Diniz deve seguir com rodízio e escalar time alternativo contra o Boavista

Único 100% até aqui no Campeonato Carioca, com três vitórias em três jogos, o Fluminense volta a campo na noite desta quinta-feira (26), quando enfrenta o Boavista, as 21h10, no estádio do Maracanã.

Seguindo o planejamento estabelecido no início da temporada, o técnico Fernando Diniz deve seguir com o rodízio de jogadores na equipe e escalar novamente uma equipe alternativa.

Desta forma, a tendência é que o treinador mande a campo a mesma equipe que venceu o Nova Iguaçu por 1 a 0 na segunda rodada. Única dúvida é no meio de campo, se começa com Giovanni o Michel Araujo.

Com isso, o Flu deve começar a partida com a seguinte escalação: Pedro Rangel; Guga, Vitor Mendes, David Braz e Jorge; Felipe Melo, Lima e Michel Araújo (Giovanni); Marrony, Alan e Keno.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

São Paulo deve ter time alternativo para encarar o Fluminense

São Paulo e Fluminense se enfrentam neste domingo (17) após ambas as equipes avançarem às quartas de finais da Copa do Brasil, eliminando Palmeiras e Cruzeiro respectivamente.

A sequência do São Paulo no entanto, foi um pouco diferente da do Flu. Enquanto o clube Carioca vinha de duas semanas jogando somente o Brasileirão, o São Paulo enfrentou uma maratona com jogos eliminatórios também pela Copa Sul-Americana, onde também conseguiu a classificação.

Passado a maratona, o técnico Rogério Ceni deve fazer algumas alterações na equipe, podendo mandar a campo uma equipe alternativa:

Vamos ter que fazer trocas para esse jogo. Tem gente muito cansada. Enquanto a gente consegue alternar jogadores para não correr risco de lesões – afirmou o treinador que terá apenas a atividade deste sábado (16) para definir a equipe.

Foto em destaque: Divulgação/SPFC

Apesar de ter viajado com os titulares, Fluminense deve ter time reserva contra o Oriente Petrolero

O Fluminense embarcou para a Bolívia, onde enfrenta o Oriente Petrolero nesta quinta-feira (26) pela última rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. E, como tem remotas chances de classificação, Diniz deveandar a campo uma equipe alternativa

Apesar de ter lavado o grupo principal para a viagem, a tendência, segundo informações do repórter Victor Lessa, é que o treinador iniciei o jogo com os reservas. A viajem dos titulares se dá por conta do calendário apertado, visto que já no final de semana o Tricolor enfrenta o Flamengo pelo Campeonato Brasileiro e, o tja pensa em preparar o time para o clássico.

Com isso, o provável Flu é o seguinte: Fábio (Marcos Felipe); Samuel Xavier, Manoel, Luccas Claro e Cris Silva (Marlon); Wellington (Andre), Martinelli e Nonato; Caio Paulista, Arias e William Bigode.

Foto em destaque: Marcelo Gonçalves/FFC

Técnico do Flu, Abel Braga indica nova mexida no time para jogo da Sula

O Fluminense volta a campo já nesta terça-feira (26) quando enfrenta o Union Santa Fé, da Argentina, em jogo válido pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana, quando o Tricolor já precisa vencer para voltar a briga pela classificação.

Vindo de derrota para o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro, Abel Braga já indicou que deve mandar a campo uma equipe com novas mexidas:

Nós já conversamos, até agora não chegamos a um denominador. Não tem controvérsia, o que tem é que estamos tentando sempre colocar o que é melhor para a equipe. E vai continuar assim, a não quer que chegue: “Olha, a prioridade agora é isso”. Eu, a cada jogo, escalando certo ou errado, estou colocando aquilo que eu sinto. Com certeza, depois desse jogo, vão chegar para mim: “Esse, esse e esse não põe”. E não vou pôr, vamos ver se tenta alguma coisa diferente. Vamos jogar contra um time relativamente novo, mexe muito, muito forte. Temos que entrar preparados, vamos ver o que vai dar – disse o treinador.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Mesmo com time misto, Ganso deve iniciar no banco

Camisa 10 do Fluminense, Paulo Henrique Ganso não vem gozando de muito prestígio com o técnico Abel Braga, que não utilizou o meia em nenhum dos cinco jogos do clube até aqui.

O jogador chegou a ser o pivô de vaias da torcida contra o treinador na partida contra o Audax-RJ, quando Abel escolheu pela entrada de Wellington, deixando o meia no banco, isso após ter ficado inclusive de fora dos relacionados da partida contra o Madureira, o que teria gerado um desentendimento entre atleta e treinador, segundo informações do portal NetFlu.

Ganso esteve as vias de entrar no Fla-Flu, porém, com a expulsão de Calegari, Abel recuou da troca.

Já na partida deste domingo (13), contra a Portuguesa, o treinador deve mandar a campo uma equipe mista, porém, ainda sim, Ganso não deve começar jogando. A provável escalação traz Martinelli, Nonato e Nathan como titulares no meio de campo.

Assim, o Fluminense deve começar o jogo com a seguinte escalação: Fábio; Calegari, David Duarte, Manoel, Lucas Claro, Cris Silva; Martinelli, Nonato, Nathan; Jhon Arias, Germán Cano.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Com a cabeça na Libertadores, Fluminemse deve jogar próximas rodadas do Carioca com time alternativo

Após se consolidar no G4 do Campeonato Carioca com o retrospecto de quatro vitórias seguidas, sendo as duas últimas nos clássicos contra Flamengo e Botafogo, o Fluminense deve começar a usar time misto no campeonato.

Segundo informações do setorista do Tricolor pela Rádio Globo, Victor Lessa, o técnico Abel Braga vai poupar quase toda a equipe titular para o jogo deste domingo (13), contra a Portuguesa. Além disso, daqui até o jogo pela segunda fase da Libertadores, contra o Millonarios, a intenção é usar os titulares somente contra o Nova Iguaçu, na quarta-feira (16).

Contra o Volta Redonda, inclusive, último jogo antes da viagem para a Colômbia, a delegação partirá do jogo direto para o aeroporto, o que deve fazer com que todos atletas estejam no estádio, mas com o time alternativo entrando em campo.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Pensando na Libertadores, Fluminense deve ter time alternativo contra o Sport

O Fluminense entra em campo neste sábado (10), quando enfrenta o Sport, pela 11° rodada do Campeonato Brasileiro, porém, o pensamento já é no jogo da próxima terça-feira (13), quando enfrenta o Cerro Porteño, no jogo de ida das oitavas de finais da Libertadores.

Por esse motivo, o técnico Roger Machado deve mandar a campo uma equipe alternativa contra o Leão, poupando praticamente todos os titulares para o jogo de terça-feira (13).

Assim, o time que inicia o jogo deve ser o seguinte: Muriel; Calegari, Manoel, David Braz e Danilo Barcelos; Wellington, Martinelli e Nenê; Cazares, Kayky e Lucca.

Foto em destaque: Mailson Santana/FFC

Fonte: GE

Com viagem para Colômbia no meio de semana, Roger Machado pode escalar time alternativo contra o Madureira

O Fluminense volta a campo na manhã deste domingo (25), quando enfrenta o Madureira, pela última rodada da fase de grupos do Campeonato Carioca, às 11h05, no estádio do Maracanã.

Com uma viagem desgastante agendada para a Colômbia já no início da próxima semana, o técnico Tricolor, Roger Machado, pode mandar a campo um time alternativo para encarar o Madureira. Com isso, alguns jogadores recém contratados podem ganhar oportunidade, assim como alguns atletas que já estavam presentes no elenco, também pode ganhar outra chance.

Desta forma, Roger deve optar por um ataque com Raul Bobadilla ou Abel Hernandez, ou até mesmo com os dois atuando juntos. No meio, Cazares,.principal destaque contra o River Plate pode começar jogando pela primeira vez, mas também há expectativa para oportunidades para Ganso e Miguel, que sequer foram relacionados para o jogo contra os argentinos.

Hudson é outro que também pode ganhar uma nova chance. O jogador que era um dos pilares do time de Odair Hellmann na última temporada, perdeu espaço com Marcão, e continuou com poucas oportunidades com a chegada de Roger Machado e a contratação de Wellington.

Outras caras novas que podem ganhar oportunidades é o zagueiro Manoel e o lateral Samuel Xavier. Manoel já vem sendo relacionado por Roger, no entanto ainda não fez sua estreia com a camisa Tricolor. Já Samuel, contraiu a Covid-19 assim que chegou ao Flu no início da temporada, o que o fez perder parte da preparação, o lateral esteve no entanto em campo por alguns minutos contra o Botafogo e agora vive a expectativa de ganhar mais oportunidades contra o Madureira.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC