprodução/Vídeo

Com janelas de transferência se fechando, futuro de Marlon ainda é uma incógnita

Qual será o futuro do Marlon? Preterido até do banco nos dois primeiros jogos de 2022, o lateral-esquerdo de 24 anos, vinha recebendo sondagens para retornar à Europa desde que terminou o Campeonato Brasileiro como titular da equipe. Porém, as propostas não chegaram, e as principais janelas de transferências do continente já começaram a fechar. Com isso, o jogador vive um clima de indefinição em seu último ano de contrato no clube.

Um dos interessados em Marlon era o Olympiacos, da Grécia, mas a janela no país fechou na última segunda-feira, assim como as da Espanha, Itália, França, Alemanha, Holanda e Inglaterra. Entre os outros principais mercados para brasileiros na Europa, ainda estão abertas as janelas de Portugal e Turquia, onde o lateral já jogou, além de Rússia, Ucrânia e Suíça.

Fora da Europa, outros destinos comuns de brasileiros, como México e Emirados Árabes, fecham suas janelas nesta terça. Na Ásia, Japão e China ainda ficarão com seus períodos para transferências internacionais abertos até abril. Mas pessoas ligadas ao Fluminense  e ao jogador acham pouco provável que chegue alguma proposta ainda nessa janela. E como em julho Marlon já poderá assinar pré-contrato com outro time, dificilmente um clube interessado vai colocar dinheiro no negócio.

No Flu, Marlon não escondeu sua insatisfação com a perda de espaço após a contratação de dois laterais-esquerdos: Cris Silva e Pineida, embora o equatoriano esteja jogando atualmente pela direita. O lateral ficou fora até do banco de reservas nos dois primeiros jogos da temporada. Na quinta-feira passada, dia da estreia contra o Bangu, ele chegou a postar nos “stories” do Instagram um vídeo de tarde em uma praia no Rio de Janeiro com a música “Vacation” (férias, em inglês).

O jogador também chegou a ficar fora da relação do elenco para 2022 no site oficial do Fluminense durante a pré-temporada, mas apareceu na lista dias depois. Enquanto isso, ele segue treinando normalmente com Abel Braga, técnico que estava no clube e aprovou sua contratação junto ao Criciúma em 2017 – Tricolor e Tigre possuem 50% cada dos direitos econômicos do lateral-esquerdo. Se realmente ficar, terá que tentar recuperar seu espaço.

Fonte: Ge

Foto: Lucas Merçon 

Com as chegadas de Pineida e Cristiano, Marlon tem seu espaço minado para a temporada

Após a venda de Nino não se concretizar a bola da vez para ser negociada no Flu é Marlon. Promovido ao time titular na reta final do Campeonato Brasileiro, o lateral-esquerdo tem seu espaço minado para 2022 com as contratações de dois jogadores de sua posição: Cristiano e o equatoriano Pineida. Ao mesmo tempo, o estafe do ala de 24 anos tem recebido sondagens para um possível retorno à Europa.

Marlon já jogou no futebol europeu por duas temporadas: uma no Boavista, de Portugal, entre 2019 e 2020; e outra no Trabzonspor, da Turquia, entre 2020 e 2021. O próprio clube turco é um que já manifestou nos bastidores vontade de “repatriar” o jogador, mas há outros times no páreo. Na última segunda-feira, o lateral foi capa de um jornal na Grécia dedicado ao Olympiacos, citando um interesse da equipe grega. No entanto, o ge apurou que até agora não chegou nenhuma oferta oficial.

O Flu está ciente das procuras pelo jogador e não deve criar empecilhos em uma negociação, já que contratou dois laterais-esquerdos. Na última sexta em uma coletiva, Mário falou sobre a saída de algum jogador da posição o responder sobre a chegada de Cristiano – no momento, além de Pineida, um dos reforços, o time conta com Marlon e Danilo Barcelos para o setor.

“A gente não tem como ficar com um lateral só e esperar seis meses (para assinar um pré-contrato com o Cristiano) em razão do que o scout pensou e apresentou ao Abel. O Abel adorou o jogador, acha que ele vai ser muito importante no sistema que irá jogar, e isso fez com que a gente fizesse um investimento”, disse Mário na entrevista.

Contratado em 2017, Marlon não teve uma boa passagem no Fluminense, como ele próprio admite. Mas, no ano passado, após voltar de duas temporadas na Europa, o lateral ganhou uma segunda chance nas Laranjeiras e conseguiu dar a volta por cima. Ao todo, ele tem 61 partidas e um gol com a camisa tricolor.

Fonte: Ge

Foto: Lucas Merçon 

Consolidado na vaga, Marlon comenta momento: ”Feliz pelas oportunidades”

Com um trabalho forte no dia a dia e boas atuações, Marlon ganhou seu espaço e hoje é peça importante no elenco do Fluminense. E foi dos pés do lateral-esquerdo que saiu a linda assistência para o gol de David Braz, que sacramentou a vitória tricolor por 1 a 0 sobre o Sport no último sábado (06/11), no Maracanã. Um resultado e uma atuação que ajudam a consolidar o ótimo momento vivido pelo camisa 30, que sempre batalhou por sua oportunidade.

“Fico muito feliz. Eu voltei para o Fluminense querendo dar a volta por cima. Tive minha primeira oportunidade aqui e no futebol nem sempre as coisas saem da forma que a gente quer. Tive a chance de sair, amadurecer como homem e como jogador, tive bons números lá e pude voltar. Estou feliz pela oportunidade, esperei muito por esse momento. Claro que com muita humildade e pés no chão, ainda tenho muito a evoluir e melhorar”, destacou o jogador.

A vitória com gol no fim levou o Fluminense aos 42 pontos na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. O time segue no pelotão de cima e agora mira uma vaga no G-6. Para Marlon, o resultado fortalece a equipe na luta por uma vaga na próxima Libertadores.

“Era um jogo que a gente precisava ganhar, não importava a maneira, e os jogadores estavam muito compenetrados em buscar o resultado. E foi assim, no último lance, uma vitória que a gente valoriza demais. São pontos muito importantes na nossa caminhada porque na última rodada alguns times encostaram na gente. Então sabíamos que tínhamos que pontuar para nos distanciarmos de novo dos adversários que vinham de trás e colar de novo no pelotão de cima”, analisou.

E o gol não foi obra do acaso. Segundo Marlon, a jogada que culminou com o belo cabeceio de David Braz foi uma entre as tantas treinadas à exaustão ao longo da última semana no CT Carlos Castilho. O lateral-esquerdo celebrou o final feliz e fez questão de elogiar o companheiro de time.

“A gente faz um trabalho de finalização com o Marcão que é muito similar à jogada do gol. A gente usa times que jogam com linha baixa, como era o caso do Sport, e a gente tem que esperar um pouco esse movimento do zagueiro, eu vi que o David correu para a área e consegui ter o tempo certo na batida da bola. A gente tem que acreditar até o final, todo momento do jogo é importante. Tive inúmeras chances de cruzamento no jogo e a bola não estava saindo legal, então é uma oportunidade e o momento que você tem que estar concentrado e o David foi feliz. É um cara que muito bem quisto pelo grupo e a gente fica feliz por ele. E quando ele tá de cabelo liso, esquece!”, brincou Marlon.

O Fluminense agora se prepara para um novo desafio já na próxima terça-feira (09/11), quando enfrenta o Grêmio às 21h30 em Porto Alegre, em jogo válido pela 31ª rodada do Brasileirão.

Foto: Lucas Merçon 

Fortaleza recua, e Marlon segue no Flu, ao menos, ate o fim da temporada

Marlon seguirá no Fluminense até, ao menos, o fim da temporada. O lateral-esquerdo tinha acerto encaminhado com o Fortaleza, mas a negociação acabou tomando outro rumo e não se concretizou.

A equipe cearense desejava contar com o jogador até o fim do Brasileirão, mas não chegou a um acordo com o Flu e as tratativas foram encerradas, como noticiou primeiramente o “Bolavip”. Com as principais janelas europeias já fechadas, um novo empréstimo para o exterior neste ano passa a não ser considerado. Já na Série A, o prazo de inscrições se encerra no dia 24 de setembro.

Relacionado para quatro partidas, mas ainda sem reestrear desde que retornou ao Fluminense, Marlon agora alimenta a expectativa de ser aproveitado pelo técnico Marcão. O lateral passou a ser relacionado seguidamente após Egídio se ausentar por dores na coxa direita.

Marlon tem contrato com o Fluminense até o fim de 2022. Após o encerramento da temporada, ele voltará a sentar com o clube para conversar sobre sua situação para a próxima temporada. Com passagens por Trabzonspor, da Turquia, e Boavista, de Portugal, ele vê com bons olhos um retorno à Europa, caso não seja aproveitado no Tricolor.

Foto: Lucas Merçon/FFC

Segundo portal, Fortaleza tem negociações avançadas para contratar Marlon por empréstimo

Com o futuro indefinido no Fluminense, o lateral-esquerdo Marlon pode estar de saída. Segundo informações do portal GE, o jogador de 24 anos tem negociações avançadas com o Fortaleza para um empréstimo até o fim do Campeonato Brasileiro.

Sem espaço no clube desde o término do empréstimo com o Trabzonspor, da Turquia, Marlon vem treinando junto ao grupo e chegou a ser inscrito na Libertadores, mas só foi relacionado para o banco no duelo contra o América-MG, no último dia 8.

O prazo de inscrição de atletas no Brasileirão termina no dia 24 de setembro.

Para a posição do lateral, o Fluminense conta com os criticados Egídio e Danilo Barcelos, além de jovens não testados nos profissionais, como Jefté e Marcos Pedro.

Fonte: GE

Foto: Lucas Merçon/FFC

Com futuro indefinido no Fluminense, Marlon recebe proposta de clube polonês

De volta ao Fluminense após fim do empréstimo com o Trabzonspor, da Turquia, Marlon segue com o futuro indefinido no Tricolor. Segundo informações do portal GE, o atleta foi procurado pelo Legia Varsóvia, da Polônia, com uma oferta de empréstimo de um ano com opção de compra fixada, mas as conversas esbarram em exigências da diretoria, que prioriza uma venda.

O lateral-esquerdo de 24 anos vem treinando com o grupo, mas ainda não foi aproveitado, sendo relacionado para apenas uma partida, contra o América-MG, no dia 8 de agosto.

A proposta dos poloneses envolveria pagar um quantia pelo empréstimo, além de arcar com os salários do jogador. Com a janela de transferências fechando em menos de 10 dias (31 de agosto), o futuro em aberto já causa preocupações internamente.

Para a posição, o Fluminense conta com os contestados Egídio e Danilo Barcelos, além dos jovens Jefté e Marcos Pedro, ainda sem oportunidades nos profissionais.

Fonte: GE

Foto: Lucas Merçon/FFC