fbpx

Fluminense divulga nota desmentindo possível renuncia de Abad

Ao longo do dia circulou a notícia de que o presidente estudava melhor forma de renunciar ao cargo.

Diante das notícias que circularam ao longo do dia em que se especulava uma possível renuncia do presidente Pedro Abad, o Fluminense, por meio de sua assessoria de imprensa, divulgou uma nota na qual desmente o rumor da renuncia de seu mandatário.

A nota ainda vem informando que o clube já tem definido o projete do futebol para 2019 e que está proxiprde anunciar o novo comandante para a temporada seguinte:

“Ao contrário do que foi noticiado pela imprensa, o presidente do Fluminense Football Club, Pedro Abad, não irá renunciar ao seu cargo. O planejamento do clube para 2019 segue em andamento e as novidades serão anunciadas em breve, inclusive o treinador.” 

Disse a nota divulgada pelo clube na tarde desta sexta-feira (14).

Em relação ao treinador, o clube avançou nas tratativas com Fernando Diniz e a espectativa e de anunciar o novo comandante ainda neste final de semana.

 

 

foto: Nelson Perez

Preferido de Angioni, nome de Gilson Kleina ganha força no Flu

Nome do treinador no entanto não é o preferido do presidente Pedro Abad.

Ainda sem um nome para o cargo de treinador da equipe em 2019, o Fluminense pode ter como novo comandante, Gilson Kleina, nome preferido do diretor de futebol do tricolor, Paulo Angioni.

De acordo com informações do jornal Extra, o nome do treinador no entanto não é o preferido do presidente do clube, Pedro Abad, que tinha como favorito o técnico do Sub-20, Léo Percovich, nome esse vetado por Angioni.

Além de Kleina, o diretor teria indicado ainda os nomes de Jair Ventura e Fernando Diniz. Outro nome que seria o da orefeprefer de Abad, Roger Machado, está praticamente descartado devido ao alto valor salarial.

Kleina por sua vez viveu altos e baixos na temporada de 2018. Após ser demitido do Chapecoense devido à má campanha da equipe no Brasileirão, o treinador assumiu a Ponte Preta conseguindo o acesso da equipe de Campinas a elite do futebol brasileiro em 2019. Recentemente o treinador foi procurado pelo Vitória mas as partes não se acertaram em relação aos valores.

 

foto: Sirli Freitas 

Jair Ventura se aproxima de acerto para ser o novo treinador do Fluminense

Treinador deixou recentemente o comando técnico do Corinthians.

De acordo com o comentarista dos canais Fox Sports, Rodrigo Bueno, Jair Ventura está muito propróxde ser o novo treinador do Fluminense.

Ainda de acordo com o comentarista, embora não tenha nenhuma confirmação de ambas as partes,  já existe um acordo verbal para que o treinador ex Botafogo, Santos e Corinthians seja o novo técnico do Fluminense.

Jair Ventura se destacou no Botafogo quando substituto Ricardo Gomes no meado de 2016 e levou o alvinegro à Libertadores do ano seguinte, onde teve um bom desempenho sendo eliminado para o Grêmio em um confronto bastante equilibrado. Já nas passagens por Santos e Corinthians, não teve o mesmo êxito, mesmo levando o Corinthians ao vice campeonato da Copa do Brasil.

 

foto: Vitor Henrique/Santista Roxo

Mesmo com cenário escasso, Léo Percovich não deve ser efetivado

Diretoria busca um treinador com o mesmo perfil de Abel Braga.

O Fluminense vem encontrando enorme dificuldade para encontrar o substituto de Abel Braga, que pediu demissão do cargo de treinador no último sábado (16). No entanto, a efetivação de Léo Percovich, que chegou a ser cogitada por alguns membros da diretoria, está descartada, pelo menos por enquanto. Uma vez que a ideia da direção do clube é dar seguimento no trabalho do treinador à frente da equipe sub-20.

A intenção da diretoria tricolor, é encontrar um nome que tenha as mesmas características de Abel Braga. Um profissional que passe confiança e sirva de referência aos jogadores.

 

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Mailson Santana

Pedida de Dorival assusta e treinador fica mais distante do Flu

Diretoria tricolor já analisa inclusive outros nomes.

Tido como o nome favorito para assumir o comando técnico do Fluminense, o treinador Dorival Júnior teria feito uma pedida acima do teto tricolor e com isso ficou mais improvável um acerto e o tricolor já começa a trabalhar com outras hipóteses.

De acordo com informações do UOL esportes e confirmadas pelo canal Flunews, os nomes de Guto Ferreira ex Bahia e Marcelo Cabo atualmente no CSA – 4° colocado da série B – são os que mais se aproximam de um acerto com o tricolor. Contudo, e possível que a direção do tricolor tente um novo contato com Dorival Júnior.

Vale destacar que a intenção da diretoria é definir o próximo comandante até o dia 26 desse mês, quando o elenco se reapresenta para seguir a preparação para o restante da temporada.

 

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Marcos Ribolli

Após recusa de Zé Ricardo, nome de Dorival Júnior ganha força no Flu

Treinador é o nome favorito do presidente Pedro Abad.

O nome do técnico Dorival Júnior ganhou força após a recusa de Zé Ricardo e, surge como favorito para assumir o comando técnico do Fluminense.

O ex técnico do São Paulo é o favorito do presidente tricolor, Pedro Abad, que viu um bom desempenho no último trabalho do treinador quando comandou o Fluminense em 2013, mesmo não tendo livrado a equipe do rebaixamento na época.

O diretor executivo Paulo Angioni, que ainda não foi anunciado no cargo, trabalha ao lado de Abad e do vice de futebol Fernando Camargo para anunciarem o substituto de Abel até o dia 26, data marcada para a reapresentação do elenco.

Outro nome que surge como alternativa é onde Guto Ferreira, demitido do Bahia e que já teria sido inclusive sugerido aos dirigentes do flu.

 

ST,

Douglas Wandekochen

fonte: Globoesporte.com

Zé Ricardo recusa oferta para comandar o Flu

Treinador teria sido contactado logo após a saída de Abel Braga.

O técnico Zé Ricardo recusou ao convite para ser o novo treinador do Fluminense. De acordo com o site Globoesporte.com, o treinador foi contactado logo após o pedido de demissão de Abel Braga.

De acordo com informações obtidas pelo canal Flunews, o motivo da recusa teria sido os constantes atrasos de salários, além do clima político turbulento em que atravessa o clube das Laranjeiras, onde na visão de Zé Ricardo, não daria respaldo nem segura para uma sequência de trabalho.

Outro motivo da negativa do treinador seria o fato de Zé não querer ficar rotulado como treinador apenas de clubes cariocas, uma vez, que seus únicos trabalhos nos profissionais foram no Flamengo e no Vasco.

De férias com a família, o treinador espera por propostas do Brasil ou até mesmo da Arábia.

 

ST,

Douglas Wandekochen

foto: Thiago Ribeiro/ AGIF

Top