Diniz alcança maior sequência de vitórias à frente do Flu

A vitória do Fluminense por 1 a 0 sobre o Madureira não só garantiu o Tricolor como único time 100% no Carioca, como também deixou o técnico Fernando Diniz com sua maior sequência de vitórias à frente do Flu.

A sequência contabiliza o final da última temporada com os três jogos do Carioca deste ano.

O último tropeço do Flu sob o comando de Diniz foi o empate contra o Botafogo no Brasileirão, de lá pra cá foram só vitórias: o Tricolor venceu Corinthians, Ceará, São Paulo, Goiás, Bragantino, Resende, Nova Iguaçu e Madureira.

Seguindo essa sequência a equipe ainda pode bater uma marca histórica: a de 13 vitórias seguidas, alcançadas em 1919. Para isso, precisaria vencer mais seis jogos, que são:

26/01 – Boavista (Maracanã);
29/01 – Botafogo (Maracanã);
02/02 – Volta Redonda (Raulino de Oliveira);
05/02 – Audax (Maracanã);
12/02 – Vasco (Maracanã);
25/02 – Portuguesa (Maracanã).

Foto em destaque: Marcelo Gonçalves/FFC

Fluminense terá sequência de jogos no Rio para buscar reabilitação na temporada

Após empolgar vencendo o Atlético-MG por 5 a 3 no Maracanã, o Fluminense emendou dois tropeços seguidos: derrota dentro de casa para o Atlético-GO por 2 a 0 e empate por 0 a 0 contra o América-MG, em Minas. Porém, o time terá uma sequência de cinco jogos seguidos no Rio, para buscar a reabilitação na temporada.

A sequência começa já neste domingo (19), quando recebe o Avaí e segue contra o Cruzeiro, no primeiro jogo pela Copa do Brasil, além de Botafogo, Corinthians e Ceará, todos pelo Brasileirão.

Contra o Ceará inclusive, deve ser o jogo da despedida de Fred.

Foto em destaque: Marcelo Gonçalves/FFC

Flu chega à décima vitória seguida e alcança segunda maior série da sua história em jogos oficiais

A vitoria de 2 a 0 sobre o Millonarios colocou o Fluminense na terceira fase da Libertadores, além de deixar o time com a segunda maior série de vitórias consecutivas da sua história, sequência que não alcançava há mais de 100 anos.

A última vez que isso aconteceu foi em 1919, em uma sequência que até hoje é a maior da história do Tricolor. Naquela ocasião, o Fluminense venceu 13 partidas consecutivas, que levaram o clube ao seu oitavo título do Campeonato Carioca. Na atual sequência de vitórias, oito aconteceram no Estadual – sendo três delas nos clássicos contra Flamengo, Vasco e Botafogo – e duas na Libertadores.

Para igualar a maior série de vitórias consecutivas de sua história, o Fluminense precisa vencer seus próximos três compromissos: contra o Resende, sábado (05/03), pela Taça Guanabara; contra Olímpia-PAR ou Atlético Nacional-COL, pela terceira fase da Libertadores, na próxima semana; e Boavista, no outro fim de semana, pela última rodada da fase classificatória do Estadual. Este levantamento leva em consideração somente jogos oficiais.

Confira todas as 13 vitórias da série de 1919:

Fluminense 4 x 0 Bangu (17/08/1919);
Flamengo 1 x 3 Fluminense (24/08/1919);
Andarahy 0 x 6 Fluminense (31/08/1919);
America-RJ 2 x 3 Fluminense (09/09/1919);
Fluminense 5 x 1 Carioca (05/10/1919);
Fluminense 3 x 1 Mangueira (26/10/1919);
Bangu 2 x 3 Fluminense (09/11/1919);
Vila Isabel 1 x 2 Fluminense (16/11/1919);
Botafogo 2 x 5 Fluminense (23/11/1919);
Fluminense 4 x 3 São Cristóvão (30/11/1919);
Fluminense 4 x 2 Andarahy (14/12/1919);
Fluminense 4 x 0 Flamengo (21/12/1919);
Fluminense 4 x 1 America-RJ (28/12/1919)
.

Confira todas as 10 vitórias da série de 2022:

Madureira 0 x 1 Fluminense (30/01/2022);
Fluminense 1 x 0 Audax (03/02/2022);
Flamengo 0 x 1 Fluminense (06/02/2022);
Fluminense 2 x 1 Botafogo (10/02/2022);
Fluminense 1 x 0 Portuguesa (13/02/2022);
Nova Iguaçu 0 x 1 Fluminense (16/02/2022);
Fluminense 3 x 0 Volta Redonda (19/02/2022);
Millonarios-COL 1 x 2 Fluminense (22/02/2022);
Fluminense 2 x 0 Vasco (26/02/2022);
Fluminense 2 x 0 Millonarios-COL (01/03/2022)
.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Após dois tropeços em casa, Fluminense terá sequência pesada pela frente

O Fluminense voltou ao Maracanã neste sábado no segundo com público em casa. E mais uma vez, decepcionou o torcedor que compareceu ao estádio, ao ficar no 0 a 0 contra o Atlético-GO. Isso, vindo de uma derrota por 2 a 0 contra o Fortaleza, na última quarta-feira (06), na partida que marcou o reencontro com o torcedor.

Agora, o clube terá uma sequência pesada pela frente, inciando já na quarta-feira (13), quando enfrenta o Corinthians, em São Paulo, em uma briga direta por vaga no grupo de classificação à Libertadores.

Na sequência, mais um jogo fora: contra o Athlético-PR, em Coritiba. Em seguida retorna ao Rio, quando enfrenta o Flamengo, na partida que marca um novo encontro com o torcedor. Depois ainda enfrenta Santos e Ceará, ambos fora de casa, para encerrar o mês de outubro.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Mês para esquecer: Fluminense pode terminar agosto com apenas uma vitória

O mês de agosto é um daqueles que o torcedor do Fluminense quer esquecer. Um mês que foi recheado de decisões e partidas contra adversários encardidos, a equipe acabou se complicando em todas as competições que disputou.

Na Libertadores, veio a única vitória do mês, que foi na volta das oitavas de final, contra o Cerro Porteño (PAR), por 1 a 0, no Maracanã. Depois disso, eliminação na competição após dois empates com o Barcelona de Guayaquil (EQU) e três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, brigando contra o rebaixamento.

Na Copa do Brasil, outra decepção. O time perdeu de 2 a 1 para o Atlético-MG, no Engenhão e se complicou na competição, passando a precisar de uma vitória no jogo de volta, dia 15 de setembro, no Mineirão.

Os maus resultados já trouxeram uma consequência: a saída de Roger Machado, demitido do cargo após a eliminação na Libertadores. Marcão assumiu e ainda não venceu. Foram dois jogos contra o Atlético-MG. Além da derrota na Copa do Brasil, ainda teve o empate por 1 a 1 pelo Brasileirão.

Buscando terminar o mês da forma “menos pior”, o time já virou a chave após a derrota de quinta e já mira o Bahia, na segunda-feira, às 19h, no Maracanã. O confronto será válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fluminense deixa “escapar” G4 e tem sequência dura pela frente

O empate sofrido nos últimos minutos da partida contra o Vasco no último domingo (13) impediu o Fluminense de entrar de fato no G4 do Campeonato Brasileiro, uma vez, que os três pontos ante o cruz-maltino, deixaria o Flu com 42 pontos, um a frente de Palmeiras, Internacional e Grêmio, todos com 41 pontos.

Ainda em uma boa posição e brigando pela vaga na Libertadores, o Fluminense terá uma sequência dura pela frente, começando nesta quarta-feira (16), quando viaja para enfrentar o Atlético-GO, time que eliminou o Fluminense na Copa do Brasil com uma vitória por 3 a 1 em Goiânia.

Depois, o Flu enfrenta adversários da parte de cima da tabela, quando encara o São Paulo e Flamengo, no Maracanã, e Corinthians na Neo Química Arena.

Após essa sequência inclusive, além de enfrentar os adversários na sua maioria disputando a parte de baixo da tabela, o Fluminense voltará aos jogos a cada três dias, jogando no meio e final de semana.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Próximo adversário do Flu, Palmeiras alcança marca expressiva

Próximo adversário do Fluminense, sábado (14), o Palmeiras entrou em campo na tarde desta quarta-feira (11) e chegou a uma marca mhito expressiva na temporada: sete vitórias nos últimos sete jogos.

O time alvi-verde que vinha meio claudicante pelas mãos do técnico Vanderlei Luxemburgo, trocou de treinador e embalou de vez. Pelas mãos do interino Andrey Lopes, o Cebola, o time paulista conquistou quatro vitórias seguidas, número que aumentou com a chegada do português Abel Ferreira, que comandou o time em três jogos e obteve três vitórias.

Desde a saída de Luxemburgo, foram oito jogos, derrota na estréia de Cebola contra o Fortaleza por 2 a 0 e, de lá para cá, só vitórias: 5 a 0 sobre o Tigre; 3 a 0 sobre o Atlético-Go; 3 a 1 sobre o RB Bragantino; 3 a 0 sobre o Atlético-MG; 1 a 0 sobre o RB Bragantino; 1 a 0 sobre o Vasco e os 3 a 0 sobre o Ceará. Destes, foram três fora do Alianz: contra o Atlético-Go, o segundo o RB Bragantino, e contra o Vasco.

Nesta sequência, foram 19 gols feitos e apenas 1 sofrido.

Foto em destaque: Divulgação/Palmeiras

Após alívio na tabela, Fluminense terá dura sequência pela frente

Foto: Divulgação/FFC

O Fluminense conseguiu emendar uma série de cinco jogos de invencibilidade, fato que distanciou o clube da zona de rebaixamento.

Contudo, o Tricolor terá uma dura sequência pela frente que colocará em prova a boa fase e as pretensões de qual parte da tabela o clube vai brigar no Campeonato.

Fluminense x Athletico Pr (C) – 17/10
Fluminense x Flamengo (C) – 20/10
Fluminense x Chapecoense (C) -27/10
Ceará x Fluminense (F) – 30/10
Fluminense x Vasco (C) – 2/11
São Paulo x São Paulo (F) -7/11

Internacional x Fluminense (F) – 10/11

Atualmente na 14° colocação, com 29 pontos, o Fluminense está a quatro pontos do Z-4 e a 12 do G-6. Mantendo a boa sequência, pode transformar o sonho de uma disputa de Libertadores ainda viável, caso contrário a briga seque sendo contra o Z-4.