fbpx

Fluminense x Corinthians: 35 mil ingressos vendidos para jogão da Sul-Americana

Foram vendidos, até o momento, 35 mil ingressos para o jogo entre Fluminense e Corinthians, às 21h30 de quinta-feira, pelas quartas-de-final da Sul-Americana, no Maracanã. Os setores Leste Superior e Inferior e Sul estão esgotados. Compre aqui.

Ainda está disponível a arquibancada Oeste, que cobra R$ 80 (R$ 40 a meia) pela entrada. É incerto se haverá venda e troca de bilhetes no dia do duelo, dado que o regulamento de segurança do torneio veta o funcionamento de bilheterias no entorno do estádio. Porém, o clube pode conseguir mais uma exceção, assim como nas fases anteriores.

Após 0 a 0 em São Paulo, semana passada, o Tricolor precisa vencer por qualquer placar para se classificar. Empate com gols leva o Alvinegro à semifinal. Em caso de nova igualdade sem gols, a decisão se dará nos pênaltis.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Paulo Henrique Ganso é intimado por oficial de Justiça na Arena Corinthians

Após o empate em 0 a 0 entre Corinthians e Fluminense, em São Paulo, pelas quartas-de-final da Sul-Americana, Paulo Henrique Ganso recebeu, ainda na Arena, intimação de oficial de Justiça. A assessoria do clube confirmou a informação, dada, inicialmente, pela Rádio Transamérica.

A autoridade chegou ao estádio a poucos momentos de a bola rolar. Convencida pelo Tricolor, esperou o fim do duelo para se reunir com o camisa 10, no objetivo de não desconcentrá-lo.

Enquanto era conduzido pelo agente a uma sala para entrega do documento, o meia se limitou a dizer que a questão era pessoal. Na zona mista, ele, aos risos, optou por não se pronunciar sobre o episódio.

— Você está preocupado com isso, cara? Falemos do jogo. Mas não me atrapalha (em campo), não — disse a um jornalista.

— Jogo tão bom como esse e você (jornalista) vem me fazer essa pergunta –despistou a outro.

Informa o UOL que trata-se de um processo movido por Victoria Lopes de Almeida, mãe de Maria Victoria Lopes de Almeida de Lima, de 7 anos, filha mais velha do jogador. A mulher com quem se relacionou brevemente deseja uma revisão da pensão. Ele tem mais dois filhos, Henrico, de 4 anos, e Stella, de 2, do casamento com Giovanna Costi.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Comissão técnica quer experiência e testa Fluminense com Nenê

Ao menos uma cara nova deve pintar no Fluminense na quinta-feira, em Itaquera, quando a bola rola para a ida das quartas-de-final da Sul-Americana, contra o Corinthians.

No treino na véspera do jogo, no Centro de Treinamento, Oswaldo de Oliveira, em seu primeiro dia de trabalho, passou instruções ao interino Marcão, que deve promover a entrada de Nenê na vaga de João Pedro.
Assim, Yony González deve voltar a jogar centralizado.

O objetivo da mudança é tornar a equipe mais experiente. Também é considerada a substituição de Marcos Paulo por Wellington Nem. Na zaga, Digão é duvida por causa de dores na panturrilha direita. Frazan pode ser acionado para atuar ao lado de Nino. Yuri, geralmente improvisado, não está inscrito no torneio.


Provável escalação: Muriel; Igor Julião, Nino, Digão (Frazan) e Caio Henrique; Allan, Daniel e Paulo Henrique Ganso; Nenê, Marcos Paulo e Yony González.


Acompanhada do novo técnico, a delegação embarcou para São Paulo na tarde desta quarta-feira. A volta acontece no Maracanã, dia 29, e define quem encara o Independiente Del Valle-EQU na semifinal.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: GloboEsporte.com.

Fluminense detalha venda de ingressos em São Paulo para jogo de quinta-feira

Começou a funcionar na tarde desta quarta-feira o ponto de venda em São Paulo para venda de ingressos para Corinthians x Fluminense, amanhã, em Itaquera. Segunda, a torcida tricolor esgotou a carga disponibilizada para comercialização no Rio de Janeiro.

Serão vendidos 500 bilhetes em SP, sendo 400 inteiras, a R$ 46, e 100 meias, a R$ 23. Cada torcedor poderá adquirir até três. Não haverá troca para sócio nem gratuidade, que não é garantida por lei no estado. São, no total, 2.500 entradas.

Endereço do local: Restaurante Garota da Vila, na rua Julio Diniz – 82, Vila Olímpia; quarta-feira de 12h às 20h e quinta-feira das 10h às 19h.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Marcão revive contra Corinthians função que exerceu em 2016 e promete Fluminense ao estilo de Diniz: “Não abriremos mão”

À frente do Fluminense provisoriamente desde a demissão de Fernando Diniz, no início da semana, Marcão comanda a preparação para o primeiro duelo das quartas-de-final da Sul-Americana, contra o Corinthians, às 21h30 de quinta-feira, em São Paulo. Contratado para o cargo, Oswaldo de Oliveira viaja com a delegação, mas não ficará à beira do campo.

– Marcão é querido por todos os jogadores. O Fluminense tem profissionais que têm boa gestão com os jogadores – revelou Diniz em entrevista no dia da dispensa do clube.

De acordo com o jornalista Victor Mendes, do LANCE!, o auxiliar pensa em fazer somente uma mudança na escalação usada na derrota por 1 a 0 para o CSA, domingo, pelo Brasileirão: Frazan no lugar de Yuri, volante improvisado na zaga. Com dores na panturrilha direita, Digão não vem treinando com bola, mas figura na lista de relacionados para o compromisso de amanhã.

– O jogo do Fluminense é extremamente bonito. Passar uma temporada quase toda com 60%, 70% de posse, passes, finalizações… Não vamos abrir mão disso, o Oswaldo sabe. Temos que dar confiança aos nossos atletas – disse o ex-volante.

Marcão, que retornou ao Tricolor em junho após mais de dois anos, volta a dirigir o Time de Guerreiros. No fim de 2016, com as saídas de Eduardo Baptista e Levir Culpi, ele assumiu o posto de interino durante seis jogos, o último deles no empate em 1 a 1 com o Internacional, em 12 de dezembro, no Giulite Coutinho. À época, venceu duas, empatou duas e perdeu duas.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Adversário na Sula, Corinthians liga sinal de alerta por mudança no comando do Fluminense: “Não sabemos como virão”

O clima entre os corintianos é de dúvida sobre como o Fluminense chegará para enfrentar o Alvinegro, às 21h30 de quinta-feira, na Arena Itaquera, pelas quartas-de-final da Sul-Americana. Na manhã dessa segunda, Fernando Diniz deixou o comando do Time de Guerreiros, novidade repassada por Fábio Carille aos seus jogadores após treino.

Fágner, lateral-direito: “Difícil saber o que pode influenciar. Futebol é dinâmico. Sabíamos que, pelo resultado, tudo era possível. Fábio nos comunicou ali já após o treino para que a gente se conscientizasse que o jogo poderia ter alguma mudança daquilo que eles estavam preparando. E, assim, agora é tentar se preparar da melhor forma possível, porque a gente não sabe quem pode assumir, o que vamos enfrentar, o que pode mudar… Vamos nos preparar para fazer um grande jogo tecnicamente e mentalmente para levar vantagem ao Rio”.

Júnior Urso, volante: “Eu acho que, se influenciar, é para nós termos atenção. Após uma demissão, troca de comando, jogadores querem mostrar para o novo chefe qualidade. Dá um ânimo a mais para que eles possam trabalhar, quando não estão recebendo chance. Quem chega, vai querer colocar sua cara. Vai ser um jogo difícil para o Corinthians. Estilo de jogo muito diferente. Se a gente conseguir repetir o que temos feito, é difícil a gente perder aqui dentro”.

Pedrinho, atacante: “Acho que até foi em um grupo que ele falou, deu essa notícia. Não estava. Fiquei sabendo no vestiário. Sabíamos que seria um jogo difícil. Diniz tem seu estilo diferente. Com a demissão dele, não sabemos como eles virão”.

Marcão, que assume o cargo interinamente, promoveu nessa manhã, sem Digão, em tratamento de dores na panturrilha direita, a primeira atividade em preparação para o duelo do meio de semana. Abel Braga recebeu a primeira sondagem e avalia retorno às Laranjeiras, de onde saiu, pela última vez, em junho de 2018.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Fluminense fará transmissão de duelo com Corinthians pela Sula em evento nas Laranjeiras

O Fluminense abrirá suas portas para receber torcedores no evento de transmissão, através de telão, do primeiro duelo com o Corinthians pelas quartas-de-final da Sul-Americana, às 21h30 do dia 22 (quinta-feira), em São Paulo. Haverá ainda show da cantora carioca Jô Borges.

Os ingressos custam R$ 20 para sócios e R$ 60 para o público-geral e dão direito a um copo exclusivo. A entrega de um quilo de alimento não-perecível, no acesso ao local, garante a meia social. A entrada será pela Rua Pinheiro Machado, a partir das 18h.

Iniciada na manhã desta sexta-feira, a venda acontece por meio do site do Bilheteria Digital (clique aqui para garantir o seu bilhete) e no balcão da Sala de Troféus do clube (dias e horários: sexta-feira – 10h às 18h, sábado – 10h às 16h, domingo – 10h às 14h, segunda – 14h às 18h, terça à quinta – 10h às 18h).

A ação estreou na fase anterior, quando o Time de Guerreiros disputou no Uruguai o jogo de ida contra o Peñarol. Na ocasião, mais de 3 mil tricolores compareceram ao evento.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Digão lamenta racismo sofrido por Pablo Dyego no Uruguai: “Isso nos incomoda demais”

Pablo Dyego disse ter sido vítima de racismo, pela primeira vez, no Uruguai, à época do primeiro jogo contra o Peñarol, no fim de julho, pela Sul-Americana. Aos 25 anos e com clubes de EUA, Canadá, Suécia e Polônia no currículo, o atacante afirmou que nunca havia sofrido discriminação racial explicitamente.

– Teve um episódio agora que aconteceu no Uruguai, em que eu sofri racismo, eu e alguns companheiros que também ali estavam. Infelizmente essa é a realidade que a gente vive hoje em dia, em um mundo tão moderno. Me deixa triste, até. Porque nunca tinha sofrido assim, de forma tão explícita, como sofri lá no Uruguai. Mas é levantar a cabeça e não deixar essas coisas ruins marcarem a gente – explicou ao “Saudações Tricolores”.

Em entrevista no Centro de Treinamento nesta quarta-feira, Digão detalhou e revelou a reação do colega ao episódio. O zagueiro passou pelo mesmo problema em solo uruguaio.

– Infelizmente, é uma coisa que dificilmente vai mudar. Eu sofri no ano passado, em um jogo contra o Defensor pela Sul-Americana. Cara ficou provocando o tempo todo. Me chamou do que vocês sabem. Eu fiz um gol e fiz um coração para ele para provocar. É uma coisa que não tem como controlar. Chamaram o Pablo de macaco lá no treino após o jogo. Ele entrou muito triste no vestiário. É algo que a gente não espera. Quero que essas coisas parem. Estamos em 2019. Isso nos incomoda demais.

Em maio, na virada por 5 a 4 sobre o Grêmio, Yony González ouviu falas racistas de gremistas presentes à Arena. Inicialmente condenado a pagar multa de R$ 30 mil, o clube gaúcho recorreu e, no início do mês passado, conseguiu a absolvição.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fluminense promove trocas na lista de inscritos na Sul-Americana

Contratados em meados de julho, Nenê e Wellington Nem não puderam enfrentar o Peñarol, mas estão liberados para jogar a Sul-Americana a partir das quartas-de-final, na qual o Fluminense duelará com o Corinthians, nos dias 22 e 29 de agosto. O primeiro jogo é na Arena, em São Paulo, e o segundo, no Maracanã.

O meia e o atacante foram cadastrados, respectivamente, nas vagas de Paulo Ricardo e Luciano, que deixaram o clube. Por isso, Nenê fica com a camisa 4 e Nem, com a 18.


Relação atualizada:

Goleiros
1 – Marcos Felipe
25 – Agenor
27 – Muriel

Laterais
2 – Gilberto
12 – Marlon (Boavista-POR)
16 – Mascarenhas
21 – Igor Julião

Zagueiros
3 – Matheus Ferraz
7 – Frazan
22 – Nino
26 – Digão

Volantes
5 – Airton
6 – Allan
8 – Bruno Silva
13 – Caio
15 – Dodi
19 – Caio Henrique
29 – Zé Ricardo

Meias

17 – Paulo Henrique Ganso
4 – Nenê
20 – Daniel

Atacantes
9 – Pedro
10 – Pablo Dyego
11 – Yony González
18 – Wellington Nem 
23 – João Pedro
24 – Marcos Paulo
30 – Marcos Calazans (São Paulo)

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Conmebol define dias e horários de Fluminense x Corinthians, pela Sul-Americana

Fluminense e Corinthians conheceram nesta sexta-feira os dias e horários dos jogos em que vão se enfrentar pelas quartas-de-final da Sul-Americana. Sorteado anteriormente em chave inferior à do Tricolor, o Alvinegro abre o confronto na Arena, dia 22 de agosto (quinta-feira). Assim como na última fase, quando eliminou o Peñarol, o Time de Guerreiros decide a vaga no Maracanã, dia 29. Ambos os duelos estão marcados para 21h30.

Quem avançar às semis pegará o vencedor de Independiente-ARG x Independiente Del Valle-EQU. A equipe das Laranjeiras, se passar, pode novamente jogar a segunda partida em casa, caso o adversário seja o clube argentino.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Top