fbpx

Palmeiras 3×0 Fluminense: Confira as notas dos jogadores na avaliação de João Eduardo Gurgel

O tricolor carioca foi derrotado na noite dessa terça-feira pelo placar de 3×0 para o Palmeiras em partida atrasada pela 16ª rodada do brasileirão. Confira as notas dos jogadores:

Muriel – 7,0 – Sem culpa nos gols palmeirenses. Ainda fez outras quatro defesas difíceis, salvando o tricolor de uma goleada. É o melhor jogador do Flu nos últimos jogos.

Gilberto – 0 -Novamente, um desastre. Erra tudo o que faz no ataque e não volta para marcar, deixando uma avenida na lateral direita. Os três gols de Luiz Adriano foram do lado dele. Impressionante como aquele Gilberto incontestável do ano passado, sumiu. Que volte o Julião, por favor.

Digão – 3,0 – Deixa muitos espaços e ainda está muito lento. No segundo gol, foi marcar o Dudu fora da área, deixando um buraco na zaga.

Nino – 4,0 – Um pouco melhor que o Digão, mas não conseguiu acompanhar o rápido ataque palmeirense.

Caio Henrique – 4,0 – Marcou bem e partiu sempre com muita vontade para o ataque. Mas não leva uma bola para a linha de fundo e não faz nada da diferente no ataque a não ser dar passes para trás. Precisa mudar esse estilo de jogo.

Airton – 2,0 – Lento, pesado e totalmente sobrecarregado. Não aparece para sair jogando como faz o Allan e de quebra, ainda tomou um amarelo, ficando suspenso para a próxima rodada.

Ganso – 3,0 – Sonolento. Apesar de colocar João Pedro na cara do gol, precisa jogar mais no meio. Cada hora está enfiado em alguma parte do campo, seja ataque ou na defesa. Ele é o cara que tem que dar o último passe sempre! E não os outros jogadores, como vem acontecendo.

Nenê – 4,0 – Único no meio campo que tenta algo diferente. Um chute de fora da área, uma enfiada. Não estava em um bom dia e também, errou bastante, principalmente, escanteios.

Wellington Nem – 2,0 – Errou passes e mais passes e não conseguiu dar velocidade ao ataque tricolor. Tomou um amarelo e não joga o próximo jogo.

Yony González – 1,0 – A falta de inteligência do jogador é impressionante. Sempre toma as decisões erradas em tudo o que tenta. Erra em todas as investidas, sempre achando que vai levar tudo na base da garra. Nos passes, sempre um tijolo ao próximo e acaba matando os ataques.

João Pedro – 3,0 – Tem só 17 anos, mas tem que ser cobrado como adulto já! Quer enfeitar muito com jogadas bonitas e habilidades, mas sempre erra na maioria dos casos. Quando o jogo estava 1×0, perdeu um gol INCRÍVEL, cara-a-cara com Fernando Prass, que com certeza, mudaria o rumo do jogo.

Dodi – SEM NOTA – Entrou no lugar de Ganso no fim da partida e não teve tempo para receber uma nota.

Yuri – 2,0 – Entrou no lugar de Airton, alteração já constante no time de Oswaldo. Mas fica sempre com medo de dar o passe á frente e acaba sempre tocando para trás. Não ajuda em nada.

Marcos Paulo – 2,0 – Entrou na vaga de Nem que parece ter sentido um desconforto muscular. Sumido em campo. Não ajudou nem no ataque e nem na defesa.

Oswaldo é o culpado pelo resultado de hoje?(Foto: Marcos Ribolli)

Oswaldo de Oliveira – 1,0 – O Fluminense foi presa fácil para o Palmeiras. Com o meio-campo extremamente lento e inoperante, o time não conseguiu criar muitas chances de gol. Mesmo com a posse de bola, o time não consegue converter isso em oportunidades. Até agora, ainda não entendemos o porque o Gilberto é titular desse time sendo que o Julião estava bem. E porque não tirou o Airton antes de levar o segundo gol. Apesar da vitória contra o Fortaleza, ainda parece estar perdido no comando do Fluminense. Precisa com urgência ajustar as suas peças e saber com que, realmente ele pode contar dentro do elenco, que pareceu estar abatido. Falta sangue, vontade e garra dos seus jogadores.

Top