Cruzeiro pode perder pontos no Brasileirão por dívida de transferência de jogadores

Raposa poderá ser punida pela Fifa por conta de dívida referente à compra de Willian, mas já obteve recurso no TAS (Tribunal Arbitral do Esporte)

A Fifa tornou públicas as decisões dos seus órgãos colegiados, entre elas as sentenças sobre de sanções por falta de pagamento. Foram quatro sentenças relacionadas ao Cruzeiro que foram publicadas com cobranças: Morelia (do México) referente a Riascos; Tigres (México) referente a Rafael Sobis; Defensor (Uruguai) referente a Arrascaeta; e Al Wahda referente a Denilson. As punições dos casos são todas já conhecidas, e houve recursos por parte do clube. Em todas essas, o Cruzeiro reconheceu a dívida, mas alegou “circunstâncias excepcionais” para não quitar os débitos.

O Cruzeiro poderia perder seis pontos no Campeonato Brasileiro 2019 por conta dessa punição. A informação foi divulgada pela coluna do Ancelmo Gois, do jornal O Globo. O clube, no entanto, obteve recurso e adiou o pagamento do débito.

A determinação é da FIFA, que poderá obrigar a CBF a retirar 6 pontos da Raposa quando todos os recursos jurídicos do clube mineiro terminarem. Isso pode até mesmo rebaixar a Raposa pela primeira vez na sua história.