Apresentador Rodrigo Rodrigues morre por complicações em decorrência da Covid-19

O jornalismo esportivo está de luto. Morreu nesta terça-feira (28) o apresentador Rodrigo Rodrigues, de 45 anos, por complicações em decorrência da Covid-19.

O jornalista estava internado na UTI do Hospital da Unimed, na Barra da Tijuca, zona Oeste do Rio de Janeiro, desde o último sábado (25) com um trombose venosa cerebral.

RR, como carinhosamente era chamado pelos amigos, apresentou sintomas leves, como falta de paladar e olfato, mas disse que se sentia bem. No entanto, a situação mudou no último sábado (25) quando deu entrada no hospital com vômitos, desorientação e dor de cabeça.

De acordo com o boletim médico do hospital, foi diagnosticada uma trombose venosa cerebral, e o apresentador passou por uma cirurgia na noite de domingo para aliviar a pressão intracraniana. Nesta terça, porém, ele não resistiu e teve morte encefálica confirmada.

O jornalista estava na TV Globo desde janeiro de 2019, quando passou a apresentar o programa Troca de Passes, dos canais SporTV. Carismático, Rodrigo deixou amigos por onde passou.

Por meio de seu perfil oficial nas redes sociais, o Fluminense prestou homenagem ao jornalista:

O Canal Flunews se solidariza com amigos e familiares de Rodrigo Rodrigues !