fbpx

Odair considera normal a oscilação do time e indica equipe alternativa contra o Sport

Após a vitória de 1 a 0 sobre o Atlético-Go na noite da última quarta-feira (16) no estádio do Maracanã pelo primeiro jogo da quarta fase da Copa do Brasil, o técnico tricolor, Odair Hellmann, foi questionado na coletiva sobre a atuação da equipe, que apesar da vitória pouco produziu ao longo dos 90 minutos.

Vão acontecer oscilações em determinados momentos e espero que esses movimentos demorem a acontecer conosco. Estão acontecendo com todos os times. Nós temos oscilado menos até. Tivemos lentos nas ações no 1º tempo e isso está diretamente ligado à falta de oportunidade e de poder recuperar os jogadores, treiná-los, confrontá-los com erros e acertos que cometemos nas partidas, para que eles progridam. No 2º tempo, melhoramos com a bola, trocando o passe com um pouco mais de velocidade para desequilibrar o adversário – analisou o treinador que indicou a possibilidade de poupar alguns jogadores na próxima partida do time, domingo (20), contra o Sport, em Recife, pelo Campeonato Brasileiro:

Os jogadores estão se entregando de todas as formas, de todas as forças, mas não tem jeito. Vai chegar uma hora que alguns jogadores vão sentir um pouco a sequência, a equipe, coletivamente, acaba sentindo também. Faremos uma avaliação para domingo e colocar a equipe que está mais preparada, mais forte mentalmente, fisicamente e tecnicamente, para que consigamos uma boa vitória no Brasileiro também. Faremos esse estudo nos próximos dias com a fisiologia. Essa avaliação tem que ser em todos jogos, enquanto não tivermos uma distância para poder recuperar melhor os jogadores – completou.

Vale destacar que após o jogo contra o Sport, o Tricolor já volta as atenções para a Copa do Brasil, o de enfrenta novamente o Atlético-Go pelo jogo de volta da quarta fase, quando joga pela vantagem do empate.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Odair volta a falar em equilíbrio para vencer o Atlético-Go nesta noite

Uma das palavras mais usadas pelo técnico do Fluminense tem sido a busca pelo “equilíbrio”, pois na visão de Odair a equipe vem oscilando muito na realização das partidas, com níveis de atuações distintos entre um tempo e outro.

Com isso o treinador vem frisando nas coletivas a necessidade de buscar um melhor equilíbrio nós dois tempos para conquistar melhores resultados nas partidas. E, na véspera de enfrentar o Atlético-Go, o treinador voltou a cobrar um maior equilíbrio da equipe para conquistar a vitória nesse primeiro jogo:

Vamos buscar a regularidade que tivemos no primeiro tempo contra eles, no jogo do Campeonato Brasileiro, durante os 90 minutos desta partidas construir a vitória. Vamos botar todas as forças nessa partida – disse o treinador.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

“Precisamos manter a regularidade dos dois tempos”, declara Odair após derrota no Fla-Flu

O Fluminense foi derrotado por 2 a 1 para o Flamengo na noite desta quarta-feira (09) no Maracanã. Com um primeiro tempo completamente apático, o Tricolor foi para o intervalo perdendo por 2 a 0, melhorou no segundo tempo e no final conseguiu diminuir o placar.

Após o jogo, o técnico Odair Hellmann lamentou o primeiro tempo apático do time e lembrou ainda da derrota contra o São Paulo, lembrando os dois tempos distintos daquele jogo, ressaltando a necessidade de correção:

Acho que a gente precisa o mais rápido possível conseguir a regularidade dos tempos distintos que estamos fazendo. Em São Paulo, ótimo primeiro tempo, depois dois gols muito rápido, acaba nem entrando novamente na partida. Depois entra com placar adverso, acaba tendo que expor, gera facilidades para o adversário conseguir placar. Hoje, da mesma forma, logo no inicio tomou gol. Buscando ajustes de movimento, compactação ofensiva, leva gol e gera confiança ao adversário. Até restabeleceu um pouco até levar o segundo gol – declarou Odair.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Odair vê dois tempos destintos e desconcentração do Flu como principal fator pela derrota

Na coletiva pós jogo deste domingo (06), quando o Fluminense saiu derrotado de virada para o São Paulo, por 3 a 1, o técnico Odair Hellmann analisou analisou os principais pontos do jogo, que para o treinador, tiveram dois tempos bem distintos:

– O jogo foi bem claro. Dois tempos distintos. No primeiro tempo nós muito bem, abrimos o placar e ainda criamos mais duas oportunidades de gol e controlamos o São Paulo na fase defensiva, de marcação. Já no segundo tempo, principalmente nos primeiros minutos, a gente desconcentrou. Eles fizeram o primeiro de bola parada logo no início e criaram forças. Fizeram o segundo gol muito rápido. Esses primeiros 10 minutos não foram bons e nos custou a derrota – disse o treinador.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Nenê e Odair recebem prêmiação antes de enfrentar o São Paulo

Na tarde do último sábado (05), o meia Nenê e o técnico Odair Hellmann receberam os troféus de melhores do Campeonato Carioca.

A seleção que foi feita por um júri de treinadores, escolheram os dois Tricolores que representaram o Fluzão na seleção do Campeonato, eleita ao final da competição, com uma formação ofensiva, no 4-3-3.

Odair Hellmann inclusive, foi eleito o melhor treinador ao lado de Jorge Jesus, então técnico do Flamengo. Relembre como ficou a seleção do Cariocão:

Foto em destaque: Divulgação/FFC

Odair valoriza ponto conquistado, mas diz que sensação era de que poderia ter vencido

Jogando com um homem a menos desde o final do primeiro tempo, quando Hudson foi expulso, o Fluminense ficou no empate em 1 a 1 contra o Atlético-Go, atuando no estádio do Maracanã.

Apesar de boa parte da torcida demonstrar insatisfação com o resultado pelas redes sociais o técnico Odair Hellmann valorizou o ponto ganho, e mais, afirmou que a sensação era de que poderia ter vencido:

Claro que nós trabalhamos e nós queríamos a vitória. Era importante a manutenção dessa sequência de vitórias, mas é valorizar o que os jogadores fizeram para fazer a manutenção de um ponto. E a gente sai daqui com a sensação de que era para ter vencido a partida – declarou o treinador.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Nos quatro jogos que fez no Brasileiro, o Flu saiu atrás no placar em todos

Na noite desta quarta, o Fluminense mais uma vez saiu de campo derrotado. Dessa vez, para o Bragantino, por 2 a 1. Com a de ontem o Tricolor chegou a quarta partida seguida em que sai atrás no marcador

Dentre tantos indicadores preocupantes nesse time de Odair Helmann, esse é um que vem se destacando neste início de Brasileiro. Até aqui o teor das partidas, contra: Grêmio, Palmeiras, Internacional e Bragantino foi o Tricolor tendo que correr atrás do resultado.

A equipe até conseguiu ter êxito contra o Internacional, no último domingo, ao conseguir a virar a partida para 2 a 1. E neste confronto contra o Bragantino, mesmo sofrendo um gol relâmpago, logo no primeiro minuto de jogo, conseguiu demostrar uma rápida recuperação ao empatar no lance seguinte. Porém, em um time que cria poucas oportunidades de gol, ter que correr atrás do placar se torna um complicador ainda maior na vida de Odair, que acumula uma sequencia de más resultados.

Em 10 partidas oficiais, desde a retomada do futebol, são: 1 Vitória, 4 empates e 5 derrotas.

Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino

Liberado! Odair testa negativo para o coronavírus e volta a comandar o time contra o Bragantino

Em novo exame realizado, o técnico testou negativo para Covid-19 e, desta forma, pode voltar a comandar o Fluminense à beira de campo nesta quarta-feira, contra o Bragantino, às 19h15, em jogo válido pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Porém, Odair viajará para São Paulo somente no dia da partida, afim de respeitar os 10 dias previstos pelo protocolo da CBF. O resto da delegação embarca rumo á Bragança Paulista nesta terça-feira.

Ainda atendendo aos requisitos do protocolo, o técnico também não comandou o treinamento desta terça. Apesar de novo exame negativo, o Fluminense optou pela precaução. O teste que teve resultado positivo foi feito no último dia 9, completando exatos 10 dias nesta quarta-feira.

Confira a nota de esclarecimento da assessoria

Em novo teste, dessa vez para a quarta rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico Odair Hellmann tem novo resultado negativo para a Covid-19. Ainda assim, o treinador ficará afastado até a quarta-feira, 19/08, quando viaja para comandar o time contra o RB Bragantino, respeitando o protocolo da competição que prevê 10 dias de isolamento após qualquer resultado positivo (como o do dia 13, em exame feito pelo Albert Einstein, colhido no dia 09), mesmo em casos assintomáticos e ainda que haja resultado negativo na contra-prova.

Fonte: ge.globo
Foto: Lucas Merçon – FFC

Odair chega à oitava partida oficial sem vitória e números preocupam

Após empate em 1 a 1 contra o Palmeiras, nesta quarta-feira (12) pelo Brasileiro, o técnico acumulou mais um resultado insatisfatório. Dos oitos jogos oficiais que disputou até aqui, sendo seis pelo Carioca e dois pelo Brasileiro, o Fluminense de Odair empatou quatro e perdeu quatro.

Considerando apenas as partidas oficiais, levando em consideração que os amistosos contra o Botafogo serviram apenas para tapar o buraco deixado no calendário, o Flu, em oitos jogos disputados, marcou apenas três vezes. O que corresponde á 9,3% dos 32 gols feitos, antes da pandemia.

O time que tinha 70% de aproveitamento, dentre os clubes da Serie A, no período pré-quarentena, viu seu desempenho cair drasticamente, desde que a bola voltou a rolar, para pouco mais de 16%.

No próximo duelo, contra o Internacional, domingo (16), às 18h, pela 3° rodada do Brasileiro, o Flu entrará em campo tendo completado cinco meses desde a última vitória em uma partida oficial, que foi dia 15 de março, diante do Vasco, por 2 a 0, pela Taça Guanabara.

Confira o retrospecto do Fluminense no período pós-quarentena.

Fluminense 0 x 3 Volta Redonda – Carioca
Macaé 0 x 0 Fluminense – Carioca
Fluminense 0 x 0 Botafogo – Carioca
Fluminense 1 x 1 Flamengo – Carioca
Fluminense 1 x 2 Flamengo – Carioca
Flamengo 1 x 0 Fluminense – Carioca
Grêmio 1 x 0 Fluminense – Brasileiro
Fluminense 1 x 1 Palmeiras – Brasileiro

8 jogos – 0 Vitórias | 4 Empates | 4 Derrotas


Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE FC



Após empate contra o Palmeiras, Odair garante Nenê na próxima partida: “como aqui dentro tem bastante fonte eu já estou sendo a sua”

O Fluminense entrou em campo na última quarta-feira (12) para enfrentar o Palmeiras pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Em jogo pouco movimentado e sem muita inspiração para ambos os lados a partida terminou empatada por 1 a 1.

Nenê, que mais uma vez foi titular e muito questionando por torcedores nas redes sociais, voltou a ter sua escalação questionada durante a coletiva pós partida e o treinador foi direto:

O Nenê continua (como titular), vai começar jogando, pelo menos a próxima partida. Como aqui dentro tem bastante fonte para passar as informação para fora, eu serei a sua fonte a respeito do Nenê. E aí se na próxima partida eu tiver que tomar uma decisão por avaliação técnica ou de características certamente eu farei seja com Nenê, com Fred, Evanilson, ou qualquer outro jogador, porquê eu os vejo com a mesma importância e dou essa importância para todos os jogadores, independente se ele inicia jogando ou não, porquê trabalho com grupo de jogadores, e a resposta é boa – disse o treinador.

A próxima partida do Fluminense será neste domingo (16) quando enfrenta o Internacional novamente no Maracanã, às 18h.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Top