Em 20 jogos ao longo da história, Fluminense tem retrospecto positivo de 66,6% contra equipes do Paraguai

Diante de um duelo decisivo contra o Olimpia-PAR pela terceira fase da Pré-Libertadores, o Fluminense defende um retrospecto favorável em duelos contra equipes do Paraguai. Ao todo, o Tricolor enfrentou os vizinhos continentais em 20 oportunidades, com 12 vitórias, quatro empates e quatro derrotas, aproveitamento de 66,6%.

Além das equipes do país, o Fluminense também enfrentou a seleção paraguaia quatro vezes, com duas vitórias, um empate e uma derrota. Apesar do histórico favorável, o Flu nunca venceu o Olimpia, nos únicos confrontos entre os times até aqui, pelas quartas de final da Libertadores de 2013, empate sem gols no Rio de Janeiro e derrota por 2 a 1 no Defensores del Chaco.

No último duelo contra uma equipe do Paraguai, o Tricolor eliminou o Cerro Porteño nas oitavas de final da Libertadores de 2021 com duas vitórias: 2 a 0 no estádio La Nueva Olla e 1 a 0 no Maracanã.

Buscando a vaga na fase de grupos da Libertadores, o Fluminense recebe o Olimpia no estádio Nilton Santos, às 21:30. O jogo da volta acontece na próxima quarta-feira (16/3), no Defensores del Chaco, no Paraguai.

Duelos Flu x Paraguaios

Cerro Porteño

  • 14/6/1964 – Cerro Porteño 2 X 2 Fluminense (Amistoso)
  • 28/3/1984 – Cerro Porteño 0 X 1 Fluminense (Amistoso)
  • 11/11/2009 – Cerro Porteño 0 X 1 Fluminense (Sul-Americana)
  • 18/11/2009 – Fluminense 2 X 1 Cerro Porteño (Sul-Americana)
  • 13/7/2021 – Cerro Porteño 0 X 2 Fluminense (Libertadores)
  • 3/8/2021 – Fluminense 1 X 0 Cerro Porteño (Libertadores)

Guaraní-PAR

  • 18/9/1996 – Guaraní-PAR 3 X 1 Fluminense (Copa Conmebol)
  • 2/10/1996 – Fluminense 2 X 2 Guaraní-PAR (Copa Conmebol)

Deportivo Luqueño

  • 28/01/1954 – Deportivo Luqueño 1 x 8 Fluminense (Copa Montevidéu)

Libertad

  • 12/6/1964 – Libertad 1 X 1 Fluminense (Amistoso)
  • 5/7/1967 – Fluminense 1 X 0 Libertad (Amistoso)
  • 19/3/2008 – Libertad 1 X 2 Fluminense (Libertadores)
  • 2/4/2008 – Fluminense 2 X 0 Libertad (Libertadores)
  • 28/4/2011 – Fluminense 3 X 1 Libertad (Libertadores)
  • 4/5/2011 – Libertad 3 X 0 Fluminense (Libertadores)

Nacional do Paraguai

  • 26/3/1955 – Nacional do Paraguai 3 X 2 Fluminense (Amistoso)
  • 27/3/1955 – Nacional do Paraguai 2 X 4 Fluminense (Amistoso)

Olimpia

  • 22/5/2013 – Fluminense 0 X 0 Olimpia (Libertadores)
  • 29/5/2013 – Olimpia 2 X 1 Fluminense (Libertadores)

Presidente Hayes

  • 27/1/1953 – Presidente Hayes 1 X 2 Fluminense (Copa Montevidéu)

Seleção do Paraguai

  • 1/5/1952 – Fluminense 3 X 5 Paraguai (Amistoso)
  • 9/2/1963 – Paraguai 2 X 4 Fluminense (Amistoso)
  • 11/7/1965 – Fluminense 3 X 2 Paraguai (Torneio IV Centenario)
  • 3/5/1985 – Paraguai 0 X 0 Fluminense (Amistoso)

Fonte: GE

Foto: Lucas Merçon

Fluminense x Millonarios: Tricolor tem retrospecto favorável contra o adversário da estréia na Libertadores

O Fluminense volta a campo nesta terça-feira (22), quando enfrenta o Millonarios, da Colômbia, na estréia do clube na Libertadores 2022.

Se o adversário é temido pela altitude, o Flu tem a seu favor o retrospecto. As equipes se enfrentaram em duas vezes ao longo da história, ambas nas Colômbia e com vitória do Flu.

A primeira aconteceu no Torneio Cidade de Bogotá, em 1960, onde o Fluminense foi convidado. O San Lorenzo, da Argentina, e o colombiano Santa Fé completaram o quadrangular.

Comandado por Zezé Moreira, o Fluminense derrotou o Millonarios por 1 a 0, gol marcado por Maurinho. Posteriormente também venceria o Santa Fé (por 2 a 0), mas nunca chegaria a decidir o título com o San Lorenzo, pois o torneio foi cancelado antes de ser encerrado.

A segunda partida também foi pelo Torneio Cidade de Bogotá, mas aconteceu quatro anos depois, em 1964. De acordo com o “Jornal dos Sports”, a delegação tricolor levou um time misto até a Colômbia e novamente venceu o Millonarios, desta vez por 3 a 1, com os gols de Morais, Ubiraci e Joaquinzinho.

Adversário indigesto: Palmeiras venceu últimos oito dos últimos onze jogos contra o Fluminense

Vindo de derrota de 1 a 0 para o Grêmio, o Fluminense recebe o Palmeiras neste domingo (14), às 18h15 pela 32° rodada do Campeonato Brasileiro.

Ainda na busca por uma vaga na grupo de classificação à Libertadores, o Flu vai terá pela frente nada mais nada menos que o vice-líder da competição, e uma verdadeira pedra no sapato.

O clube paulista venceu oito dos últimos 11 jogos diante do Tricolor, somando todas as competições. Nos últimos cinco anos. Por sua vez, o Fluminense venceu o Verdão apenas duas vezes, uma em 2018 (1 a 0) e outra em 2019 (1 a 0). Ambos os triunfos foram no Maracanã, assim como o único empate desse período, que aconteceu em 2020 e mesmo palco do jogo deste domingo.

Nesse período, o Palmeiras anotou 19 gols e sofreu apenas quatro. No primeiro turno, o Fluminense que ainda era dirigido por Roger Machado, foi derrotado no Allianz Parque por 1 a 0, com gol contra de Manoel.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Adversário do Flu nesta quarta-feira, Atlético-MG tem um baixo desempenho fora de casa

O Fluminense enfrenta o Atlético-Mg nesta quarta-feira (10), às 21h30 no estádio do Maracanã. O jogo pode ser uma luta direta na disputa pela G4, uma vez que o Galo está na terceira posição e com quatro pontos a frente do Flu.

O Tricolor no entanto pode contar com o trunfo para esta partida: o fraco desempenho do adversário fora de casa. Em 17 jogos disputados longe de Belo Horizonte, o Galo tem apenas a 12ª melhor campanha fora de casa, com nove derrotas, cinco empates e três empates, tendo perdido os últimos três duelos disputados nessas condições, diante de São Paulo, Vasco e Goiás, sendo os dois últimos, times que brigam contra o rebaixamento.

Em contra-partida, o Fluminense vem de três vitórias seguidas na competição e com cinco jogos de invencibilidade, com quatro vitórias e um empate, sendo que dessas quatro vitórias, três foram como mandante.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Flu tem bom desempenho em clássicos na temporada, confira os números

Com a vitória de virada sobre o Flamengo, Tricolor chegou a seis vitórias em clássicos na temporada, duas contra cada rival.

O Flu ainda tem um clássico para disputar na temporada, contra o Botafogo, lembrando que nem o Alvinegro nem o Vasco conseguiram derrotar o Tricolor em 8 jogos disputados.

Veja os números:

15 clássicos no ano

6 vitórias (2 sobre o Bota, 2 sobre o Vasco e 2 sobre o Fla)

5 empates (3 contra o Bota, 1 contra o Vasco e 1 contra o Fla)

4 derrotas (todas contra o Fla)

Foto: Maílson Santana/ FFC

Adversário do Flu, Atlético-Go busca primeira vitória em novo estádio; clube venceu apenas duas partidas como mandante no Campeonato

O Fluminense viaja até Goiás para enfrentar o Atlético-Go, na próxima quarta-feira (16) em jogo desmembrando da 26° rodada do Campeonato Brasileiro, que terá a sequência no final de semana.

Vindo de um empate contra o Vasco, o Fluminense enfrentará um adversário com um fraco desempenho como mandante. Das sete vitória ao longo do Campeonato, apenas duas foram dentro de casa: Flamengo e RB Bragantino.

O time que reabriu recentemente o estádio Antônio Accioly, acumula um empate e uma derrota e busca contra o Fluminense o primeiro triunfo em sua nova casa.

O último jogo entre as equipes no entanto, é de boa lembrança para o Atlético-Go, quando eliminou o Fluminense na quarta fase da Copa do Brasil, ganhando de 3 a 1 no estádio Olímpico de Goiás, sua antiga casa.

Foto em destaque: Heber Gomes/Atlético-GO

Longa Invencibilidade! Jogando em casa, Flu não perde para o Bahia há 9 anos

Fluminense e Bahia se enfrentam neste domingo (11), às 16h, no Maracanã, pela 15° rodada do Brasileiro. Buscando se consolidar entre os primeiros, Tricolor carioca chega para esta partida com um fator favorável, o retrospecto.

A última vez que saiu derrotado, como mandante, foi em 2011, também pelo Brasileiro. Na ocasião a equipe baiana levou a melhor e venceu por 1 a 0. À época, com o Maracanã fechado para as obras da Copa do mundo, a partida foi realizada no Nilton Santos.

De lá pra cá, as equipes se enfrentaram mais seis vezes, onde o Flu saiu vitorioso três vezes e empatou outras três.

Confira o retrospecto de Fluminense e Bahia, em jogos disputados no Rio.

Fluminense 2 x 0 Bahia – Brasileirão 2019
Fluminense 1 x 1 Bahia – Brasileirão 2018
Fluminense 1 x 1 Bahia – Brasileirão 2017
Fluminense 1 x 1 Bahia – Brasileirão 2014
Fluminense 1 x 1 Bahia – Brasileirão 2013
Fluminense 4 x 0 Bahia – Brasileirão 2012

foto: torcedores.com





Retrospecto positivo! Flu não perde para o Corinthians há cinco jogos

Equipes se enfrentam neste domingo (12), às 16h, no Maracanã, pela 10° rodada do Brasileiro. E o Tricolor, num retrospecto recente, leva a melhor sobre a equipe paulista. Nos últimos cinco confrontos foram três vitórias e dois empates.

A última vez que o Flu saiu de campo derrotado, foi em 2018, também, pelo Brasileiro. Na ocasião o time do Parque de São Jorge, venceu por 2 a 1, jogando em seus domínios. De lá pra foram mais cinco duelos, sendo três pelo Brasileirão e dois pela Sul-americana.

Confira os últimos cinco jogos entre Fluminense e Corinthians

Corinthians 1 x 2 Fluminense – Brasileirão 2019
Fluminense 1 x 0 Corinthians – Brasileirão 2019
Fluminense 1 x 1 Corinthians – Copa Sul-Americana 2019
Corinthians 0 x 0 Fluminense – Copa Sul-Americana 2019
Fluminense 1 x 0 Corinthians – Brasileirão 2018

Vindo de três resultados negativos, o Fluminense tem a chance de voltar a vencer no Brasileiro, diante de um conturbado Corinthians, que chega para esse confronto sem técnico, já que Tiagu Nunes foi demitido esta semana e com desfalques importantes, como o lateral-direito Fagner, suspenso.

Foto: Divulgação Gazeta Esportiva



Mesmo fora de casa Flu leva a melhor sobre São Paulo, em retrospecto recente

Após tropeçaram na última rodada, Tricolor carioca e paulista, se enfrentam neste domingo (06), às 16h, no Morumbi, pela oitava rodada o Brasileiro, em busca de reabilitação. E mesmo jogando fora de seus domínios, o Fluminense tem levado a melhor sobre o São Paulo.

Nos últimos 10 confrontos entre as equipes, o Flu soma 4 vitórias, 4 empates e 2 derrotas, com um aproveitamento de 53,3%.
A última vitória do São Paulo, como mandante, foi em 2016, pelo Brasileiro. Na ocasião o time paulista venceu por 2 a 1. De lá pra cá, foram mais três encontros, também pelo Brasileiro. Sendo dois empates, ambos por 1 a 1 e uma vitória para o lado das Laranjeiras, por 2 a 0.

Confira os últimos jogos entre Fluminense e São Paulo, jogando na em São Paulo.

São Paulo 0 x 2 Fluminense – Brasileirão 2019
São Paulo 1 x 1 Fluminense – Brasileirão 2018
São Paulo 1 x 1 Fluminense – Brasileirão 2017
São Paulo 2 x 1 Fluminense – Brasileirão 2016
São Paulo 0 x 0 Fluminense – Brasileirão 2015
São Paulo 1 x 3 Fluminense – Brasileirão 2014
São Paulo 2 x 1 Fluminense – Brasileirão 2013
São Paulo 1 x 1 Fluminense – Brasileirão 2012
São Paulo 1 x 2 Fluminense – Brasileirão 2011
São Paulo 1 x 4 Fluminense – Brasileirão 2010

foto: divulgação

Estagnado! Flu tem o segundo pior ataque, dentre os clubes da Serie A, desde a retomada do futebol

Em levantamento feito, levando em consideração apenas as partidas oficiais no período pós-quarentena, mostra um contraste preocupante, se comparado aos números até parada, por conta da pandemia, onde a equipe tinha o segundo melhor ataque.

Até as competições serem interrompidas no Brasil, o Fluminense de Odair Helmann, havia conquistado resultados convivente, mesmo que o desempenho em campo àquela época já fosse motivos de críticas. O time fez 32 gols em 15 jogos disputados. Tendo uma média de 2,13 gols por partida. Naquele momento a equipe tinha o segundo ataque mais positivo, entre os clubes da Serie A, perdendo apenas para o rival, Flamengo.

Porém, desde a volta do futebol, em julho, o Tricolor não conseguiu repetir o mesmo retrospecto conquistado anteriormente e viu seu ataque ficar estagnado. Até aqui, nas oito partidas oficiais que disputou, a equipe empatou quatro vezes, perdeu outras quatro e não venceu nenhuma.

E os números se tornam ainda mais preocupantes, quando nota-se que, desde que a bola voltou a rolar, o time marcou apenas três vezes. O que dá uma média de 0,3 gols por partida. Que corresponde há 9% dos gols marcados no período pré-pandemia.

Neste domingo (16), Odair terá mais uma oportunidade de virar a chave, diante do Internacional, no Maracanã, às 18h, pela 3° rodada do Brasileiro. Treinador e time buscam a primeira vitória na competição e, mais que isso, o primeiro triunfo em jogos oficiais, desde a retomada do futebol.

Confira o ranking de melhor ataque entre as equipes da Serie A, após a parada

1° Athletico-PR – 18 pró | 4 contra – em 8 jogos (2,2)
2° Ceará – 18 pró | 7 contra – em 10 jogos (1,8)
3° Bahia – 17 pró | 8 contra – em 12 jogos (1,4)
4° Atlético-MG – 14 pró | 4 contra – em 6 jogos (2,3)
5° Sport – 14 pró | 7 contra – em 8 jogos (1,7)
6° Flamengo – 11 pró | 6 contra – em 8 jogos (1,3)
6° Fortaleza – 11 pró | 6 contra – em 8 jogos (1,3)
8° Internacional – 10 pró | 3 contra – em 7 jogos (1,4)
9° Grêmio – 10 pró | 5 contra – em 7 jogos (1,4)
10° Corinthians – 9 pró | 4 contra – em 7 jogos (1,2)
11° RB Bragantino – 9 pró | 7 contra – em 7 jogos (1,2)
12° Coritiba – 9 pró | 8 contra – em 8 jogos (1,1)
13° São Paulo – 8 pró | 7 contra – em 4 jogos (2,0)
14° Botafogo – 7 pró | 3 contra – em 4 jogos (1,7)
15° Palmeiras – 7 pró | 4 contra – em 7 jogos (1,0)
16° Vasco – 6 pró | 1 contra – em 3 jogos (2,0)
17° Santos – 5 pró | 10 contra – em 5 jogos (1,0)
18° Atlético-GO – 3 pró | 0 contra – em 1 jogo (3,0)
19° Fluminense – 3 pró | 9 contra – em 8 jogos (0,3)
20° Goias – 1 pró | 2 contra – em 1 jogo (1,0)

*Posição |Time | Gols Pró | Gols Contra | N° Jogos oficiais | Média de Gols/Partida

Foto: Lucas Merçon – FFC