fbpx

“Rival” de Paulo Henrique Ganso no Sevilla, Sampaoli foge de polêmica e elogia: “Quando comprometido, gera coisas diferentes”

Assim como na derrota do Fluminense para o Santos no primeiro turno, por 2 a 1, Paulo Henrique Ganso e Jorge Sampaoli, “rivais” no Sevilla-ESP, não se reencontrarão à beira do campo, nessa quinta-feira, no Maracanã. No duelo em maio, o meia não pôde jogar por causa de dores na coxa esquerda. Dessa vez, o técnico vai viajar ao Rio de Janeiro, mas não comandará a equipe porque cumpre suspensão.

Principalmente pelas poucas chances dadas a Ganso, treinador e jogador não conseguiram boa relação quando trabalharam juntos na Espanha, entre 2016 e 2017, e vivem se alfinetando em declarações públicas. Em entrevista na Vila Belmiro, o argentino fugiu de polêmica e elogiou o camisa 10 do Tricolor.

– Trabalhei com ele, recomendei sua contratação e respeito muito seu jogo. Quando ele está comprometido, gera coisas diferentes. Sua chegada ao Brasil dá hierarquia ao torneio, pela capacidade. Fluminense não passa por um bom momento, mas conta com um jogador capaz, que pode fazer um lance diferente a qualquer momento – disse.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Abad reafirma interesse em Ganso: “Negociação está em curso”

Após provocar euforia nos tricolores, a negociação entre Fluminense e Ganso, revelada no início do mês, passou a caminhar mais devagar. O desejo nas Laranjeiras, porém, ainda é contratar o meia para assumir a camisa 10, sem dono desde a venda de Sornoza para o Corinthians.

Ganso ainda pode pintar no Fluminense. (Foto: Divulgação)

Em entrevista para analisar a Assembleia Geral, ocorrida neste sábado, Pedro Abad disse ter esperanças por um final feliz para o clube. O presidente não detalhou o estágio em que as conversas se encontram, mas indicou que o desfecho depende de um acerto financeiro.

– O Fluminense não desistiu de atleta nenhum que estivesse no seu radar. É claro que o Ganso é um fora de série. É claro que a gente tem interesse. A gente conversa e tenta chegar a um bom número, um bom acordo. Caso não chegue, não era para ser. As coisas têm de ser boas para os dois lados. A negociação está em curso, sim –  admitiu.

Houve uma reviravolta no negócio quando o Sevilla, que parecia disposto a emprestar o jogador por uma temporada, recuou e decidiu vendê-lo, possibilidade fora da realidade tricolor. A janela na Europa se encerra no dia 31 e, por ora, não há indícios de alguma equipe interessada.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Oferta do Athletico por Ganso seria menor que a do Fluminense

foto: Divulgação

O Athletico que surgiu como novo interessado em contar com o futebol de Paulo Henrique Ganso, entraria enfrentando mesmo problema que o Fluminense para acertar com o jogador, que seria o alto salário recebido pelo meia.

De acordo com as informações do jornal Tribuna do Paraná, o Athletico pretende pagar o mínimo possível do salário de jogador, que seria de 25% a 30% dos cerca de R$800 mil mensais que Ganso recebe na Europa. Valor é inferior ao oferecido pelo Fluminense.

Restando nove dias para o fechamento da janela, o Tricolor aposta no maior poder de investimento se comparado ao Furacão para contar com o meia. Já o Athletico, por sua vez, aposta na disputa da Copa Libertadores para seduzir Ganso e convencer os espanhóis que seriam uma melhor vitrine ao jogador.

Demora por Ganso seria uma divergência no tempo de contrato

foto: Divulgação

De acordo com informações do programa É Gol do canal por assinatura, SporTV, a demora que o Fluminense então tendo em anunciar a contratação do meia Paulo Henrique Ganso se deve a uma divergência em relação ao tempo de contrato.

A notícia que foi passada na edição da última quarta-feira (16) pelo programa apresentado por Domintila Becker anúncio que a intenção do Sevilla é repassar o jogador pelo período de seis meses ao Flu. Por sua vez, o Fluminense deseja ter Ganso até o final do ano.

Vale destacar, que o período estipulado pelo Sevilla coincide com o fim da temporada europeia, o que poderia facilitar uma possível transferência do jogador para outra equipe do velho continente.

Vale destacar ainda que Ganso vem de atuações apagadas atuando por empréstimo pelo modesto Amiens, da França.

Fluminense quer levar Ganso ao Maracanã em estreia no Carioca

Com a conclusão da negociação nas mãos do Sevilla, da Espanha, o Fluminense espera assinar empréstimo de um ano com Paulo Henrique Ganso e levá-lo ao Maracanã na estreia na Taça Guanabara, sábado (19), contra o Volta Redonda. A intenção é promover o primeiro contato entre o jogador e a torcida.

Como o meia é um personagem importante no cenário nacional, a diretoria pretende embarcar na empolgação dos tricolores e avalia ações que alavanquem o sócio-torcedor.

O jogo acontece em quatro dias, mas os ingressos ainda não estão à venda. Mesmo assim, a expectativa é de casa cheia, principalmente se Ganso aparecer no estádio.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: LANCE!

Fluminense se acerta com Ganso e poucos detalhes impedem a oficialização do acordo

foto: Divulgação

A novela envolvendo Fluminense e Paulo Henrique Ganso está perto de um final feliz para a torcida tricolor.

De acordo com apuração do Canal Flunews, o anúncio está por detalhes, uma vez que o Sevilla, detentor dos direitos do jogador já aceitou pagar mais da metade dos vencimentos do atleta tendo como compensação a prioridade na compra de dois jovens da base Tricolor.

O acordo teria sido costurado da seguinte forma: com o teto salarial do clube estipulado em R$150 mil, o Fluminense topou pagar R$100 mil a mais para ter Ganso, ou seja, Ganso receberia R$250 mil mensais pagos pelo Fluminense, com o Sevilla arcando com cerca de R$500 mil. Para que o clube espanhol aceitasse essa oferta, o Tricolor ofereceu a prioridade na compra de dois atletas da base do Flu.

Tal prioridade é parecida com o acordo entre Fluminense e Barcelona por Gérson: o Fluminense avisaria ao Sevilla qualquer proposta que receber pelos dois atletas pretendidos pelo clube espanhol, cabendo ao Sevilla a opção de superar o valor ou liberar o jogador ao clube interessado. Exatamente como aconteceu no caso Gérson, quando o Fluminense recebeu a proposta da Roma, da Itália, e o Barcelona optou por não cobrir o valor, com o brasileiro indo jogar no clube italiano.

Dessa forma, ao final do contrato, o Sevilla teria desembolsado algo em torno de R$6 milhões pela prioridade dos atletas e ainda com a chance de recuperar o investimento que fez em Ganso quando o tirou do São Paulo por € 5 milhões (pouco mais de R$18 milhões na época).

Paulo Henrique Ganso: Fluminense convence Sevilla sobre tempo de empréstimo e negocia questão salarial

Paulo Henrique Ganso, que pertence ao Sevilla, da Espanha, é um sonho possível nas Laranjeiras. A negociação avançou após o Fluminense convencer os espanhóis a ampliar a duração do empréstimo de seis meses, até o fim da temporada europeia, para um ano. Numa entrevista à Rádio Globo, domingo, Paulo Angioni discursou otimista quanto a um acerto com o camisa 10. Disse até que Nenê, do São Paulo, permanece no radar.

O próximo passo é alinhar um acordo sobre a questão salarial. O salário é considerado alto para a realidade financeira do clube, que comunicou ao empresário o valor que pode pagar. A intenção é negociar uma composição com o Sevilla, que analisará se a proposta é vantajosa.

Aos 29 anos, Ganso encerrou o empréstimo ao Amiens, da França, para agilizar sua volta ao Brasil. Segundo Angioni, o meia demonstrou interesse em defender as cores verde, branco e grená em 2019. 

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.


Sevilla estaria disposto a liberar Ganso para ter Pedro

Multa do atacante seria de €50 milhões.

O Sevilla sondou a situação do atacante Pedro, artilheiro do Campeonato Brasileiro com 9 gols.

Com uma multa em torno de €50 milhões, a diretoria do clube espanhol considerou a negociação difícil e estariam dispostos a oferecer Paulo Henrique Ganso por empréstimo ao Tricolor para abaixar os custos de uma possível transferência. Contudo, o Fluminense não deve aceitar um valor inferior a €25 milhões.

Sem espaço na Espanha, o Sevilla vê com bom olhos uma negociação para que o meia consiga ter uma sequência de jogos e reencontro o bom futebol. Outro possível destino do meia pode ser o Sporting, de Portugal. Enquanto isso, Pedro é o destaque do Fluminense no ano, com 17 gols marcados toda temporada.

 

ST,

Douglas Wandekochen

fonte: Estádio Deportivo

Top