fbpx

Fluminense negocia renovação e compra do passe de Yony González

Uma das sensações neste início de ano, Yony González conquistou a torcida e a diretoria em apenas seis jogos. Marcou quatro gols e ainda anotou duas assistências, sendo uma, inclusive, no Fla-Flu que levou o Fluminense à final da Taça Guanabara.

Contratado após deixar o Junior Barranquila, o colombiano assinou até dezembro. A ideia nas Laranjeiras é ampliar o vínculo e adquirir uma maior porcentagem do passe, que é, hoje, dividido em 90% para o jogador e 10% para o Fluminense.

A negociação, que busca acordo por um valor para que o contrato seja ampliado, está em fase de conversas com o empresário de Yony. O cenário é desfavorável ao Tricolor, que enfrenta crise financeira e, assim, precisa encontrar alternativas para segurar o camisa 11.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Com Digão e Yony em Brasília, Diniz considera escalar força máxima em clássico contra o Vasco

No sábado, o Mané Garrincha sedia o clássico entre Fluminense e Vasco, que decidem o primeiro lugar no grupo B da Taça Guanabara. O líder ganha a vantagem do empate e pegará um clube pequeno na semifinal, marcada para o dia 10.

Na chegada a Brasília, o técnico Fernando Diniz disse que considera escalar força máxima para o jogo. Ele, porém, não revelou se haverá jogadores poupados, tampouco a escalação que mandará a campo. 

A novidade entre os relacionados é Digão, que não atua desde a estreia na temporada, frente ao Volta Redonda, em razão de um estiramento na coxa direita.

— Podemos repetir a escalação, podemos poupar jogadores. Vamos conversar internamente com todos os departamentos envolvidos e depois tomar a melhor decisão. Mas os dois cenários são possíveis. Ainda não sei o que faremos – disse o treinador, na quarta-feira.

Com desgaste muscular, Yony González era dúvida, mas deve começar jogando. Ele havia sentido dores na perna esquerda, região da virilha, na goleada sobre o Americano. O problema persistiu contra Portuguesa e Madureira. Mesmo com dois amarelos, Airton também deve ser escalado.

A delegação viajou completa nesta sexta-feira, inclusive com possíveis desfalques no fim de semana, uma vez que o Fluminense não volta ao Rio após duelar com o rival. A próxima parada é o Piauí, onde a equipe encara, na terça-feira, o River, pela primeira fase da Copa do Brasil. 

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.


Regularizado, Yony González estreará em jogo contra o Americano

Na véspera da segunda rodada da Taça Guanabara, contra o Americano, o Fluminense conseguiu suspender a decisão judicial que impedia o registro de jogadores na FERJ e CBF. Os contratos foram publicados assim que saiu a liminar favorável aos tricolores. 

Assim, o grupo que viaja a Saquarema ganha mais seis membros: Yony González, Marlon, Mateus Gonçalves, Caio Henrique, Luiz Fernando e Nathan Ribeiro. O primeiro, inclusive, estreará nesta quinta-feira, na vaga  de Marquinhos Calazans.

Yony González deve estrear pelo Fluminense nesta quinta-feira. (Foto: Lucas Merçon)

Curado de uma amigdalite, Bruno Silva voltou a treinar com os companheiros e também pode fazer, neste meio de semana, a sua primeira partida pelo novo clube.

Marlon, que havia assumido a lateral-esquerda durante a pré-temporada, deve começar entre os reservas. Mascarenhas agradou a Fernando Diniz no empate em 1 a 1 com o Volta Redonda, sábado, e terá mais uma chance na equipe.

Digão é o principal desfalque de Fernando Diniz. Deixou o primeiro jogo do ano com um estiramento na coxa direita e ainda não sabe quando retornará aos gramados. Dessa maneira, Matheus Ferraz deve comandar a zaga, ao lado de Ibañez.

Além do zagueiro, Dodi, com um edema na coxa direita, e Igor Julião, com um pequeno problema no joelho direito, não serão relacionados. 


Provável escalação: Rodolfo, Ezequiel, Ibañez, Matheus Ferraz e Mascarenhas; Airton, Bruno Silva e Daniel; Luciano, Yony González e Everaldo.


Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Top