Willian Bigode prefere continuar em São Paulo

Segundo informações do jornalista Marcelo Hazan, do site goal.com, o atacante prioriza continuar no clube paulista essa temporada, e a maior possibilidade no momento é uma renovação de seu contrato que se encerra no fim de 2021, até o fim de 2022. 

O Palmeiras ainda não fez oferta de renovação para o atacante, muito por conta do envolvimento nas finais da Supercopa do Brasil, e da Recopa Sul Americana. Mas como tem bom relacionamento com o atleta e seu staff, isso não preocupa. 

Com isso, o jogador vai ficando cada vez mais distante do Tricolor das Laranjeiras. Ainda mais por conta do prazo apertado de inscrição para a estreia da Libertadores e dos jogos em sequência. 

Fonte: Goal.com

Foto: César Greco

Em entrevista a Portal, empresário de Willian Bigode diz que chance de vir para o Flu é pequena

Atacante tem compromissos importantes a curto prazo no Palmeiras como a super copa do Brasil contra o Flamengo, em Brasília. 

Sonho da diretoria tricolor para reforçar o elenco do Flu para a libertadores, tem pouquíssimas chances de pegar a ponte aérea para o Rio de Janeiro. Tudo por conta dos compromissos importantes do Verdão paulista. 

 O time de São Paulo disputará a Recopa Sul-Americana e a Supercopa do Brasil. Em entrevista ao NETFLU, o empresário do jogador, Eduardo Uram, confirmou que uma negociação neste momento é para lá de improvável.

– O Palmeiras tem duas finais essa semana. A concentração do Palmeiras é nessas duas possibilidades de título. Passado isso, o clube vai fazer um planejamento mais profundo na temporada e aí, as chances podem crescer ou não. Neste momento, há uma chance remota de ele ir para o Fluminense – falou.

O Fluminense sonhava com o atacante como grande reforço para a temporada desde o ano passado. O projeto até agradou ao jogador de 34 anos, mas não foi o suficiente.

Foto: Palmeiras/Divulgação 

Fonte: Netflu

Três posições na mira de reforços e esforço por Willian Bigode

Tricolor tem três posições bem visadas para reforçar o time para a Libertadores: Zagueiro, atacante de lado e centroavante. Os alvos iniciais também já estão definidos. Willian Bigode (Palmeiras), Eduardo Sasha (Atlético-MG) e David Duarte (Goiás), respectivamente. Nenhum dos atletas tem fácil negociação em curso, pelo contrário. 

Willian Bigode é o principal desejo da diretoria e comissão técnica tricolor, já houve contato entre as partes, porém, o jogador tem alto salário no Palmeiras, e o próprio clube paulista almeja uma renovação, mesmo que por valor menor do que o atual. Há a possibilidade de renovação com o clube paulista e empréstimo ao Flu. O principal trunfo tricolor seria a titularidade do jogador no clube, o que no time paulista não é realidade. 

Eduardo Sasha é outro atleta procurado, mas em princípio sem qualquer avanço nas negociações. O Atlético-Mg foi consultado para um possível empréstimo, porém, o time mineiro não se animou com a ideia de reforçar um rival na Libertadores. 

Por fim, o zagueiro David Duarte do Goiás, a situação do jogador é difícil, mas ainda assim viável. O clube goiano exige uma compensação para liberar o atleta, o que não está em pauta do tricolor fazer. Mas o zagueiro já poderá assinar um pré contrato no meio da temporada, o que faz a negociação ficar um pouco mais fácil. 

Fonte: Ge

Foto: Ivan Storti/Santos FC