fbpx

Abad diz ter intenção de cumprir todo o seu mandato, mas descarta reeleição

Dirigente promete entregar o clube melhor do que o herdado por Peter Siensem.

Um ano e seis meses após ser eleito presidente do Fluminense, Pedro Abad concedeu entrevista ao site Globoesporte.com, onde revelou que apesar das duras críticas que vem sofrendo por grande parte do torcedor e de alguns conselheiros, pretende cumprir o mandato até o final – dezembro de 2019 –

– Nao vou fazer isso. Se eu desistir no meio, estou jogando fora tudo. Não vou renunciar – disse Abad.

O mandatário Tricolor ainda confessou que entende o questionamento da torcida diante dos maus resultados:

– A torcida quer time, mas o momento do clube é de reestruturação. Então, o investimento é menor. Se o time não ganha, o xingamento é mais alto. Acho injusto, mas entendo. Não reclamo. É legítimo. O torcedor tem direito de não gostar de mim. Agora, eu quero ganhar também. Qual a lógica de eu perder convívio familiar, tempo profissional e momento de lazer? – completou o mandatário que ainda afirmou não ter a intenção de reeleição :

– Eu sei o que estou fazendo. Quando acabar meu mandato, em 2019, eu tenho certeza de que o Fluminense vai estar melhor do que estava. Certeza absoluta. Não estou aqui atrás de reconhecimento. Ao acabar meu mandato, vou para casa, volto para a arquibancada e ajudarei o próximo presidente, se ele quiser. E no que ele quiser – finalizou Abad.

 

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Mailson Santana

Top