fbpx

Fernando Diniz se junta a Tite e Jorge Sampaoli em dia de palestras na CBF

Durante a semana, a CBF sediará, na Barra da Tijuca, a terceira edição do Somos Futebol 2019, projeto que visa à evolução do esporte mais popular do mundo. O evento vai reunir diversas personalidades do mercado para colocar em discussão nove assuntos: Técnicos e Táticas; Categorias de Base; Patrocínios e Ativações; Branding; Futebol e a Transformação da Mídia; Licenciamento de Clubes e Fair Play Financeiro; Futebol Feminino; Desenvolvimento do Futebol; e Arbitragem.

Nessa segunda-feira, três dos principais treinadores brasileiros darão palestras pela manhã. Considerado o melhor técnico do Campeonato Carioca em seleção divulgada pela FERJ, Fernando Diniz, do Fluminense, está escalado para a preleção, assim como Tite, da Seleção, e Jorge Sampaoli, do Santos.

À tarde, Diniz comanda treino do Time de Guerreiros no Centro de Treinamento, de olho, especialmente, no jogo da volta da 4ª fase da Copa do Brasil, contra o Santa Cruz, quinta-feira.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Pedro impressiona em derrota para o Internacional e vê Seleção mais perto: ‘Sonho realizado’

Enquanto o Fluminense enfrenta uma maré turbulenta, Pedro está prestes a comemorar sua primeira convocação para a Seleção. Artilheiro do Campeonato Brasileiro, com 10 gols, ele foi assistido por Tite nesta segunda-feira, no Maracanã, na derrota para o Internacional, por 3 a 0. 

Embora tenha passado em branco, os lances em que esbanja qualidade técnica foram elogiados pelo técnico brasileiro. No replay de um deles, no camarote do estádio, o comandante foi flagrado elogiando o centroavante: “Joga muito”. 

– Fico feliz pelo elogio do professor Tite, mas triste pela derrota do Fluminense. Não posso ficar ansioso por isso (convocação), porque nós temos um jogo importante na quinta-feira. Vou trabalhar forte, fazer o meu melhor quinta-feira e, se Deus quiser, esse sonho vai acontecer – disse, mantendo pés no chão.

A convocação para os amistosos de setembro, contra EUA e El Salvador, nos dias 7 e 11, acontece nesta sexta-feira, quando Pedro estará retornando ao Rio de Janeiro, depois de decidir vaga nas oitavas-de-final da Sul-Americana, contra o Defensor. 

– Isso é o Tite que tem que ver. Ele que vai convocar a Seleção. Como sempre falo, é fazendo meu melhor aqui no Fluminense que as coisas vão acontecer naturalmente, se Deus quiser na próxima convocação meu nome vai aparecer e vai ser um sonho realizado, uma oportunidade que não quero deixar escapar.

Ao passo que se destaca no Brasil e ganha visibilidade na Europa, Pedro preocupa os tricolores por uma eventual saída. Com salários atrasados, o Fluminense pode ter na venda do camisa 9 a esperança de regularizar dívidas e aliviar os cofres nas Laranjeiras. Segundo o jornal ‘O Globo’, a investida em Kayke, ex-Bahia, é já para preencher uma lacuna que, até o fechamento da janela, em 31 agosto, talvez fique vaga. 

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Observado por Tite, Pedro pode ganhar chance na Seleção ainda em 2018

Principal nome do Fluminense, Pedro tem colhido os frutos de seu talento e brilho em 2018, ano em que assumiu a camisa 9 do clube onde foi formado. O artilheiro do Campeonato Brasileiro, com nove gols, desponta como possível novidade nas convocações de Tite para os últimos amistosos do Brasil nesta temporada, em setembro, outubro e novembro.

Observado pela comissão técnica da Seleção desde 2016, quando treinou duas vezes com os selecionados do treinador, o centroavante é considerado uma raridade no futebol brasileiro, dada a atual dificuldade em revelar jogadores para a posição. Pedro agradou pela mobilidade e pela facilidade em proteger a bola.

Até mesmo durante a Copa do Mundo, entre junho e julho, Pedro e sua ascensão eram assuntos comentados por Tite a seus auxiliares. À época, o moleque de Xerém já se destacava com a camisa verde, branca e grená. Com o fim do Mundial, conquistado pela França, surgiu a discussão sobre quem deve ser o homem-gol do Brasil, uma vez que Gabriel Jesus, dono da vaga, teve um desempenho ruim e acabou abrindo brechas para Roberto Firmino entrar de vez na disputa.

Na segunda-feira, os trabalhos serão retomados na sede da CBF, no Rio de Janeiro. A ideia é decidir as diretrizes da próxima lista, que deve ser anunciada em 17 de agosto e valerá para os jogos do dia 7 e 11 de setembro, contra Estados Unidos e El Salvador, respectivamente. Aos 21 anos, Pedro briga pelo seu espaço e tem chances de ser lembrado.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Tite decide preservar Marcelo de jogo com México e mantém Filipe Luís

Para enfrentar o México, nas oitavas-de-final da Copa do Mundo, o Brasil estará desfalcado do lateral-esquerdo e atual campeão da Champions League, Marcelo. Ele sofreu espasmo na coluna, em jogo contra a Sérvia, e está fora desta primeira etapa do mata-mata. Retorna na próxima fase, em caso de classificação brasileira.

O camisa 12, formado no Fluminense, trabalhou em dois treinos antes da partida desta segunda-feira, mas a comissão técnica decidiu preservá-lo. Segundo Tite, Marcelo ainda se encontra em uma ‘situação de insegurança’. Entenda as explicações do treinador e do preparador físico da Seleção, Fábio Mahseredjian.

– Falei com o Marcelo. Numa situação normal, ele jogaria. O que não pode é o técnico colocar um atleta em situação de insegurança num jogo desse. Eu disse a ele como é legal ter um cara que foi para o campo, ele quer participar. Isso mostra sua responsabilidade, seu comprometimento, mas me foi colocado que ele teria 45 ou 60 minutos de tempo de segurança. Não posso num jogo decisivo – justifica.

– O Marcelo jogou pouquíssimo tempo no dia 27 (na vitória sobre a Sérvia). No dia 28 e 29, o departamento médico não fez absolutamente nada. Ontem (sábado), veio a campo, fez trabalho com bola, um pouquinho específico, mas sem enfrentamento. Trabalho que foi feito hoje (domingo) também com baixo volume. Isso me faz ter a conclusão de que ele perde um pouco da velocidade de reação e faz com que fiquemos temerosos para um jogo que possivelmente tenha 120 minutos. Quando vou dar estimativa de tempo, não posso cravar que tenha capacidade para 120 minutos. Além disso, a previsão é de temperatura elevada, o que faz com que o desgaste físico seja muito grande.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

FluFest 2018: clique aqui e garanta sua presença na festa de 116 anos do Fluminense!

Top