fbpx

Allan fala sobre parceria com Ganso e experiência fora do país

Por Rômulo Morse


Apresentado nesta terça como reforço do Fluminense, o volante Allan participou de entrevista coletiva e falou sobre diversos assuntos. Além de especificar sua posição em campo e abordar o período que ficou fora do Brasil, ele falou sobre a parceira com Paulo Henrique Ganso.

Veja também: Fluminense apresenta o volante Allan, novo reforço tricolor

“É um grande jogador, um cara experiente, do bem, que sempre ajuda os mais novos e vai ser muito bom ter ele no dia a dia, nos ajudando nos jogos. Sempre bom ter alguém assim no elenco, acho que ele veio para somar e independente de nome, de status, somos um grupo e vai ser o maior prazer poder atuar ao lado dele.”

O jogador de 21 anos pertence ao Liverpool, da Inglaterra, e assinou vínculo de seis meses por empréstimo, podendo ser renovado pelo mesmo período. Ele está há três anos e meio fora do Brasil, sem nunca ter atuado no país. Com isso, diz que “foi uma experiência boa, não só em termos de futebol, mas como pessoa. Por ter que me virar na adaptação, língua…” e definiu sua posição:

“Sou um jogador de meio-campo, atuo como primeiro e segundo volante sem problemas. Sou um jogador que se doa muito para a equipe, tento ajudar da melhor forma. Posso atuar em outras posições, se precisar.”

Ganso no Flu: relembre todas as estreias da carreira do camisa 10 tricolor

Foto: Lucas Merçon / FFC

Contra o Bangu, meia busca começar sua passagem pelo Flu com o pé direito 

Na próxima sexta-feira (19), Fluminense e Bangu se enfrentarão no Maracanã, às 21h (de Brasília). A partida marcará a estreia de Paulo Henrique Ganso, estrela do Tricolor carioca nessa temporada. Contratado por cinco anos, o meia volta para o futebol brasileiro buscando se reencontrar e revigorar sua carreira, atrapalhada por lesões.

O jogador surgiu com Neymar no Santos e chegou a ter seu nome pedido por diversos torcedores para a disputa da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Uma das maiores promessas do Brasil, o meia acabou rompendo os ligamentos dos dois joelhos – em anos diferentes -, e viu seu futebol se perder. Porém, o atleta de 29 anos veio para o Fluminense destinado a dar a volta por cima. O começo de sua caminhada pelo clube das Laranjeiras será contra o Bangu, pela 1ª rodada da Taça Rio.

Relembre agora todas as estreias da carreira de Paulo Henrique Ganso:

2008 – Santos

O Santos foi o primeiro clube profissional da carreira de Ganso. Sua estreia ocorreu no dia 17 de fevereiro de 2008, contra o Rio Preto, fora de casa. Vivendo péssima fase no Campeonato Paulista, a equipe da Vila Belmiro foi derrotada por 2 a 1 e entrou na zona de rebaixamento da competição. O meia entrou no segundo tempo da partida e, mesmo com o resultado negativo, saiu de campo com uma boa impressão, já que deu a assistência para o gol santista.

2010 – Seleção Brasileira 

Após a eliminação na Copa do Mundo, a Seleção Brasileira disputou um amistoso contra os Estados Unidos no dia 10 de agosto de 2010. O duelo marcou a estreia de Ganso e Neymar com a amarelinha. Sob a batuta de Mano Menezes, o Brasil venceu por 2 a 0 jogando um futebol vistoso. A dupla santista se destacou e aumentou a expectativa de todos os brasileiros. Com belos dribles e passes, Ganso ainda acertou a trave em chute de fora da área.

2012 – São Paulo

Já sofrendo com as lesões e vendo seu relacionamento com os torcedores santistas se desgastar mais e mais, Ganso foi para o São Paulo. Sua estreia pelo Tricolor paulista aconteceu no dia 18 de novembro de 2012, contra o Náutico, em um Morumbi com mais de 62 mil pessoas. O debute do meia não foi de muito destaque, tendo em vista que ele voltava de lesão. Na ocasião, o São Paulo venceu por 2 a 1, com gol de Rogério Ceni, e garantiu-se na Libertadores do ano seguinte.

2016 – Sevilla

Ganso estreou pelo Sevilla no dia 14 de agosto de 2016, contra o Barcelona, em confronto válido pela Supercopa da Espanha. O meia entrou no segundo tempo e pouco conseguiu produzir diante de um Barça avassalador. O time da Catalunha venceu por 2 a 0 e ficou em ótima vantagem para a partida de volta. Em contrapartida, em sua estreia pelo Campeonato Espanhol, p meia deu bela assistência de calcanhar no triunfo por 2 a 1 contra o Alavés.

2018 – Amiens

Depois de ser preterido no Sevilla e ficar muito tempo sem atuar em alguns momentos, Ganso foi emprestado para o Amiens, da França. Sua estreia no clube francês foi no dia 15 de setembro de 2018. O meia entrou no decorrer do jogo e, após sete minutos em campo, deu assistência para o primeiro gol da equipe no jogo. Porém, apesar da boa estreia, Ganso saiu derrotado por 3 a 2.

Estreia de Ganso é confirmada para essa sexta, contra o Bangu

Por Rômulo Morse


A espera acabou. O Fluminense anunciou que Paulo Henrique Ganso, o novo camisa 10, vai fazer sua estreia com a camisa tricolor contra o Bangu, nesta sexta, às 21h, no Maracanã, pela primeira rodada da Taça Rio. Também foi divulgado o esquema para a venda de ingressos.

A comercialização dos bilhetes terá início nessa terça-feira (19). Pela internet, começará às 10h, por meio do site www.futebolcard.com, enquanto os pontos físicos ficarão disponíveis às 13h. Em acordo com o adversário, que será o mandante do duelo, os sócio-torcedores do tricolor terão os mesmo descontos de uma partida em casa. Os preços variam de R$ 15,00 a R$ 40,00.

Confira abaixo todas as informações:

VALOR DOS INGRESSOS:

Setores Sul e Leste Inferior (Gratuidades apenas no setor Leste Inferior)
100% de desconto – Pacotes Futebol e Check-Ins 2019 e Tricolor de Coração
R$ 15 – 62,5% de desconto – Sócio Futebol, Eterno Amor, Construa o CT e Pacote Jogos
R$ 30 – 25% de desconto – Guerreiro
R$ 40 – Demais torcedores (R$ 20 meia-entrada)

PONTOS DE VENDA E TROCA DE INGRESSOS (SOMENTE DINHEIRO):

Laranjeiras: Sede do Fluminense (Rua Álvaro Chaves, 41)
Dia 19/02, das 13h às 20h
Dias 20 e 21/02, das 10h às 20h

Maracanã: Bilheteria 1 (Avenida Maracanã, S/N)
Dia 19/02, das 13h às 17h
Dias 20 e 21/02, das 10h às 17h

Jacarepaguá: Loja Torcedor Carioca: (Estrada do Gabinal, 313, Lj 116/117, Galeria A)
Dia 19/02, das 13h às 17h
Dias 20 e 21/02, das 10h às 17h

Del Castilho: Loja Oficial Fluminense FC – Shopping Nova América (Avenida Pastor Martin Luther King Jr, 126, 1° piso)
Dia 19/02, das 13h às 22h
Dias 20 e 21/02, das 10h às 22h

Niterói: Clube Canto do Rio (Avenida Visconde do Rio Branco, 701, Centro)
Dia 19/02, das 13h às 17h
Dias 20 e 21/02, das 10h às 17h

Araruama: Loja Fanáticos : Av. Brasil, 10 – Loja 112 – Araruama
Dia 19/02 das 13h às 17h
Dias 20 e 21/02 Horário 10:00 às 17:00hs (apenas venda, sem troca)

VENDAS NO DIA DA PARTIDA (SOMENTE DINHEIRO): 

Laranjeiras – Sede do Fluminense
Das 10h às 14h

Maracanã – Bilheteria 1
Das 10h até o término do 1º tempo

VENDAS PARA TORCIDA DO BANGU:

Bangu: Estádio Moça Bonita (Rua Sul América, 950)
Dia 19/02, das 13h às 17h
Dias 20 e 21/02, das 10h às 17h

Maracanã: Bilheteria do Acesso E
Dia 22/02, das 19h ao fim do primeiro tempo

CHECK-IN PARA SÓCIO-TORCEDORES:

Pacotes Futebol, Check-Ins 2019, Tricolor de Coração, Sócio Futebol, Eterno Amor, Construa o CT, Pacote Jogos e Guerreiro:

Do dia 19/02, terça-feira, às 10h, até o dia 21/02, quinta-feira, às 23h50.

Os sócios também podem adquirir seus ingressos com o desconto do plano nos pontos de venda, na Sede do Fluminense e no Maracanã.


Fonte: Globoesporte.com

Apesar de adiamento, Ganso segue sem condições de estrear pelo Flu na Sul-Americana

Camisa 10 não foi inscrito a tempo de poder atuar na primeira fase da competição 

Foto: Lucas Merçon/Fluminense

A estreia do Fluminense na Copa Sul-Americana, diante do Antofagasta-CHI, foi adiada para o dia 26/02, por conta do incêndio que atingiu o Ninho do Urubu e a alteração de data do Fla-Flu pela semifinal da Taça Guanabara. Ainda sim, Ganso não pode estrear. 

O Tricolor enviou para Conmebol a documentão dos inscritos no dia 2 de fevereiro, quando o novo camisa 10 das Laranjeiras ainda não tinha todas as pendências e burocracias regularizadas. 

Os documentos devem ser enviados 72 horas antes do início da competição, e não do jogo. Caso o Fluminense avance, o atleta poderá ser regularizado e defender a camisa grená na competição. 

Com isso, a estreia do meia segue prevista para o dia 22/02, na sexta-feira, diante do Bangu pela primeira rodada da Taça Rio. O clube ainda vislumbra uma alteração de local para o jogo marcado para o estádio Moça Bonita. 

Por estreia de Ganso, Fluminense avalia mudança de local para confronto diante do Bangu

Nova camisa 10 tricolor tem estreia prevista para o dia 22/02 em Moça Bonita

Foto: Lucas Merçon/Fluminense

A maior contratação do Fluminense para temporada de 2019 se aproxima de sua estreia com a camisa tricolor. Paulo Henrique Ganso deve estrear pelo clube carioca no dia 22/02, contra o Bangu. Contudo, há uma grande indefinição: o local. 

A partida válida para a primeira rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, está marcada para o estádio de Moça Bonita, em Bangu, com mando do Alvirrubro. O duelo está previsto para 16h30. 

O Tricolor das Laranjeiras deseja outro local para o duelo já que vislumbra a primeira aparição do novo camisa 10 para torcida, mas para que isso aconteça terá que ser feito um acordo com o Bangu e a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ). 

Por enquanto o elenco comandado por Fernando Diniz mantém foco e atenção nas semifinais da Taça Guanabara que ocorre nesta quinta-feira (14) diante do Flamengo no Maracanã, às 20h30. 

Fluminense dobra teto salarial por Ganso e mira patrocínios e sócio-torcedor

Decidido a jogar no Fluminense, Paulo Henrique Ganso reduziu quase à metade o seu salário a nível Europa. Ainda assim, a diretoria precisou dobrar o teto salarial, que é de R$ 150 mil, para assinar contrato e anunciar o reforço, após oficializada a rescisão com o Sevilla, da Espanha.

Avisados sobre a crise financeira nas Laranjeiras, o craque e seus empresários concordaram em diminuir a pedida, desde que fosse firmado um vínculo mais longo. A ideia é diluir o que o jogador receberia no Sevilla até junho de 2021, quando o contrato se encerraria, em um intervalo maior no Fluminense.

De quebra, os tricolores ainda garantiram 50% do passe de Ganso (o restante fica com o jogador e o clube espanhol). Ou seja, lucrarão numa eventual venda.

Ganso reduziu quase à metade seu salário a nível Europa. (Foto: Divulgação)

Sobe número, desce número. E, finalmente, houve um consenso: no primeiro ano, os vencimentos serão de R$ 300 mil. A partir do segundo ano, sobem para R$ 400 mil. É com o suporte de patrocinadores em negociação e do programa de sócio-torcedor, que vem ganhando novas inscrições, que o clube pretende bancar a contratação.

Além disso, o crédito de R$ 1 milhão com o Corinthians, consequência do insucesso nas conversas com Moisés e Marquinhos Gabriel, inicialmente envolvidos na venda de Sornoza, devem ser destinados a pagar as primeiras remunerações do camisa 10.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Top