fbpx

Liverpool contrata Fabinho, e Fluminense lucra 1% da venda

Aos 24 anos, Fabinho deu adeus ao Mônaco e acertou com o Liverpool, que desembolsou € 50 milhões. Deste valor, o Fluminense receberá 1%, por ser clube formador do brasileiro. A quantia a ser entregue nas Laranjeiras é de € 500 mil (cerca de R$ 2 milhões) e, convertendo para o real, pode variar de acordo com a cotação do dia do repasse, de responsabilidade do time francês.

Fabinho chegou em Xerém em 2011, depois de se destacar na Copinha, pelo Paulínia, e foi negociado para o Rio Ave, de Portugal, antes mesmo de estrear pelo profissional. Na Europa, passou, ainda, pelo Real Madrid, até defender o Mônaco. O Fluminense ficará com uma fatia da porcentagem de 5% do mecanismo de solidariedade da FIFA. O restante será dividido entre os times nos quais o lateral-direito jogou até os 23 anos.

A passagem pelo Rio durou dois anos (entre 2011 e 2012), o que, somando os percentuais anuais de 0,5%, bate 1%. O trâmite é complicado e leva, em média, 60 dias. No meio do caminho, porém, há a Copa do Mundo, que pode gerar atrasos na conclusão do processo.

O Mônaco tem um mês para realizar o repasse à Federação Francesa de Futebol, encarregada de transferir o valor à CBF. Em seguida, a entidade brasileira passa para as mãos tricolores.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

FluFest 2018: clique aqui e garanta sua presença na festa de 116 anos do Fluminense!

Formado em Xerém, Fabinho é anunciado pelo Liverpool

Jogador era um dos destaques do Mônaco, da França.

O Liverpool anunciou na tarde desta segunda-feira (28) a contratação do volante Fabinho, revelado pelo Fluminense e um dos destaques do Mônaco, vice campeão francês na atual temporada.

Para contar com o futebol do brasileiro, os Reds desembolsaram €50 milhões (cerca de R$216 milhões)pelo jogador que chega para suprir uma eminente saída de Enre Can, que deve ser negociado com a Juventus.

Diante do acerto entre as partes, o Fluminens garante um percentual do valor total, de acordo com o mecanismo de solidariedade ao clube formador garantido pela FIFA.

 

 

ST,

Douglas Wandekochen

Top