Celso Barros crítica postura de Ganso: “Gosta de derrubar técnicos e até dirigente”

O meia Paulo Henrique Ganso voltou a ser titular do Fluminense na derrota de 1 a 0 para o Grêmio no último sábado (17). Porém, o atleta fez mais uma partida abaixo da crítica e, saiu reclamando após ser substituído.

Neste domingo (18), o vice presidente do clube, Celso Barros, usou suas redes sociais para questionar a postura do camisa 10. Celso fez duras críticas ao jogador e suas atuações ao longo dos dois anos e meio vestindo a camisa Tricolor.

Celso ainda chegou a apontar outros jogadores que teriam sido a causa de seu afastamento do clube, em 2019. Segundo o dirigente, ao lado de Gilberto e Danielzinho, Ganso teria causado uma indisposição entre o vice presidente e o restante do clube após a saída do técnico Fernando Diniz

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Destaque do jogo ? Ganso tem a segunda maior nota do Flu por site especializado

O empate do Fluminense em 2 a 2 com o RB Bragantino marcou o retorno do meia Paulo Henrique Ganso ao time titular do Fluminense. O camisa 10 inclusive foi alvo de grandes manifestações da torcida ao ser substituído no segundo tempo, ainda quando o jogo estava 2 a 0 para o Massa Bruta.

Depois da saída do jogador, o time buscou o empate, porém, o assunto entre os torcedores ainda era a saída do meia. Ganso, inclusive, recebeu a segunda maior avaliação do Flu pelo site especializado, SofaScore.

Veja os números:

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Segundo jornal, conselheiros do Santos teriam vetado a contratação de Ganso

A negociação pela ida do meia Paulo Henrique Ganso para o santos parece ter chegado ao fim. O jogador que teria sido um pedido do técnico do Peixe, Fernando Diniz,teria sido recusado pela maioria de conselheiros do clube, que foram contra sua contratação.

A informação foi divulgada pelo jornal “A Tribuna”, da Baixada Santista. Segundo a reportagem, a decisão saiu através de uma reunião virtual, quando um grupo de cerca de 50 conselheiros debateram a volta do atleta de 31 anos, revelado na Vila Belmiro. A maioria foi contra a volta, por entender que não agregaria ao time em razão de suas últimas temporadas por Sevilla (ESP), Amiens (FRA) e no próprio Fluminense.

A reportagem encerra afirmando que neste momento não há negociação em andamento para o retorno de Ganso ao Santos, apesar da vontade do técnico Fernando Diniz em contar com o jogador, com quem trabalhou no Fluminense em 2019.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Futuro de Ganso segue incerto e dependendo de acerto financeiro entre Flu e Santos

O destino do meia Paulo Henrique Ganso ainda segue incerto. O camisa 10 do Fluminense que entrou durante o segundo tempo da vitória do Flu por 2 a 0 sobre o RB Bragantino, ainda segue na mira do Santos e pode deixar o Tricolor.

Segundo informações do portal GE, o jogador é desejo do técnico Fernando Diniz, como quem trabalhou em 2019 no próprio Fluminense, período inclusive em que Ganso teve o melhor momento com a camisa Tricolor.

A primeira oferta do Santos, feita há duas semanas, de arcar com uma pequena parte dos vencimentos do meia, foi recusada. Em outra oferta, chegou-se a um consenso de que a negociação pode evoluir com uma divisão do salário meio a meio. Em crise financeira, o Santos teria que fazer um esforço de caixa, mas mantém a cautela. Internamente, o Peixe se divide entre quem apoia o retorno do meia, que passou pela Vila Belmiro de 2006 a 2012, e quem é contra.

O Santos é comandado, atualmente, por nove membros do Comitê de Gestão: o presidente, o vice e outros sete dirigentes não remunerados. Para Ganso ser contratado, a maioria precisa aprovar. Se decidir avançar nas negociações, o Peixe ainda precisará discutir com o Fluminense as cláusulas do contrato de empréstimo até o fim da temporada.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Segundo portal, Santos estaria estudando retorno de Ganso

Segundo portal de notícias UOL, o Santos estaria querendo repatriar o meia Paulo Henrique Ganso. Conforme visto, o jogador tem sido pouco utilizado por Roger Machado no elenco titular do time e, se quer tem entrado ao decorrer dos jogos na Libertadores. 

Confira o que diz a matéria:

“ O Santos está analisando o retorno de Ganso, do Fluminense, para reforçar o meio-campo nesta temporada. Um dos motivos para o Peixe pensar na possibilidade de trazer o ex-santista seria a perspectivas de facilidade numa negociação com o clube carioca. O meia não vive seu melhor momento no Rio de Janeiro. Atualmente ele é terceira opção para o técnico Roger Machado, atrás de Cazares e Nenê. Se fosse para jogar mais recuado, não seria diferente na disputa com Martinelli, jovem que se firmou já como destaque do time.

A falta de espaço e o salário alto pode contribuir para uma liberação rápida e mais fácil por parte do finalista do Campeonato Carioca. O Peixe, caso invista, estuda contrato por empréstimo. No trato com o jogador, também avaliaria metas de produtividade. A diretoria conta com a vontade do jogador de retornar para o clube que já fez história ao lado de Neymar, incluindo o título da Libertadores de 2011. Outro fator que agrada a direção é o técnico Fernando Diniz já ter trabalhado com Ganso, no Fluminense, em 2019. Em 43 jogos com o técnico, o meia marcou cinco gols e chamou a atenção pelo seu desempenho. Além de reforços, o Santos tem investido nas renovações contratuais de seu.” 

Fonte: UOL Esportes

Foto; Lucas Merçon/FFC

Fora da estreia do Flu na Libertadores, Ganso viaja com o grupo para a Colômbia

Após ficar de fora do primeiro jogo do Fluminense na estreia.do Tricolor na Copa Libertadores, o meia Paulo Henrique Ganso viajou com a delegação para a Colômbia, onde o Flu enfrenta o Santa Fé, na próxima quarta-feira (28).

Vale destacar que ainda há uma indefinição do local da partida devido aos protocolos contra a Covid-19 adotados no país, contudo, o Fluminense embarcou rumo a Bogotá na tarde desta segunda-feira (26), e Ganso estava junto com o grupo que viajou para Colômbia.

Além do camisa 10, o atacante Raúl Bobadilla é outra novidade. O atacante argentino naturalizado paraguaio havia ficado fora da estreia por por conta de problemas na regularização da documentação, mas já está à disposição.

Ganso entrou no decorrer do jogo frente ao Madureira, domingo, no Maracanã, e fez o terceiro gol tricolor na vitória de 4 a 1. O camisa 10 ainda deu a assistência para o gol de Gabriel Teixeira, que fechou a goleada. Antes, Abel Hernandez e Bobadilla, haviam marcado pela primeira vez com a camisa Tricolor.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Após temporada de pouco aproveitamento no Flu, Ganso cogita até mudar de posição em campo

Um dos principais nomes do elenco atual do Fluminense, o meia Paulo Henrique Ganso, viveu uma temporada atípica na carreira, com um 2020 de pouco aproveitamento em relação a tempo de jogo.

O jogador que viveu a temporada mais baixa em relação a aproveitamento de minutos em campo na sua carreira, conversou com a reportagem do UOL Esportes e revelou inclusive que prefere jogar como um segundo atacante na próxima temporada, atuar mais perto do gol:

Prefiro jogar como um segundo atacante, sempre presente na área. Perto do gol adversário é onde vou criar chance de gols para a gente, vou criar, posso fazer os gols e sempre levar perigo ao adversário. Ali do lado do nosso camisa 9, como um segundo atacante, sempre pisando na área, mais perto do gol — revelou o jogador.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Fluminense x Portuguesa; Veja tudo que precisa saber da partida

Times irão se enfrentar nesse domingo, às 16h, no Maracanã. O tricolor continua com a sua equipe de aspirantes reforçada por garotos do sub-20 e sub-17. Nessa segunda rodada, o tricolor terá o reforço do meia armador Paulo Henrique Ganso. 

A partida será a de número 76, até hoje o tricolor saiu vencedor em 61 duelos, com 7 empates e 7 derrotas. Ano passado, a partida ocorreu também pela segunda rodada do Campeonato, e o Flu venceu por 2 x 0, gols de Nenê e Gilberto.

O Fluminense será comandado novamente por Ailton Ferraz, e terá os desfalques da dupla de zaga Luan Freitas e Frazan, ambos lesionados. Com isso, haverá a estreia de Higor zagueiro da base e Rafael Ribeiro contratado junto ao Náutico para a temporada. 

Time provável: Pedro Rangel, Daniel Lima, Higor, Rafael Ribeiro e Raí; André, Caio Vinicius, Ganso e Miguel (Gabriel Teixeira); John Kennedy e Samuel.

Foto: Mailson Santana/Fluminense FC 

Presidente Tricolor, Mário Bittencourt, confirma Ganso como titular no Carioca

O presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, participou do programa “Boteco Tricolor” antes do jogo contra o Fortaleza, valido pela última rodada do Brasileirão.

Em sua participação, Mário esclareceu alguns pontos da próxima temporada, que já começa na próxima terça-feira (02) com o início do Campeonato Carioca, competição que segundo Mário, o Fluminense usará o meia Paulo Henrique Ganso como titular nos primeiros jogos:

Nós vamos usar um time que é mesclado entre o Sub-23 e jogadores dos profissionais que não estavam atuando. O ganso é um deles. Ele vai iniciar jogando o Estadual – revelou Mário.

Vale destacar que Ganso passou por uma cirurgia de apendicite e ficou quase um mês parado, tendo ficado de fora da reta final do Campeonato Brasileiro.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Após operar a apêndice, Ganso se reapresenta e realiza treino físico no CT

O meia Paulo Henrique Ganso, que passou por uma operação de apendicite no início de janeiro, se reapresentou na manhã desta sexta-feira (12) no CT Carlos Castilho, o de realizou uma atividade física na academia do clube.

O jogador porém ainda não tem uma previsão de retorno aos gramados, mas a tendência é que volte apenas na próxima temporada.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC